Gadgets & Cia I MacBook Pro Retina ganha chips mais rápidos, mais memória e leve corte de preço (29/07/14)

A Apple atualizou hoje sua linha MacBook Pro com tela Retina: os laptops receberam chips mais rápidos, mais memória e – no caso do modelo de 15 polegadas – um ligeiro corte de preço, inclusive no Brasil.

No ano passado, o MacBook Pro já havia recebido processadores Intel Haswell, que fornece maior duração de bateria. Agora, os modelos básicos têm o dobro de memória e CPUs levemente mais rápidos.

Por exemplo, o modelo básico de 13 polegadas tem processador Core i5 dual-core de 2,6 GHz e 8GB de memória (o modelo anterior tinha chip Core i5 de 2,4 GHz e 4 GB de memória).

O modelo básico de 15″, por sua vez, tem 16 GB de memória e processador Core i7 quad-core de 2.2GHz (contra 8 GB e 2,0 GHz na versão anterior).

Os laptops foram atualizados, mas os preços não mudaram: o modelo básico de 13″ continua custando US$ 1.300 (R$ 6.700 no Brasil), e a versão de 15″ ainda sai por US$ 2.000 (R$ 10.000 no Brasil).

Só o modelo mais caro, com 15″ e chip gráfico GeForce GT 750M, que recebeu um desconto de US$ 100 (R$ 500 no Brasil), e agora custa US$ 2.500 (R$ 12.500). Todos já estão disponíveis na Apple Store online.

Os novos MacBooks vêm um pouco antes do OS X Yosemite, que estará disponível como uma atualização gratuita, provavelmente em outubro.

Em abril, a Apple atualizou a linha MacBook Air com processadores mais rápidos, porém eles não receberam mudanças mais drásticas – como uma tela Retina, por exemplo. Rumores dizem que a Apple deve lançar, ainda este ano, um MacBook Pro de 12 polegadas e um iMac com resolução 4K. [Apple via MacMagazine]

**

Gadgets & Cia I LG prepara lançamento do híbrido Tab Book com Intel Haswell e Android   (28/07/14)

Quem utiliza o tablet para tarefas que vão além de jogos casuais e aplicativos sociais, especialmente no trabalho sabe da demanda diferente de configuração. A LG tem esta ciência. A empresa prepara o lançamento do híbrido LG Tab Book, modelo 11TA740-GA50K, aparentemente uma sucessão do LG Tab Book 2 (lançado na última CES), seguindo o estilo introduzido pelo LG SlidePad.

Produtividade também é possível com Android – Imagem: Divulgação/LG Coreia

Desta vez a aposta da empresa é no Android 4.2.2. A configuração é forte para um tablet – até mais do que o esperado. Ele tem processador Intel Haswell 4200U Core i5 de frequência máxima de 2,6 GHz (e GPU Intel HD Graphics 4400). A memória é de 4 GB e ele tem armazenamento SSD com capacidade de 128 GB. De conexões, são 2 portas USB 3.0, slot micro SD e 1 HDMI

Os destaques não param por aí. O novo híbrido terá tela de 11,6 polegadas com painel IPS. Para ser leve, a espessura mínima é de 16,7 milímetros e o peso é de 1 kg. Um truque de calibração da tela aumenta a intensidade de azul quando você criar documentos. Isto na teoria cansaria menos a vista. Segundo a empresa, o Tab Book terá diversos aplicativos de produtividade.

Infelizmente não há data oficial, nem preço de lançamento do Tab Book. Tampouco se ele chegará ao Brasil.

**

Gadgets & Cia I Samsung lança TV 4K de tela curva de 105 polegadas por nada menos que R$ 265 mil   (23/07/14)

Tem um espaço relativamente grande sobrando aí na sua sala de estar – e uma  quantia ainda maior de dinheiro sobrando no bolso? Então você já pode considerar  a ideia de adquirir a nova TV de tela curva da Samsung.  Anunciado nesta terça-feira (22), o produto entrou em  pré-venda nos Estados Unidos e chama atenção pelo tamanho: são incríveis 105  polegadas com tecnologia Ultra HD (4K). A questão é o preço, já que para  adquirir o dispositivo é preciso desembolsar US$ 120 mil.

O alto valor do produto, algo em torno de R$ 265 mil, na cotação atual,  corresponde à qualidade da tela, que possui tecnologia 4K - 5120 x 2160 pixels  de resolução e proporção de tela de 21:9 -, e pelo fato de este ser um dos  primeiros televisores Ultra HD do mercado com formato curvo, uma tendência que  tem se intensificado desde as últimas edições da International CES.

De acordo com a fabricante, quem adquirir a TV receberá a visita de um grupo  de engenheiros de campo especializados com as tecnologias presentes no modelo  UN105S9W da Samsung. Eles irão até a casa do consumidor demonstrar as principais  funcionalidades do televisor e otimizá-lo de acordo com o cômodo escolhido pelo  cliente, trazendo assim a melhor experiência que um aparelho de TV de altíssima  definição é capaz de proporcionar.

"Conforme o mercado de TVs 4K avança, continuaremos oferecendo a melhor  qualidade de imagem, design e as experiências mais imersivas para a sala de  estar", disse Joe Stiriziano, vice-presidente executivo da Samsung Electronics  America. "Feita para os amantes premium do entretenimento, a TV UHD com tela  curva de 105 polegadas possui as características mais avançadas de tecnologia e  design, incluindo um formato curvo de alta resolução responsável por uma  experiência cinematográfica", completou.

Samsung TV (105 polegadas)

 

Nova TV de tela curva da Samsung tem 105  polegadas e custa US$ 120 mil. (Foto: Divulgação/Samsung)

Embora impressione pelo tamanho de tela, o aparelho vem com funções mais  simples, presentes em outras Smart TVs da companhia. Além disso, o televisor  possui um recurso chamado Quad Screen Multi-Link, que permite dividir a tela em  quatro partes para que o telespectador possa assistir ao seu programa favorito e  realizar outras tarefas nos quadros ao lado, como navegar pelos menus ou na  internet.

Ainda não há previsão de lançamento da TV Ultra HD de tela curva da Samsung  no Brasil. [Canaltech]

**

Gadgets & Cia I iPhone 6 será lançado com versões de 4,7 e 5,5 polegadas, diz "Wall Street Journal"   (22/07/14)

O iPhone 6 terá duas versões, com telas de 4,7 e 5,5 polegadas, e a maior fabricação de unidades da história dos smartphones da Apple, segundo o jornal Wall Street Journal. Somando os dois modelos, a companhia planeja produzir 80 milhões de aparelhos a partir das “próximas semanas”.

É um grande salto em relação aos iPhones 5S e 5C, quando a marca encomendou entre 50 e 60 milhões de unidades à Foxconn, fabricante dos produtos. A empresa, inclusive, contratou aproximadamente 100 mil novos funcionários para fazer com que a meta possa ser cumprida.

Uma linha customizada de robôs foi recrutada para facilitar a produção dos iPhones 6, especialmente para o modelo maior. Segundo a publicação, os aparelhos de 5,7 polegadas estão causando um pouco mais de dificuldade. A previsão inicial é que ambos sejam lançados até o final do ano, mas um adiamento do gadget maior para o início de 2015 não está descartado.

Ainda não há muitas informações sobre as possíveis novidades dos smartphones. Uma das novas tecnologias aguardadas é a implantação de um display de cristal de safira, com resistência muito maior do que os materiais utilizados no momento. E não é só o hardware que deve mudar. O corpo do iPhone 6 também deve ter algumas alterações. [TechTudo]

Via 9To5Mac

**

Gadgets & Cia I  Samsung apresenta Galaxy K Zoom por R$ 2.099 no Brasil  (17/07/14)

Techmundo

Durante um evento realizado hoje (17) na sua sede em São Paulo, a Samsung apresentou seu novo smartphone, o Galaxy K Zoom. Voltado para quem quer boa qualidade de fotos sem abrir mão de um celular potente, o dispositivo já está disponível para compra nas lojas físicas e online da fabricante e nos principais revendedores, devendo chegar em breve também às operadoras.

O sucessor do Galaxy S4 Zoom traz uma câmera de 20,7 MP com zoom óptico de até 10x, que pode ser controlado de três formas: subindo e descendo pelas teclas de volume, fazendo o movimento de pinça na tela ou apertando uma vez a tecla de volume e usando um controle que surge no display para ir imediatamente ao nível de aproximação desejado. Além disso, também é possível chegar a 20x usando o zoom digital e fazer uso do flash Xênon.

Outro recurso interessante é o Tracking Focus, que permite que a câmera busque objetos em movimento para concentrar o foco neles, como o rosto de uma criança correndo, por exemplo. Já o Selfie Alarm possibilita que os usuários delimitem uma área na tela para que possam usar a câmera traseira para tirar fotos de si mesmos – quando o rosto entrar na região escolhida, o K Zoom bate três fotos automaticamente e escolhe a melhor para você.

Selfie Alarm em funcionamento

Para quem é Pro

Já os amantes de fotografias com tendências mais profissionais vão gostar das facilidades voltadas para eles. Quando em um modo comum, o aplicativo de câmera do K Zoom permite escolher pontos distintos para foco e exposição, bastando dois cliques na tela para separar os dois – processo que costuma ser bem mais complicado em outros dispositivos.

Por fim, há ainda o modo Pro Suggest, que faz a sugestão de “filtros” com especificações apropriadas para cada condição de fotos. Para usá-lo, basta segurar pela metade da tecla de bater fotos para que o smartphone sugira as melhores configurações para captura da imagem, seja ela um belo por do sol, um panorama noturno, um retrato de família ou qualquer outro tipo de imagem.

Usuários que ficarem sentindo falta de algo no modo “profissional” podem acessar o Pro Suggest Market para baixar mais opções de filtros. E possível até criar suas próprias configurações e fazer upload para a loja virtual, disponibilizando suas especificações para que outras pessoas possam aproveitar.

Comparação entre o zoom digital de um smartphone comum e o óptico do K Zoom

Especificações técnicas

  • Tela: display Super AMOLED de 4,8 polegadas com resolução HD (1280x720 pixels)
  • Sistema operacional: Android 4.4 (KitKat)
  • Processador: hexa-core (quad-core de 1,3 GHz + dual-core de 1,7 GHz)
  • Memória RAM: 2 GB
  • Armazenamento interno: 8 GB (expansível em até 64 GB com cartões micro SD)
  • Câmera traseira: 20,7 MP com sensor BSI CMOS, zoom óptico de até 10x e digital também de 10x, ISSO de 100 a 3.200 e gravação de vídeos em 1080p a 60 fps;
  • Flash: Xênon;
  • Câmera frontal: 2 MP
  • Conectividade: 4G LTE, Bluetooth 4.0 BLE, WiFi a/b/g/n, porta micro USB 2.0 e NFC
  • Aplicativos exclusivos: SMART Mode, AF/AE Separation, Object tracking, Studio, Smile/Blink detection, Ultra Power Saving Mode, Kids Mode e S Health Lite
  • Bateria: 2.430 mAh – duração de cerca de 12 horas com “uso normal”
  • Peso: 200 g
  • Dimensões (L x A x E): 7,08 x 13,75 x 1,66 (2,02 com lente estendida) cm
  • Cores: preto, branco e azul

**

Gadgets & Cia I  Google começa a vender versão "de grife" dos óculos Glass   (23/06/14)

O Google lançou nesta segunda-feira (23) uma versão de seus óculos conectados Glass criada em conjunto com a estilista Diane von Fürstenberg por US$ 1.800 nos EUA (cerca de R$ 4.000).

A venda, restrita aos EUA, está sendo feita por meio do site Net-A-Porter.

Versão dos óculos Google Glass criada por Diane Von Furstenberg

O lançamento acontece depois do anúncio da parceria entre a gigante de tecnologia e a fabricante italiana Luxottica (dona das marcas Ray-Ban e Oakley e fornecedora de grifes como Armani, Chanel e Prada).

O Google liberou só recentemente a comercialização para o público em geral do acessório, por meio do qual é possível tirar fotos e fazer buscas usando comandos de voz.

Fürstenberg, dona da marca DVF, é nascida na Bélgica e naturalizada americana e conhecida por ter popularizado o chamado "wrap dress", um vestido que se enrola sobre quem o usa.

O Google divulgou um vídeo com Fürstenberg e Isabelle Olsson (líder de design do Glass).

**

Gadgets & Cia I  Conheça o poder do novo LG G3   (27/05/14)

Cercado de rumores  e expectativas, o lançamento do LG G3 finalmente aconteceu nesta terça-feira  (27), confirmando algumas e apresentando outras melhorias entre uma geração e  outra do topo de linha da empresa sul-coreana. O evento, que aconteceu em  Londres, foi transmitido mundialmente.

"Simple is the new Smart." Ou "O Simples é o novo Inteligente" foi a tônica  da apresentação, que destacou inicialmente três pontos: a tela, a câmera e o  design. Em seguida, os executivos também mostraram três outras funções "smart":  Smart Keyboard, Smart Notice e Smart Security.

LG G3LG G3 e  HTC M8, lado a lado (Foto: The Verge)

Tela

A tela, com resolução Quad HD, tem qualidade quatro vezes melhor do que as  HD, de alta resolução. Isso acontece porque os pixels que compõem as dimensões  2560 x 1440 são 44% menores do que os convencionais, o que aumenta a sensação de  nitidez e imagem cristalina.

Uma das preocupações, de acordo com a apresentação, foi também criar uma tela  que oferecesse amplo campo de visão e conforto no manuseio. Assim, a parte  frontal do aparelho tem 76,4% do espaço dedicado ao display e o restante para o  usuário segurar e utilizar o telefone.

Quando se fala em tela, obviamente uma das grandes preocupações é o consumo  de bateria. Para otimizar o seu, a LG então pensou em ações para minimizar o uso  em processos secundários, resumindo também atividades principais. Essa manobra,  de acordo com a empresa, pode tornar a carga 20% mais eficiente.

LG G3Simplicidade chama a  atenção no visual do G3 (Foto: The Verge)

Câmera
A prioridade do G3 é tem muito mais a ver com  o momento em que as imagens estão sendo registradas do que com o poder de  resolução. Ainda que tenha impressionantes 13 MP, a grande atração aqui é o  autofoco a laser, que garante a estabilização em 0,276 milissegundos, o  equivalente ao piscar dos olhos.

Além disso, a empresa também oferece a função de bater fotos apenas tocando  na tela e não no botão específico, o que normalmente toma tempo do usuários.

As "selfies" também foram lembradas, com uma funcionalidade especial para  isso. A câmera frontal ganhou lentes especiais que aumentaram a resolução, e  agora é só gesticular frente ao visor para que o G3 faça o registro do  auto-retrato.

LG G3Detalhe  para a câmera de 13 MP (Foto: The Verge)

Design

Como simplicidade foi o grande tema da apresentação, então nada mais justo do  que comentar o visual "clean" do G3. A aparência, apesar de ser de metal polido,  é composta em sua maioria por plástico e feito com uma curvatura para facilitar  o encaixe da mão.

O G3 terá disponibilidade inicial para as capas nas cores Metallick Black  (preta), Silk White (branca), Shine Gold (dourado), Moon Violet (roxa) e  Burgundy Red (vermelha).

Smart Keyboard

O teclado virtual do G3 também apresenta mudanças, visando minimizar o  movimento das mãos e dos olhos. Agora, para selecionar as sugestões do aparelho,  basta deslizar os dedos para fora do teclado. E, para apagar, é só esfregar  sobre a barra de espaços, de forma intuitiva.

Foi incluído também o "Smart Touch", que "aprende" seus hábitos de digitação,  oferece sugestões e "compreende" melhor a maneira como o usuário pressiona as  teclas.

Smart Notice

Essa é uma das coisas que mais chamaram a atenção. É uma maneira do aparelho  "dialogar" com seu dono. Por exemplo, o telefone lembra o usuário de retornar  uma ligação perdida ou de adicionar um contato inexistente em sua agenda.

Também sugere para o usuário levar um guarda-chuva no caso de mau-tempo e dá  dicas semelhantes, de acordo com a localização. A função Smart Cleaning lembra o  usuário de coisas que não estão sendo utilizadas, para otimizar a memória e  armazenamento do aparelho.

Smart Security

Como uma das maiores preocupações atualmente é com relação a segurança, o G3  traz funcionalidades especiais para isso. A primeira é o Knock Code incorporado  ao Knock On: além de "despertar" o celular dando apenas uma batida na tela, o  usuário poderá configurar o código de destravamento por meio de batidas  sincronizadas. Isso já existe em outros dispositivos semelhantes e foi  incorporado de forma mais fluída neste aparelho.

O "Content Lock" é outra medida que dá uma camada a mais de segurança, já que  oferece maneiras de bloquear o conteúdo de suas pastas, que não podem nem mesmo  ser visualizadas se conectadas a um computador.

O "Kill Switch" é a mais popular das novidades para segurança, pois permite  que usuário inutilize remotamente seu aparelho em caso de roubo.

Outros recursos

Outros recursos envolvendo as várias funcionalidades e múltiplas plataformas  de maneira simplificada também foram apresentados.

Com o G3, basta acionar a funcionalidade "Quick Circle" para interagir com  menus para tirar fotos, ouvir música e fazer chamdas, por exemplo. Também há  maneiras de se conectar com carregadores sem fio, tablets, fones via bluetooth e dispositivos vestíveis, como relógios inteligentes.

LG G3Galeria  de fotos com os novos G3 (Foto: The Verge)

Especificações gerais

O LG G3 vem com tela de 5,5 polegadas com resolução Quad HD de 2560 x 1440  pixels, processador quad-core Snapdragon 801 2.5 GHz com 2 GB ou 3 GB de memória RAM e 16 GB ou 32 GB de  armazenamento, compatível com cartão microSD de 128 GB.  A câmera traseira tem 13 MP com autofoco laser e flash dual LED e a frontal tem 2.1 MP. A bateria conta com 3.000 mAh, o sistema operacional é o Android 4.4 e o aparelho traz conectividade 4G, Wi-Fi e Bluetooth.

Ainda não há previsão de preço ou da chegada do LG G3 às prateleiras. [canaltech]

**

Gadgets & Cia I  Microsoft anuncia tablet Surface Pro 3 com tela de 12 polegadas    (20/05/14)

Monica Campi

A Microsoft anunciou nesta terça-feira (20) seu novo tablet Surface Pro 3, um ano após o lançamento da segunda geração do dispositivo.

Segundo a própria Microsoft, o Surface Pro 3 chega não para concorrer com outros tablets, mas sim com ultrabooks como o MacBook Air, amplamente citado pela empresa durante a conferência de apresentação do dispositivo.

Com foco principalmente no mercado corporativo, o Surface Pro 3 traz uma tela maior de 12 polegadas com resolução de 2160 por 1440 pixels e um design mais fino com 9.1 milímetros de espessura. O aparelho roda com a última geração de processadores Intel e sistema Windows 8 Pro. O tablet também traz um suporte embutido para manter o aparelho em diversas posições, com uma inclinação de até 150 graus.

Microsoft

O tablet também acompanha um novo teclado e capa Type Cover com um trackpad maior e novo formato de teclas. A capa possui uma faixa magnética que conecta a parte frontal do tablet e modifica o ângulo das teclas.

O tablet também recebeu melhorias para Pen Stylus. O Surface Pro 3 agora pode converter textos escritos com a caneta para conteúdos digitais quase que de forma instantânea, segundo as demonstrações da Microsoft.

A pré-venda do tablet começa amanhã nos Estados Unidos por US$ 799 no modelo com processador Intel Core i3.

**

Gadgets & Cia I  Motorola lança Moto E com TV digital e Moto G com 4G   (13/05/14)

O Moto E já não era surpresa pra mais ninguém, mas a Motorola fez  questão de manter a pose até o seu evento. Além do modesto smartphone  com Android 4.4.2, com proteção contra respingos, tela resistente a  riscos e uma bateria "capaz de durar um dia inteiro", a empresa anunciou uma nova edição do Moto G, agora compatível com o 4G. O aparelho chegará ao Brasil na próxima quarta-feira (14) por R$ 529.

Motorola lança Moto E em evento realizado em São Paulo (Foto: Allan Melo/ TechTudo)

Motorola lança Moto E em evento realizado em São Paulo (Foto: Allan Melo/ TechTudo)

As novidades foram anunciadas em um evento de porte mundial nesta  terça-feira (13), em São Paulo, apresentado pelo CEO Rich Osterloh e  pelo vice presidente de marketing Steve Sinclair, que já foi responsável pelo marketing de cinco gerações do iPhone.

O Moto E é o primeiro telefone a ser anunciado após a aquisição da  Motorola pela Lenovo, e tem configurações mais modestas que o Moto G. No Brasil, ele custará R$ 529 na versão dual chip, e R$ 599 na versão duas  chip com TV digital e mais duas capinhas coloridas (a versão branca com  capinhas extras turquesa e rosa, e a edição preta com turquesa e amarelo limão).

Evento Motorola- lançamento do Moto E (Foto: Allan Melo/ TechTudo)

O Moto E virá com diversas opções de capa (Foto: Allan Melo/ TechTudo)

A tela, de 4,3 polegadas, tem uma alta densidade de pixels (256 ppi), o que lhe confere uma resolução de  960x540 pixels (qHD) - ótima para a faixa de preço. Sua câmera é de  apenas 5 megapixels, capaz de tirar fotos panorâmicas e gravar vídeos,  mas a bateria de 1.980 mAh é maior que a do iPhone 5S (1.560 mAh).  Internamente, o Android 4.4 (KitKat) roda suave com um processador  Snapdragon 200, 1 GB de memória e 4 GB de armazenamento, expansível por  cartões microSD de até 32 GB. 

Além do hardware, o Moto E traz algumas melhorias internas bem  interessantes. O Dual sim com chamada inteligente, por exemplo,  reconhece automaticamente a operadora utilizada pelos seus contatos e  lhe indica o melhor chip para realizar a ligação. Outro detalhe é o modo emergência, especialmente útil para alertar parentes ou amigos em  situações de risco.

Evento Motorola- lançamento do Moto E (Foto: Allan Melo/ TechTudo)

Motorola anuncia que Moto G com 4G chegará ao Brasil por R$ 799 (Foto: Allan Melo/ TechTudo)

A proposta do  Moto E é atender um público que considera caro comprar um smartphone,  seja pelo valor de aquisição ou pelo valor percebido, considerando o uso simples e casual. Feito para introduzir novos consumidores a este  mercado, o telefone ainda conta rádio FM, presente em todos os modelos, e o sintonizador de TV digital, exclusivo para o mercado brasileiro.As vendas do Moto E começam nesta quarta-feira (14), aqui no Brasil.

No resto do mundo, ainda demorará algumas semanas. Além disso,  um executivo confirmou ao TechTudo que é esperado a chegada de um modelo de um chip, ainda mais barato, mas ainda não há previsão para isso. Outra novidade é o Moto G com 4G, que chegará ao Brasil por R$ 799. Com ele, o Moto G original cai para R$ 649.

**

LG anuncia novo G Pad em três tamanhos: 7, 8 e 10 polegadas   (12/05/14)

A LG anunciou nesta segunda-feira (12) novos modelos do tablet G Pad. Ao contrário da geração anterior, o gadget agora será vendido em três tamanhos, com telas de 7, 8 e 10.1 polegadas. Os produtos serão oficialmente demonstrados ao público visitante na MedPI 2014, uma feira de eletrônicos europeia que deve ocorrer entre os dias 13 e 16 de maio.

Novos tablets da LG têm três opções de tamanho de tela (Foto: Divulgação/LG)

Com a nova linha, a LG substitui o atual G pad de 8.3 polegadas por três modelos que visam agradar uma gama maior de consumidores. “Ao contrário dos smartphones, tablets não são podem ter só um tamanho. Projetamos o G Pad para um público-alvo diversificado, que priorizam a portabilidade ou a melhor experiência multimídia possível”, justificou um executivo da companhia coreana.

Preços, configurações ou disponibilidade dos novos tablets ainda não foram divulgados, mas já se sabe que os novos elementos da interface personalizada da LG estarão presentes. Os destaques vão para o QPair 2.0, que permite receber notificações vindas do smartphone; e o Knock Code, que oferece suporte a senha de desbloqueio com toques na tela, mesmo desligada.

Via LG

**

Gadgets & Cia I  Sony pede que consumidores não usem laptops Vaio por risco de incêndio   (11/04/14)

A Sony emitiu hoje um aviso para que todos os donos do laptop Vaio Fit 11A deixem de utilizá-lo imediatamente, por causa de um problema na bateria - feita pela Panasonic - que pode causar incêndios.

O aviso foi dado após três ocorrências separadas de superaquecimento de baterias que resultaram em laptops queimados e derretidos. Os problemas foram registrados nos dias 19 de março, no Japão, 30 de março, na Coreia do Sul, e 8 de abril na China.
O modelo não está mais disponível desde o início do mês, mas desde o lançamento do laptop, em fevereiro, já foram vendidas 25.905 unidades internacionalmente, das quais 5.600 vieram à America Latina. Se você possui um aparelho deste específico modelo, procure a Sony para mais informações e deixe de usá-lo.
Vale notar que este laptop é o último modelo da marca Vaio que será vendida pela Sony, conforme anunciado pela empresa em fevereiro. A divisão de TVs também será transformada em uma subsidiária separada, em virtude de prejuízos com vendas.
Via: Wall Street Journal

**

Gadgets & Cia I  Relógio da LG com Android Wear chega em julho por US$ 300   (11/04/14)

Após anunciar seu primeiro relógio inteligente com o novo sistema Android Wear, a LG divulgou detalhes sobre a data de lançamento e preço de seu dispositivo.

A empresa não divulgou detalhes sobre as configurações do relógio, mas sabe-se que o sistema Android Wear não terá capacidade de rodar aplicações completas como nos smartphones.

O site Pocket-lint teve acesso a um modelo não funcional do LG G Watch, no entanto se trata de uma versão final do dispositivo.

lg-g-watch-hands-on-

De acordo com o site, o relógio não trará botões físicos e o design traz um acabamento sólido e premium. As pulseiras do LG G Watch também serão intercambiáveis.

O LG G Watch será lançado no início de julho no Reino Unido pelo preço de 180 libras esterlinas (cerca de US$ 300). Nos próximos meses a empresa deve fornecer mais detalhes sobre as vendas do relógio em outros mercados e informações sobre suas especificações.

Via: Pocket-lint

**

Gadgets & Cia I  Amazon mostra Fire TV, a pequena e poderosa caixa multimídia   (02/04/14)

Depois de muita especulação, a Amazon finalmente anunciou a Fire TV, seu dispositivo multimídia que pretende dominar a sala de casa

Victor Caputo, de

Peter Larsen, vice presidente da Amazon, mostra a Fire TV

São Paulo – A Amazon anunciou em um evento em Nova York a Amazon Fire TV. Ela é a caixa multimídia da empresa que pretende substituir concorrentes, como a Apple TV, e dominar a sala de casa. O preço de venda nos Estados Unidos será de 99 dólares e as vendas já começaram pela Amazon. Consultada por EXAME.com, a Amazon Brasil afirmou que a Fire TV não estará disponível no país no lançamento e que não comenta planos futuros.

Boatos vinham correndo há algum tempo sobre o lançamento do gadget. Uma das suas maiores surpresas é o seu tamanho minúsculo (com espessura de 17 mm). Na coletiva, Peter Limp, executivo da Amazon, comparou a altura do dispositivo com a altura de uma moeda. Sua elegância e simplicidade não devem incomodar dentro de uma sala de estar.

Segundo ele, a Amazon Fire TV quer corrigir três problemas presentes nas caixas multimídias: baixa performance, ecossistemas fechados e problemas de buscas de conteúdo.

A Amazon Fire TV virá com processador quad-core e uma placa de processamento de vídeo dedicada para melhorar o desempenho. Além disso, 2 GB de RAM e sistema duplo de antenas Wi-Fi. O dispositivo suporta vídeos em HD.

Fire TV funciona muito bem em pararelo como segunda tela com o Kindle (Foto: Reprodução/Amazon)

Diversos aplicativos estarão disponíveis para a Amazon Fire TV. Entre aqueles comentados na coletiva de imprensa estavam: Netflix, Hulu (serviço de vídeos), YouTube, Vimeo, entre outros. É claro que vídeos da Amazon, pelo serviço Instant Video, também estarão disponíveis para a caixinha.

Uma das ações da empresa para resolver o problema de buscas foi colocar um microfone integrado no controle. Ao dizer o nome de um filme ao controle, ele realiza a busca nos serviços de vídeo suportados pela Fire TV. “Não precisa de gritaria pela sala”, disse Peter Larsen, vice-presidente da Amazon ao demonstrar o controle.

A caixa ainda terá integração com os tablets da Amazon. Eles funcionarão como uma segunda tela, exibindo informações de filmes e atores ao mesmo tempo em que o filme passa na TV. O mesmo será possível com as músicas tocadas pelo gadget.

Além dos vídeos, a Fire TV também irá trabalhar em outras áreas de mídia. Será possível tocar músicas usando aplicativos ou então aquelas que foram compradas pela Amazon.

Pequeno produto da Amazon tem Android e processador quad-core (Foto: Reprodução/Amazon)

O dispositivo também irá trazer capacidade de games para a Fire TV. Anteriormente, imagens de um controle especial (que custará 40 dólares como complemento à Fire TV) haviam vazado pelo site da Anatel. De acordo com Mike Frazzini, da Amazon Game Studio, a intenção não é competir com consoles como Xbox ou PlayStation. A ideia é ser a opção para games para aqueles que não têm um videogame em casa. O preço médio dos jogos será de 1,85 dólar.

**

Gadgets & Cia I  [Hands-on] Galaxy S5, Gear 2 e Gear Fit, o trio de novidades da Samsung para o Brasil    (26/03/14)

Por: Daniel Junqueira

O Samsung Galaxy S5 está quase entre nós. Dentro de algumas semanas, o novo smartphone high-end da Samsung estará nas lojas – por um preço bem salgado, é verdade. Já falamos um pouco sobre ele quando a coreana fez seu anúncio, em fevereiro, mas hoje ganhamos uma nova oportunidade de conferir alguns dos seus recursos de perto – e, de quebra, conhecemos também os dois novos smartwatches que chegam mês que vem ao mercado.

O evento de lançamento do Samsung Galaxy S5 ocorreu na manhã desta quarta-feira em São Paulo. Foi uma apresentação bem grandiosa para o dispositivo: ele estava dentro de uma caixa, que foi depositada no palco por uma corda enquanto uma tela mostrava um helicóptero – era para dar a impressão de que o helicóptero deixou o S5 lá. O ator Dan Stulbach foi o apresentador do evento novamente – ano passado, ele apresentou o Galaxy S4 no Rio de Janeiro. E estava novamente extremamente encantado com o dispositivo (claro, isso fazia parte do roteiro).

s51

Deixando as firulas de lado, o S5 foi mostrado e, entre as frases de efeito ditas por João Pedro Flecha de Lima, chefe de mobile da Samsung Brasil e responsável por apresentar o smartphone ao lado de Stulbach, algumas palavras me chamaram a atenção e apontam para onde a Samsung quer chegar com o seu novo high-end: “consumidores querem recursos úteis”. Isso é o oposto do que foi feito com o S4, que apresentou diversas funcionalidades extras, algumas não funcionavam direito, outras eram bem dispensáveis (foto com som?).

s52

Ok, muitas dessas coisas ainda estão presentes no S5, mas desta vez a coreana preferiu criar pouco, mas pouco que funcione bem: melhorias na câmera, novos recursos de monitoramento de saúde, um leitor de digitais, funcionalidades para economia de bateria. Será que tudo isso deu certo?

Samsung Galaxy S5

s5

Em relação ao design, o S5 sofreu poucas alterações em relação ao S4: ele é praticamente igual ao seu antecessor de frente. Nas costas, no entanto, mudou um pouco: a traseira de plástico estilizado agora tem uns pequenos buracos. É brega, é verdade, mas não chega a incomodar. A tela agora tem 5,1 polegadas e as bordas laterais são bem finas – ele não parece muito maior do que o S4.

As grandes alterações só são percebidas quando o dispositivo é ligado. A TouchWiz, interface de usuário da Samsung para o Android, ganhou novos ícones e um estilo mais flat. Isso foi levado a muitas partes do Android – as configurações, por exemplo, aparecem como um grid de apps com ícones flat.

s56

Mas vamos ver alguns dos recursos – aqueles possíveis de testar em um evento cheio de gente. Na câmera, a Samsung deu destaque a três funcionalidades – o autofoco ultrarrápido, HDR e foco seletivo. HDR já conhecemos, então vamos falar dos outros. O autofoco ultrarrápido promete encontrar o foco de uma foto em 0,3 segundos, o que, segundo a Samsung, é três a quatro vezes mais rápido do que qualquer outro smartphone do mercado. De fato o autofoco é extremamente rápido – ponto para a coreana aqui. Já o foco seletivo permite definir o foco da foto após ela ser capturada – você consegue escolher entre foco próximo, foco longe e foco panorâmico. De fato, nos meus testes, isso funcionou muito bem – abaixo uma foto em que marquei o foco perto – no caso, o Gear 2. Ao trocar para o foco longe, o smartwatch fica embaçado e o fundo da imagem fica mais nítido. No foco panorâmico, tanto o Gear 2 quanto o fundo podem ser vistos com nitidez.

s59

Já em relação aos recursos de monitoramento de saúde, testei rapidamente o monitor de batimentos cardíacos. Na traseira do S5 está um pequeno sensor que, ao posicionar o dedo por alguns segundos, mede a sua frequência cardíaca. Tudo bem simples e, o mais importante, funcional.

s54s55

Uma adição bem interessante da Samsung que não é tão comentada pela empresa é o modo de baixo consumo: ele desliga praticamente tudo no seu smartphone, restringe o acesso a apps e faz a tela ficar em preto e branco. Tudo isso para a bateria durar mais – muito mais. Na imagem abaixo, com a bateria quase cheia – 92% – a estimativa de uso dela sem precisar carregar chegava a 11 dias e meio no modo de baixo consumo – segundo a Samsung, pode chegar a 16 com a carga completa. É muita coisa mesmo, mas é um recurso de emergência. Para quando você está longe do carregador, esperando uma ligação específica e sua bateria está acabando: ative o modo de baixo consumo que ele aguentará umas horas a mais.

s57s58

No modo de baixo consumo de energia, o Galaxy S5 limita a quantidade de apps que podem ser acessados, além de desativas conexões de dados e Wi-Fi. Você pode escolher alguns apps extras para serem usados nesses momentos, mas o ideal é que o smartphone passe a funcionar apenas para a função fundamental do celular: ligações telefônicas.

Não consegui testar uma das novidades que mais me interessou: o leitor de impressões digitais na tecla home, para saber se ele realmente funciona bem. No nosso outro hands-on, encontramos alguns problemas nele – você pode ler mais sobre isso aqui.

Gear 2 e Fit

O astro do dia foi o Galaxy S5, mas a Samsung também mostrou dois novos smartwatches – o Gear 2 e o Gear Fit. Já falamos sobre eles antes, e o Fit nos pareceu bem interessante. Mas aproveitei a oportunidade para conferir os dois mais de perto.

gear2

O Gear 2 é a evolução do Galaxy Gear, que não agradou muito quando foi lançado em 2013. Ele substituiu uma versão modificada do Android pelo Tizen, sistema operacional desenvolvido pela própria Samsung. No geral, pouca coisa mudou: ele faz e recebe chamadas, puxa notificações do smartphone (compatível apenas com alguns da linha Galaxy), tem até uma câmera, e agora também armazena e reproduz músicas.

gearfit1

Já o Fit, apesar de ser bem interessante, tem uma coisa que logo de cara não me agradou: a sua tela retangular, quando está no pulso, não fica nem um pouco boa para ler. Veja:

gearfit2

As letras estão subindo as paredes! O estranho é que isso não vale apenas para a tela de bloqueio com o relógio – a lista de apps também tem as letras deitadas:

gearfit3

Isso poderia ser solucionado de maneira bem simples: em vez de entender os ícones como se estivessem um ao lado do outro, poderia fazer com que estivessem um em cima do outro. Assim, o nome do app apareceria abaixo do ícone e, vendo o smartphone no seu pulso, você conseguiria ler com mais facilidade.

Ele também tem um monitor de batimentos cardíacos:

gearfit4

Apesar da estranheza inicial, deve ser possível se acostumar com o Fit e usá-lo muito bem. Ele começa a ser vendido no dia 12 de abril por R$ 899, enquanto o Gear 2 chega por R$ 1299. [Gizmodo]

**

Gadgets & Cia I  Samsung NX Mini: um novo sistema de câmera mirrorless para a geração selfie    (19/03/14)

Por: Michael Hession

A Samsung anunciou um novo sistema de câmera com lentes intercambiáveis, concentrando-se no visual, tamanho pequeno, conectividade – ah, e selfies. É a NX Mini, que estreia em abril em kits de US$ 450 e US$ 550 com lente. Seu foco são pessoas que querem migrar de um smartphone, mas não querem levar uma DSLR pesada ou câmera mirrorless maior por aí.

Ela preenche esse nicho especial com um sensor CMOS retroiluminado de uma polegada com 20,5 megapixels. São basicamente as mesmas especificações da sensacional Sony RX100 Mark II. Mas há uma grande diferença entre as duas câmeras: você pode trocar as lentes da NX Mini, enquanto na RX100, ela é fixa.

Por isso, ela é mais parecida com a Panasonic GM1, também muito pequena e com lentes intercambiáveis; no entanto, a GM1 tem um sensor maior (micro quatro terços).

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Tudo nesta câmera aposta em simplicidade e estilo. Ela tem poucos controles físicos: a maioria das funções são controladas pela touchscreen de três polegadas, que pode ser inclinada em até 180 graus para você tirar fotos de si próprio.

A Samsung também acredita que o mesmo público destas câmeras de bolso também quer trocar lentes: a empresa anunciou três modelos diferentes no lançamento. A gente imaginaria que, se alguém quer algo compacto, não iria carregar lentes extras por aí – e câmeras high-end compactas como a Sony RX100 já possuem lentes rápidas e versáteis – mas a Samsung pensa diferente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O novo sistema de lentes para a NX Mini consiste em uma grande angular de 9 mm f/3.5 (equivalente full-frame a cerca de 24 mm), e uma lente zoom com estabilização óptica 9-27 mm f/3.5-5.6 (equivalente a 24-70mm). Você pode comprar a câmera em um kit com qualquer lente: uma por US$ 450, e outra (zoom) por US$ 550.

Também haverá uma lente 17 mm f/1.8 (equivalente a 45 mm) no futuro. Você também pode comprar um adaptador de US$ 150 para anexar lentes maiores da Samsung NX na NX Mini.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Alguns detalhes se destacam nesta câmera: o obturador eletrônico tem velocidade máxima de 1/16000; a bateria promete durar por mais de 600 fotos; e o sensor com iluminação traseira deve ser bem-vindo em situações com pouca luz. Ela dispara 30 fotos por segundo em resolução reduzida, e 6 fps em resolução máxima.

A NX Mini possui Wi-Fi e NFC para compartilhamento, junto a inúmeros recursos que a Samsung coloca em suas câmeras: AutoShare, AutoBackup, Mobile Link, Samsung Link, Group Share, Photo Beam e até Baby Monitor. Ela tem um pequeno flash embutido, e grava vídeo em 1080p a 30 quadros por segundo. O corpo com 22,5 mm de espessura virá em branco, preto, marrom, verde-menta e rosa.

samsung nx mini (1)

Ela pode encontrar seu espaço entre os jovens, mas duvidamos que terá muito apelo entre fotógrafos mais exigentes. A lente kit 9 mm f/3.5 é muito lenta: a abertura é pequena, por isso a câmera precisa aumentar o tempo de exposição – o que pode gerar fotos borradas em pouca luz. Além disso, não há nenhuma indicação de quanto a linha de lentes para esta câmera vai se expandir.

A maior dúvida é se a combinação lentes intercambiáveis + corpo portátil ​da NX Mini vai convencer pessoas o bastante. Só que as principais concorrentes – a RX100 Mark II (ainda mais portátil) e a Panasonic GM1 (com sensor maior) – custam US$ 750. Se você está considerando a NX Mini, é provavelmente devido ao preço.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

samsung nx mini (3)

**

Gadgets & Cia I  Google Nexus 8 deverá ter tela de 8,9 polegadas   (17/03/14)

O mercado de tablets pequenos foi o grande boom da categoria em 2012, e o Nexus 7 do Google fez um enorme sucesso, seguido pela versão 2013, no ano passado. Já os tablets maiores (acima de 10 polegadas) correspondem a apenas 30% dos aparelhos fabricados.

No final do ano passado o Google colocou na página de aplicativos e entretenimento do website do Android uma imagem que mostrava um tablet de 8 polegadas, mas corrigiu o “erro” logo em seguida. Essa foi a primeira evidência forte de que algo estaria por vir. Porém, depois desse episódio, pouco se falou sobre o novo aparelho, mas segundo um reporte da Digitimes Research, o tablet poderá ser lançado no meio do ano, quando o Google costuma divulgar seus novos produtos, trazendo uma tela de 8,9 polegadas.

O Nexus 8 será o primeiro tablet de 2014 do gigante de buscas, e virá para competir no mercado dos tablets maiores, porém sem os altos custos de aparelhos como os da Samsung e da Apple.

Se o lançamento for no meio do ano, ocorrerá na conferência anual de desenvolvedores da empresa, a Google I/O Developer Conference, programada para os dias 25 e 26 de junho. Então fica a dúvida: será que o gigante vai lançar a segunda versão do Nexus 10 juntamente com o Nexus 8? Ou será que o Nexus 8 substituirá de vez o tablet de 10 polegadas?

Espera-se também que a HTC entre no jogo para fabricar o novo tablet, ao invés da Asus. Ele deverá ser lançado com a próxima versão do Android, em um mercado dominado pelo iPad. Ao que tudo indica, o processador será o novo chip da Intel de 64 bits chamado Moorefield, mas pouco se sabe sobre os outros aspectos do hardware.

Já o Nexus 10.2, se for lançado, será bem potente, utilizando o chip Snapdragon 800 da Qualcomm ou o Tegra 4 da NVIDIA, além de possuir 3 GB de RAM e uma câmera traseira de 8 MP. [canaltech]
**

Gadgets & Cia I  iPhone 6, iPad Pro e iWatch podem ser os grandes lançamentos da Apple para 2014   (14/03/14)

Não é de hoje que se comenta a falta de inovação dos últimos produtos  lançados pela Apple. Salvas raras exceções, como os recentes iPad Air e o Mac Pro, é difícil listar algum aparelho realmente  diferenciado e que tenha chamado atenção dos usuários e da imprensa  especializada nos últimos anos. Mas se as previsões de especialistas de mercado  estiverem certas, 2014 promete ser um ano cheio de novidades para os fãs da  Apple.

Analistas das companhias Wedge Partners e Pacific Crest estão otimistas de  que este será o ano que a empresa de Cupertino vai apresentar sua próxima  geração de produtos. Como informa o CNET, o item mais esperado é o iPhone 6, o primeiro da  corporação que deve contar com dois tamanhos distintos de tela: um maior, com  display entre 4,8 e acima de 5 polegadas - que já poderia ser classificado como  "phablet" (mistura de smartphone e tablet) -, e uma versão nos moldes  tradicionais dos últimos modelos do smartphone.

A estratégia seria uma forma da Apple alcançar seu público-alvo, ou seja,  consumidores mais exigentes que prezam pela simplicidade do iOS, sem abrir mão  de um design refinado e contemporâneo. Essa, inclusive, seria uma alternativa  encontrada pela empresa para evitar o que ocorreu com o iPhone 5C, que não  agradou o mercado e agora tem 3 milhões de unidades encalhadas em lojas de todo o  mundo.

iPhone 6

Novo iPhone pode contar com diferentes tamanhos de tela para agradar todos os gostos. (Foto: Conceito/Martin Hajek)

Um outro produto citado pelos especialistas da Wedge Partners e da Pacific  Crest é o comentado relógio inteligente iWatch. Brian Blair, da Wedge Partners,  acredita que o acessório deve seguir uma linha mais próxima das pulseiras do que  dos smartwatches, se assemelhando a uma smartband capaz de monitorar sinais  vitais do corpo e ajudar o usuário a se manter em forma.

A afirmação vai de encontro com uma série de patentes registradas pela  companhia nos últimos meses, além de contratações de profissionais ligados à área da  saúde. Até o engenheiro brasileiro Marcelo Malini Lamego está na  equipe de desenvolvimento do projeto. Lamego é o inventor de mais de 70  patentes, grande parte delas relacionadas a tecnologias de monitoramento de  aparelhos e sensores para pacientes em tratamento médico. Ao todo, mais de 200 pessoas estão envolvidas na criação do  iWatch.

É neste ano que a Apple também deve fazer sua estreia no mercado de  pagamentos móveis. Tim Cook já declarou que considera esse setor intrigante,  isso sem contar em várias patentes registradas pela companhia ligadas ao  assunto. Em janeiro, fontes disseram ao Wall Street Journal que a Maçã já está  desenvolvendo um sistema de transações mobile que vai permitir aos usuários  fazer pagamentos usando o smartphone.

O mecanismo ainda deve utilizar o sensor biométrico Touch ID como medida de  segurança: ao realizar uma compra, por exemplo, o consumidor precisaria colocar  o dedo no leitor de impressões digitais para concluir a transação online.  Especula-se que o sistema também funcionará em conjunto com o iTunes, que já  possui um serviço de pagamento próprio que poderá facilitar o desenvolvimento da  novidade.

Os analistas apostam em mais dois produtos que devem ser anunciados pela  Apple ainda em 2014: um iPad conversível e um novo modelo do MacBook Air. O  primeiro poderia adotar um visual semelhante ao do tablet Surface, da Microsoft,  porém com um design bem mais prático e usual. Já há, inclusive, quem se refira  ao aparelho como sendo um "iPad Pro", uma versão com tela acima de 12 polegadas.  Já o MacBook Air deve ganhar melhorias no hardware,  especialmente no que diz respeito à bateria e resistência.

iPad Pro

Uma versão Pro do iPad teria as mesmas proporções do MacBook de 12 polegadas. (Foto: Conceito/MacRumors)

"Acreditamos que a Apple está testando displays de 12 polegadas para um novo  produto em potencial. Esse produto poderia ser mostrado durante a WDC", declarou  Blair. A Worldwide Developers Conference, conferência anual da Apple para  desenvolvedores, acontecerá em junho, e ainda não tem uma data definida.

Independentemente de quais produtos a Apple anuncie, o fato é que a companhia  não deve deixar 2014 passar batido. Ainda mais agora que outras companhias se  anteciparam e mostraram que já estão prontas para um futuro cada vez mais  conectado e portátil - como é o caso da Samsung, com o  Galaxy Gear e a Gear Fit, e o Google com seus óculos de realidade aumentada, o  Glass. [canaltech]

**

Gadgets & Cia I  Este é o Samsung Galaxy S5, com tela de 5,1 polegadas e leitor de impressões digitais   (24/02/14)

Por: Daniel Junqueira

O Samsung Galaxy S5 é oficial. A nova iteração de um dos mais populares smartphones topo de linha com Android foi apresentada nesta segunda-feira durante a feira Mobile World Congress. Por fora, pouca coisa mudou em relação ao S4 de 2013 – mas por dentro temos um novo dispositivo.

A Samsung está levando bastante a sério a história de não mexer em um time que está ganhando. O Galaxy S5, em relação ao design, é uma evolução quase que natural do S4. As laterais que imitam metal estão de volta. Por fora, a mudança mais notável está na traseira, com uma textura que, ao menos por fotos, parece bem estranha – nada como aquele plástico que imita couro presente no Note 3. A Samsung chama esta nova traseira de “glamour moderno”. O dispositivo também é resistente a água e poeira (IP67) e aguenta até 30 minutos debaixo d’água.

samsung gs5 oficial traseira

A tela Full-HD agora tem 5,1 polegadas (o S4 tem 4,99 polegadas) mantendo, é claro, a tecnologia Super AMOLED. O botão home ganhou um scanner de impressão digitais (mais sobre ele a seguir); e uma das teclas capacitivas foi modificada: em vez do botão Menu, temos a função Multitarefa. Neste quesito, a Samsung acompanhou outros dispositivos com Android. Por fim, o S5 conta com uma entrada de USB 3.0 para recarga e transferência de dados mais rápida.

Por dentro, a Samsung colocou um processador Snapdragon 800 de 2,5 GHz e 2GB de RAM. Ele conta com algumas coisas básicas em dispositivos high-end – Bluetooth 4.0, NFC, 4G LTE, opções de armazenamento de 16GB ou 32GB (além de entrada de cartão micro SD), e sensor infravermelho, que também já estava presente no S4.

samsung gs5 oficial cores (2)

A câmera agora tem 16 megapixels, ganhou a capacidade de gravar vídeos em 4K, e tem o autofoco mais rápido do mercado - são até 0,3 segundos. Além disso, a Samsung adicionou alguns truques além do que já estava presente em dispositivos anteriores. O Selective Focus, por exemplo, permite mudar o foco para o primeiro plano ou plano de fundo após a foto ter sido tirada. O flash agora é dual-LED, para uma iluminação mais realista (e menos “estourada”); e a câmera frontal tem 2,1 megapixels.

O Galaxy S5 conta com a tecnologia MIMO, que acelera a conexão Wi-Fi usando várias antenas para receber o sinal; além de suporte ao padrão Wi-Fi 802.11ac, mais rápido. Também há uma função chamada Download Booster, que combina Wi-Fi e 4G/LTE para chegar a velocidades ainda mais altas.

A bateria tem 2.800 mAh, e há o recurso Ultra Power Saving Mode, que deixa a tela em preto e branco e desliga todas as funções desnecessárias para maximizar a duração da bateria. As dimensões são 142 x 72,5 x 8,1 mm; ele pesa 145g.

samsung galaxy s5 preto branco

Software

As principais alterações estão no software. Ele roda o Android 4.4.2 KitKat com a TouchWiz que já conhecemos muito bem, e com a inclusão de alguns novos truques para se aproveitar das novidades do dispositivo. Os apps como S Voice continuam. O My Magazine, introduzido no Galaxy Note 3, também está presente, e é facilmente acessível ao deslizar o dedo para a esquerda a partir da tela inicial.

A Samsung aposta alto em softwares para saúde. O S5 tem monitor de batimentos cardíacos (ele fica na traseira do dispositivo, próximo ao flash LED), que funciona em parceria com o app S-Health. Ainda há um fitness tracker integrado ao dispositivo, e esses recursos podem funcionar em parceria com a crescente linha de relógios de pulso inteligente da Samsung – o Gear 2 e o Gear 2 Neo, além do Galaxy Gear Fit.

samsung galaxy s5 leitor

No leitor de impressões digitais incluído no botão Home, você pode registrar até três impressões digitais separadas. Diferentemente do iPhone 5S, o Galaxy S5 não exige manter o dedo por alguns segundos no botão para reconhecer seu dedo – basta deslizar algumas vezes para desbloquear o seu smartphone. E não só isso: também é possível deslizar o dedo para confirmar um pagamento via PayPal.

O Samsung Galaxy S5 será lançado mundialmente em abril em quatro cores: preto, branco, azul e dourado. O Brasil costuma estar na lista dos primeiros países a receberem o dispositivo da Samsung – esperamos que as coisas não mudem desta vez. A Samsung não comentou preços até o momento. Vamos torcer para que ele não siga a tendência atual do mercado brasileiro de preços cada vez mais altos. [Samsung]

**

Gadgets & Cia I Huawei anuncia smartphone Ascend G6 e dois tablets MediaPad    (24/02/14)

Por: Daniel Junqueira

Para o Mobile World Congress deste ano, a Huawei apresentou uma versão mais acessível do smartphone Ascend P6, lançado no ano passado, e dois novos tablets da linha MediaPad.

Ascend G6

O novo smartphone da Huawei é o Ascend G6, e ele lembra bastante o P6 do ano passado. Ele não é tão fino quanto seu irmão mais potente – em vez de 6,1mm de espessura, o G6 tem 7,9mm. Nada que torne o dispositivo gordo, mas é uma diferença considerável. Segundo a Huawei, ele precisou ganhar um pouco de corpo para oferecer 4G – ele também será vendido em uma versão apenas com 3G.

O Ascend G6 tem tela de 4,5 polegadas com resolução 960×540 pixels. Por dentro, um processador quad-core de 1,2 GHz, e o aparelho ainda conta com câmera de 8 megapixels traseira e uma de 5mp frontal, além de bateria de 2.000 mAh. Ele roda o Android 4.3 com algumas modificações da Huawei – uma interface de usuário bem simples que, segundo a empresa, ajuda quem não está acostumado a usar smartphones a se adaptarem ao Android. A tela inicial lembra bastante a interface Metro do Windows 8, com blocos divididos em duas colunas.

MediaPad X1 e M1

A chinesa também apresentou dois tablets, e eles surpreendem pelo tamanho. O MediaPad X1 tem tela de 7 polegadas, enquanto o M1 tem 8 polegadas.

huaweix1

O X1, da foto acima, poderia muito bem se passar por um phablet. Ele tem cara de smartphone – o speaker acima da tela, na posição em que estaria a sua orelha caso você posiciona-se o próximo à cabeça. Ele faz ligações telefônicas – então sim, você pode usá-lo como telefone, se quiser.

A quase inexistência de uma moldura faz com que ele seja extremamente compacto, e ele é bem fino (7,18mm de espessura). De acordo com a Wired UK, é até mais confortável de ser segurado com uma mão do que um iPad Mini.

mediapadm1

O M1 é um pouco maior, mas ainda tem especificações surpreendentes. Ele conta com câmera traseira de 13 megapixels e a frontal de 5 megapixels, e ainda conta com conexão 4G. Por dentro, um processador quad-core de 1,6GHz (o mesmo encontrado no X1) e uma bateria de 5.000mAh (o X1 tem 4.800 mAh).

Os dispositivos serão lançados ao longo do ano. O MediaPad M1 está previsto para o primeiro trimestre na América Latina, enquanto o MediaPad X1 deve chegar no segundo semestre do ano. O Ascend P6 está previsto para ser lançado no primeiro trimestre em sua versão 3G, e a partir de abril no modelo 4G. A empresa não comentou preço para nenhum dos dispositivos. [Wired UK 1, 2, CNET]

**

Gadgets & Cia I  Sony apresenta os poderosos tablet e smartphone Z2   (24/02/14)

Os dois aparelhos da linha Z2 devem chegar ao mercado em março. Sony oferece boas configurações e belo design com os aparelhos

Victor Caputo, de

Smartphone e tablet Sony Z2 lado a lado

São Paulo – A Sony anunciou na Mobile World Congress seus aparelhos da linha Z2. Sob o nome, chegarão ao mercado em março um smartphone e um tablet. Eles são o topo de linha da Sony em seus segmentos.

O smartphone Xperia Z2 chega pouco depois do anúncio do seu antecessor, o Xperia Z1, que foi lançado há apenas cinco meses. Apesar da proximidade, o Xperia Z2 é um upgrade e tanto por parte da Sony.

Sony Xperia Z2

Sony Xperia Z2: anunciado hoje na MWC, aparelho deve chegar ao mercado em março

Ele chega com uma telona de 5,2 polegadas. Em seu interior, o Xperia Z2 traz um processador quad-core de 2,3 GHz e 3 GB de RAM (valor bem alto e que deve proporcionar uma navegação fluida).

Um dos principais destaques do aparelho, no entanto, é sua câmera. Com 20,7 megapixels, ela é capaz de filmar vídeos em 4K (o equivalente a quatro vezes a resolução HD). A câmera também vem com uma função Timeshift, que permite transformar pedaços de um vídeo em câmera lenta.

Smartphone Xperia Z2

Smartphone Xperia Z2 estará disponível em branco, preto e roxo

O armazenamento é de 16 GB, mas pode ser expandido. Essa é uma decisão sábia da Sony. Vídeos em 4K são pesados e ao gravar algum punhado deles, o usuário deve consumir grande parte da memória do aparelho.

Outra curiosidade é que o Xperia Z2 é à prova d’água. De acordo com a Sony, o aparelho deve ser vendido a partir de março. O preço, no entanto, não foi divulgado.

Tablet

Também na MWC, a Sony anunciou que lançará o tablet Z2. Assim como sua versão de smartphone, ele tem uma tela grande e configurações poderosas.

São 10,1 polegadas em um aparelho com apenas 6,4 mm de espessura. Para se ter uma ideia, o iPad Air tem 7,5 mm de espessura. Ele também vem com um processador quad-core de 2,3 GHZ e 3 GB de RAM, configurações iguais às do Xperia Z2. A câmera do aparelho é de 8,1 megapixels.

Assim como o smartphone, o novo tablet deve chegar ao mercado no mês de março e não tem previsão de preço.

**

Gadgets & Cia I  Testamos o MediaPad X1, o tablet da Huawei que faz ligações telefônicas [TechTudo]   (23/02/14)

O MediaPad X1 é a grande estrela da Huawei do MWC, mesmo que meio esquisitona. O tablet tem tela de 7 polegadas e tem é capaz de fazer e receber ligações telefônicas - como qualquer celular comum. O TechTudo testou o novo produto e traz as primeiras impressões.

Grandalhão e meio desajeitado, o MediaPad X1 é grande aposta da Huawei (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

Grandalhão e meio desajeitado, o MediaPad X1 é grande aposta da Huawei (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

O MediaPad é gigantesco para um celular, mas até bem compacto para um tablet. A Huawei conseguiu diminuir as bordas e "afinar" o gadget a dimensões impressionantes. O aparelho é surpreendentemente menor e mais leve do que os concorrente iPad Mini, da Apple, e Nexus 7, do Google. A parte frontal dele é composta por 80% de tela, o que explica as coisas.

Peso e espessura podem compensar o tamanho do 'smarttablet' (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

Peso e espessura podem compensar o tamanho do 'smarttablet' (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)
O lançamento consegue ser maior do que qualquer foblet no mercado. E, no fim das contas, é até complicado encaixá-lo nessa categoria. Enquanto os irmãos esbanjam telas de no máximo 6 polegadas, o X1 extrapola os limites com suas 7 polegadas. Inegavelmente um tablet. Para compensar a esquisitice de atender um gigante desses no meio da rua, a Huawei embarcou no mundo das smartbands, para que os donos do X1 possam atender ligações sem precisar pegar o tablet de fato. Parece funcionar mais ou menos como um smartwatch, embora mais limitado.

Pulseira smart TalkBand permite controle quase total do MediaPad X1 (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

Pulseira smart TalkBand permite controle quase total do MediaPad X1 (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

Agora, falando de tela: o brilho, as cores e a definição do display do MediaPad não fazem feio. Ele reproduz cores fielmente, e conseguimos resultados satisfatórios de visibilidade mesmo sob incidência direta de forte luz branca. Não dá para dizer ainda como vai ser usar o aparelho em dias ensolarados, mas já é um bom indicativo.
O desempenho do X1 também não decepciona. Rodamos nele alguns jogos pesados e várias aplicações ao mesmo tempo, e ele nem deu sinal de engasgar. Claro que ainda falta um bom teste de benchmark, para ver quão bem o hardware se sai. No coração do X1 bate um processador quad-core de 1,6 GHz e 2 GB de RAM. 

Detalhe dos botões do X1: espessura facilita na ergonomia do grandalhão (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

Detalhe dos botões do X1: espessura facilita na ergonomia do grandalhão (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)
No corpo fino, a companhia ainda deu um jeito de encaixar uma bateria de nada menos do que 5.000 mAh. Assim como fez no Ascend Mate 2, a Huawei ainda adicionou ao X1 a capacidade de carregar outros aparelhos, no melhor estilo esbanjador. Durante nosso hands-on, não pudemos fazer um teste de bateria - este vai ficar para o review completo.

Câmera traseira do MediaPad X1: 13MP (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

Câmera traseira do MediaPad X1: 13MP  (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)
Outra curiosidade do MediaPad X1 é a câmera frontal. Assim como em outros lançamentos recentes, a Huawei reafirmou que selfie é coisa séria e colocou um sensor de 5 megapixels, mais um punhado de aplicações para que sua foto saia perfeita. A câmera traseira, de 13 megapixels, também parece fazer um bom trabalho, embora tenha sido estranhamente ofuscada pela frontal.

O X1 é um smartphone grande ou um tablet pequeno? (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

O X1 é um smartphone grande ou um tablet pequeno? (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

O aparelho chega ao mercado europeu por € 399 na versão de 16 GB, expansíveis via cartão microSD. Nessas primeiras impressões, chegamos à conclusão de que o MediaPad X1 definitivamente é um tablet para competir com os tops, mas ainda nos parece muito estranho andar por aí com 7 polegadas na orelha.

**

Gadgets & Cia I  Samsung deve revelar o novo Galaxy Gear Fit na 2ª feira   (22/02/14)

Além do esperado Galaxy S5 e do Galaxy Gear 2, a Samsung deve apresentar um novo produto, o Galaxy Gear Fit, nesta segunda-feira

Galaxy Gear: o relógio da Samsung poderá ter dois sucessores, um com câmera e outro com sensores para aplicações de saúde e condicionamento físico

São Paulo -- Parece que a Samsung tem mais cartas na manga do que parecia. Além de um ou dos modelos do smartphone Galaxy S5 e da nova edição do relógio inteligente Galaxy Gear, ela pode apresentar, nesta segunda-feira, o Galaxy Gear Fit.

Essa variante do Gear seria voltada para aplicações de saúde e condicionamento físico. Em vez da câmera encontrada no Galaxy Gear, ele teria sensores de movimento e pulsação.

Quem diz isso é o jornal coreano MK Business News, que afirma ter recebido a informação de “fontes na indústria de componentes eletrônicos”. O Galaxy Gear Fit poderia monitorar o sono e as atividades físicas do usuário.

Graças aos sensores de movimento, ele funcionaria como pedômetro, contando passos quando a pessoa estivesse correndo ou andando. 

“O Galaxy Gear Fit também permite que os usuários compartilhem quanto se exercitaram nas  redes sociais e participem de competições contra outros para que a experiência se torne mais divertida”, diz o noticiário.

O MK Business News afirma, ainda, que tanto o Galaxy S5 como o Galaxy Gear Fit começarão a ser vendidos em abril.

Se essa notícia se confirmar, a Samsung estará se antecipando à Apple, que deverá dar ênfase nas aplicações de saúde em seu relógio inteligente iWatch

Pelo que se sabe, a Apple já tem mais de cem pessoas trabalhando no iWatch e algumas de suas contratações recentes foram de especialistas em saúde e condicionamento físico.

Na segunda-feira, é possível que a Samsung apresente duas variantes do novo Galaxy. Elas vêm sendo chamadas de Galaxy S5 e S5 Prime, respectivamente.

Além disso, a empresa já havia divulgado que vai revelar o sucessor do Galaxy Gear junto com o S5.  O evento Samsung Unpacked 5 acontece durante o Mobile World Congress, em Barcelona. Começa às 16h, com cobertura ao vivo de EXAME.com.

**

Gadgets & Cia I  ASUS lança novo Fonepad 7 no Brasil    (17/02/14)

Modelo chega às lojas brasileiras nesta segunda-feira (17) e tem preço sugerido de R$ 999

A ASUS confirmou nesta segunda-feira (17) o lançamento do phablet ASUS Fonepad 7 no  mercado brasileiro. O produto chega às lojas nacionais já a partir de hoje e tem  preço sugerido de R$ 999. O dispositivo possui as características de tablet e  smartphone, permitindo fazer e receber ligações.

A nova versão do aparelho conta com processador dual-core Intel Atom Z2560 de  1,6 GHz, 1 GB de RAM e 8 GB de armazenamento interno (expansível com cartão  micro SD). A tela de 7 polegadas tem resolução de 1200x800 pixels. O sistema  operacional do aparelho é o Android 4.2.2.

Pesando 340 gramas, o Fonepad 7 conta ainda com bateria de 3.950 mAh, com  duração estimada de 10 horas para uso contínuo na reprodução de vídeos HD. A  câmera traseira tem resolução de 5 megapixels e a câmera frontal tem resolução  de 1,2 megapixel.

Fonte: ASUS

**

Gadgets & Cia I  Dell lança destkop Inspiron Série 3000 no Brasil a partir de R$ 1.499   (13/02/14)

Computador compacto pode vir com quarta geração de chips Intel, placa de vídeo para games, 1 TB de HD e até 8 GB de RAM

A Dell anunciou  o lançamento no mercado brasileiro do computador Inspiron Small Desktop Série  3000, equipado com a quarta geração de processadores Intel Core. Com preços a  partir de R$ 1.499, o equipamento é destinado ao consumidor doméstico, já que é  bastante capaz de executar programas populares, vídeos e outras aplicações  multimídia.

O computador também pode servir para games, já que uma das opções de montagem  do aparelho tem placa de vídeo de qualidade, além de mais espaço no disco rígido  e de memória RAM.

A Dell ainda destaca que, além de ser usado de forma tradicional, como na  realização de trabalhos escolares, o modelo pode ser conectado a um monitor com  tela sensível ao toque para aproveitar todos os recursos do Windows 8.

Especificações técnicas

  • Sistema operacional Microsoft Windows 8
  • Processadores Intel Core Celeron-G1820; Pentium-G3220; i3-4130 e  i5-4440
  • Placas de vídeo Intel HD 4400 ou NVidia GT 625 (1 GB)
  • Memória RAM de até 8 GB
  • Disco rígido de 500 GB ou 1 TB
  • Áudio em alta definição com Waves MaxxAudio® 4
  • Portas USB 3.0 (2), USB 2.0 (4), VGA, HDMI, Ethernet, conexão de áudio e  Bluetooth 4.0
  • Dimensões: 26,7 x 10,2 x 38,1 cm
  • Peso: a partir de 6,35 kg

O produto acompanha serviços de suporte de hardware e software 24 horas por  dia e um “seguro” de proteção contra acidentes ao equipamento, como quedas e  contato com líquidos. A compra já pode ser feita no próprio site da fabricante.

Fonte: Assessoria  de imprensa Dell

**

Gadgets & Cia I  Apple deve lançar dois modelos de iPhone neste ano   (12/02/14)

Os rumores apontam para telefones maiores do que o iPhone atual

Novos iPhones: boatos apontam para telas maiores que a do iPhone 5s

São Paulo – Boatos afirmam que a Apple lançará dois modelos de iPhone em 2014.

As informações são do jornal South China Morning Post. De acordo com ele, pessoas de dentro da indústria, que viram os protótipos, dizem que os smartphones serão maiores do que a versão atual de 4 polegadas.

Seriam dois modelos diferentes, um de 4,7 polegadas e outro de 5,5 polegadas. A data de lançamento seria no mês de setembro.

Segundo informações, os novos iPhones terão tela de cristal de safira, que só é menos resistente do que diamante.

De acordo com as fontes, mesmo sendo maior, o peso dos novos telefones será menor do que o do iPhone 5s.

Outro rumor vindo do Japão fala sobre melhorias na câmera frontal - usada para o Face Time. Segundo as informações, a câmera frontal, hoje de 1,2 MP, teria a qualidade da principal, que é de 8 MP.

De acordo com as informações, a câmera seria fornecida pela Sony.

Briga pela Ásia

Hoje, a Apple é a única fabricante a trabalhar com um aparelho topo de linha de 4 polegadas.

Nokia, LG, HTC e Samsung trabalham com telas de cerca de 5 polegadas. A Samsung, diga-se de passagem, fabrica o gigante Galaxy Note, de 5,7 polegadas.

Analistas apontam que o mercado asiático tem preferência pelas telonas. Isso pode ser um motivo para que a Apple decida sair de sua zona de conforto e arrisque com um aparelho maior.

**

Gadgets & Cia I  Samsung lança 4 novos tablets na CES 2014   (07/01/14)

A Samsung lançou nesta terça-feira quatro novos tablets com tamanho que vão de 8,4 até 12,2 polegadas. O anúncio, que foi feito durante a CES 2014, consolidou rumores de que a empresa ampliaria sua participação nesta categoria e que circulam pela internet já há algumas semanas.

Segundo a Samsung, os tablets serão posicionados como topo de linha. Um deles, o Galaxy NotePRO, oferece tela de 12,2 polegadas e vem acompanhado da caneta digital S Pen. 

Outro dispositivo que também tem o mesmo tamanho de display é o TabPRO. Ainda de acordo com a Samsung, estes tablets são os primeiros do mundo com tela nestas dimensões e resolução WQXGA.

Além desta dupla, a fabricante anunciou também o TabPRO com tela de 10,1 polegadas e outro modelo da mesma linha, mas com 8,4 polegadas. Todas as novidades estarão disponíveis com Android 4.4 e em versões com Wi-Fi, Wi-Fi + 3G e 4G.

As vendas no mercado internacional começam ainda no primeiro semestre do ano, mas não há informações acerca da chegada, e também sobre os preços, dos tablets no Brasil. Vale lembrar, contudo, que a Samsung tem um histórico de ser ágil na distribuição das suas novidades pelo mundo. Portanto, é de se esperar que os modelos desembarquem em breve por aqui. Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia I  Samsung deve lançar novos tablets, inclusive o suposto Galaxy Note Pro 12.2, em 2014   (30/12/13)

A Samsung parece estar de olho em ampliar a sua participação na categoria de tablets. Rumores recentes apontam que a empresa está preparando um bom pacote de lançamentos para o primeiro semestre de 2014. E um dos modelos diz respeito a um tablet com 12,2 polegadas de tamanho, o suposto Galaxy Note Pro 12.2.

De acordo com informações que circulam há alguns dias pela internet, e divulgadas pelo SamMobile, o possível dispositivo poderá vir com 3 GB de RAM e será equipado com Android 4.4. Para o site The International Business Times, o tablet deverá ser lançado até o final de fevereiro e estará disponível nas cores preta e branca. 

Mas este não será o único lançamento em tablets que a empresa prepara para o primeiro semestre de 2014. Ainda de acordo com o SamMobile, a Samsung desenvolve três novos modelos da linha Tab: o Galaxy Tab 3 Lite, o Galaxy Tab Pro 8.4 e o Galaxy Tab Pro 10.1.

O primeiro deles, ao que tudo indica, será um modelo básico e barato, de 7 polegadas. Segundo as fontes ouvidas pelo SamMobile, para conseguir manter um preço interessante para o Tab Lite 3, a Samsung teria optado por lança-lo com 3G e não 4G.

Disponível apenas em branco, o dispositivo deve ser anunciado já na segunda semana do ano, possivelmente durante a edição 2014 da CES (Consumer Electronics Show).

Já os outros tablets devem vir com suporte para a rede 4G LTE e em versões nas cores preta e branca. Além disso, contarão com 16 GB de armazenamento. Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia I  TV LG 4K de 105″ da LG   (19/12/13)

Na interminável disputa entre fabricantes para definir “o meu é maior que o seu”, o capítulo do dia mostra a TV nova avantajada que a LG terá como destaque na CES 2014: é o modelo LG 105UB9, uma tela 4K de 105″ com design curvado.

Mas essa tela gigante aí tem uma pegadinha: a proporção 21:9, a mesma usada no cinema e que, no passado, a Philips tentou (sem muito sucesso, apesar da linda TV) explorar. É um modelo pra ter um cinemão em casa.

Segundo a LG, uma das “vantagens” do formato 21:9 é “permitir acessar informações no lado da tela sem bloquear o que está acontecendo”. Na prática, você vai precisar de uma sala grande pra ter uma TV dessas.

A TV tem uma resolução de 5.120 x 2.160 pontos e, como em outros modelos da fabricante, oferece um design curvado, mas em um painel LED convencional (e, por conta disso, fazendo uma bruxaria tecnológica que promete evitar o vazamento de luz por conta do ângulo da tela).

Nada de preço ou data de lançamento ainda, mas a TV gigante será demonstrada na CES 2014, em janeiro.

Update 9h19: a Samsung também terá sua TV 4K de 105" com tela curvada na CES, com proporção 21:9.

Mas só mostrou uma foto genérica por enquanto:

by Henrique Martin - ZTOP

**

Gadgets & Cia I  TVs inteligentes da Samsung vão exibir tela inicial com recomendações    (12/12/13)

A partir do próximo ano, as TVs inteligentes da Samsung virão com uma tela inicial. Segundo o diretor da área de TV da Samsung Brasil, Roman Cepeda, ao ligar o equipamento, o usuário ainda encontrará o conteúdo da última porta HDMI ou do último canal de TV aberta sintonizado. No entanto, este conteúdo ocupará apenas uma parte da tela, pelo menos até que o usuário dê um clique para que o canal ocupe a tela completa.

Cepeda conta que a Samsung já tem tecnologia para identificar qual é o conteúdo sendo exibido na fonte de vídeo sintonizada. "No espaço que resta da tela inicial, nós vamos sugerir outros conteúdos para os consumidores, baseados no que eles costumam assistir", explica. Esse conteúdo pode vir dos serviços oferecidos nas smart TVs.

Publicidade

Sobre a venda de espaço publicitário nas smart TVs, conforme anunciado no TV.Apps, organizado pela Converge em novembro, Cepeda destaca que já acontece pela Samsung em nível global. No Brasil, conforme afirmou o executivo a este noticiário, a novidade pode demorar um pouco mais. Isto porque a Samsung trabalha com um bureau de mídia para fazer a comercialização internacional. Por aqui, a venda de espaço publicitário é feita pelos próprios veículos de mídia. "Temos que encontrar um parceiro para atuar na venda dos espaços publicitários", disse. Fernando Lauterjung, da

**

Gadgets & Cia I  Ultrabook Z360, da LG, é levinho e tem ótima tela full HD    (01/12/13)

São Paulo – Um dos ultrabooks do segmento premium da LG, o Z360 promete alto desempenho e dimensões que podem agradar quem busca por um aparelho com boas especificações para carregar no dia a dia.

Elegante e esbelto, o ultrabook tem apenas 13,6 milímetros de espessura e pesa menos de 1,2 kg. Sua tela, full HD, tem 13,3 polegadas e é equipada com uma tecnologia que, de acordo com a LG, proporciona cores vivas e maior ângulo de visão. O Z360 conta ainda com memória de 4 GB, armazenamento SSD de 128 GB, saída HDMI e USB 3.0.

O Z360 tem o Windows 8 como seu sistema operacional. Contudo, não há versão com tela sensível ao toque. Em relação ao seu processador, o ultrabook oferece um razoável i7 de terceira geração. Atualmente, já existe uma família de chips mais avançados da Intel. No Brasil, o LG Z360 está à venda por cerca de 3,2 mil reais. [Gabriela Ruic, de ]

**

Gadgets & Cia I  Moto G, o smartphone bom e barato da Motorola, ganha elogios  (28/11/13)

São Paulo -- Lançado no Brasil e em outros países neste mês, o Moto G, da Motorola, chamou atenção por oferecer recursos de smartphone intermediário por preços de aparelho básico, começando em 649 reais.

O Moto G (seria G de Google?) é o irmão mais novo do Moto X, o smartphone de topo da Motorola, que custa 1.499 reais no Brasil. Sua limitação mais óbvia é que a conexão celular é 3G. Quem fizer questão do acesso rápido à internet proporcionado pelo 4G LTE deve buscar outro modelo.

Deixando isso de lado, o Moto G é uma ótima opção em sua faixa de preço. Ele tem uma espaçosa tela HD de 4,5 polegadas e um respeitável processador de quatro núcleos. Vem com Android 4.3 Jelly Bean e com a promessa de atualização, em janeiro, para a versão mais recente do sistema, a 4.4 KitKat.

A configuração mais barata do Moto G tem apenas 8 GB de capacidade, muito pouco para quem armazena fotos, vídeos e músicas no celular. Por 799 reais, o Moto G Dual traz 16 GB, além de aceitar dois chips de operadora.

A Motorola ainda oferece, por 999 reais, o Moto G Music, também com 16 GB. Essa variante do aparelho vem com um fone de ouvido supra-auricular da marca SOL Republic, com conexão sem fio Bluetooth.

O Moto G não permite a expansão da memória por meio de um cartão como acontece em outros smartphones com Android. Assim, vale a pena investir numa configuração com 16 GB de capacidade. Vejamos algumas avaliações de pessoas que testaram o Moto G:

Tela

James Rigg, do blog Engadget, diz: "A resolução da tela é frequentemente sacrificada para baixar custos, mas não é o que acontece no Moto G. A respeitável resolução 720p se espalha adoravelmente nas 4,5 polegadas de tela LCD, resultando numa densidade de 329 pixels por polegada."

"Mas os números não são tudo. Qual seria o sentido de todos esses pixels se eles fossem sem graça e imprecisos? Felizmente, não encontramos nenhum desses problemas na tela do Moto G. As cores são intensas. Os brancos são brancos. E os pretos são realmente pretos", diz Rigg.

Desempenho

Darrell Etherington, do TechCrunch achou o smartphone ágil: "Ele passeia pelo sistema operacional de forma suave e veloz. Ele ativa rapidamente o Google Now e reconhece fala com a mesma precisão e agilidade de seus primos mais caros."

"O único lugar onde notei alguma lentidão foi no browser, onde conteúdo com muitas imagens pode causar alguns engasgos, mas só em casos extremos. Até o Tumblr, que é carregado de fotos, se comportou bem."

Câmera

O Moto G traz um par de câmeras simples: uma frontal de 1,3 megapixel e outra traseira de 5 megapixels. A câmera principal tem flash de LED e filma na resolução HD 720p. A Motorola tenta compensar esse hardware fraco com melhoramentos nas imagens feitos pelo software da câmera.

James Rigg, do Engadget, diz: "As imagens que o G produz podem não ter a clareza das fotos de 10 megapixels do Moto X. Mas elas certamente são comparáveis em qualidade."

"O modo HDR tem impacto notável, e nós acabamos usando essa opção com frequência. Ela faz as cores saltarem, transformando paisagens sem graça em cenas dramáticas."

"Os ajustes automáticos de luminosidade e balanço de branco às vezes erram um pouco. Mas é fácil compensar isso ligando e desligando o controle de foco, dependendo das circunstâncias."

Bateria

Os testes mostram que a duração da carga da bateria do Moto G é excelente. Alex Dobie, do site AndroidCentral, diz: "Tivemos dificuldade para esgotar a bateria em menos de 24 horas no uso regular do smartphone. Quando conseguimos, foi mantendo a tela ligada por mais de 6 horas."  

**

Gadgets & Cia I iPhone 5s, o Apple mais poderoso, já está à venda no Brasil    (24/11/13)

São Paulo – O iPhone 5s desembarcou nesta semana no Brasil, país no qual o dispositivo alcançou o maior preço. À venda em diferentes operadoras, o smartphone da Apple custa entre 2,7 e 3,6 mil reais, dependendo da sua configuração.

A grande novidade do iPhone 5s é o Touch ID. Este sensor biométrico foi colocado no botão Home e tem o objetivo de tornar mais seguro o acesso ao aparelho. Equipado com iOS 7, o smartphone oferece duas câmeras, uma frontal de 1,2 megapixels (MP) e uma traseira de 8 MP e flash duplo.

A tela segue com 4 polegadas de tamanho, tal qual o iPhone 5. Contudo, o iPhone 5s está mais fino, leve e rápido que seu antecessor: tem 7,6 milímetros de espessura, 112 gramas de peso e processador A7 de 64 bits. O iPhone 5s é compatível com os padrões brasileiros para a rede 4G LTE.

De forma geral, o novo iPhone tem recebido críticas equilibradas desde o seu lançamento. Há quem considere que o smartphone não trouxe nada de novo, como a equipe do The Verge, por exemplo. Já para a CNET, a principal crítica ficou na duração da bateria, que, segundo o site, tem o mesmo desempenho do modelo anterior.  Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia I  iPad Air é mais leve e rápido, mas não revoluciona    (17/11/13)

Novo tablet da Apple começou a ser vendido no início deste mês nos Estados Unidos

NYT

Por Damon Darlin

O iPad Air é notavelmente mais leve do que seus antecessores. Mas você provavelmente já sabe disso. Os engenheiros da Apple removeram perto de um terço do peso da versão anterior; o Air de 10 polegadas pesa menos de meio quilo.

O que você pode não saber é o seguinte: esses 181 gramas fazem toda a diferença quando, conforme se encosta para ler um livro ou ver um filme, você se atrapalha e o iPad cai direto em seu nariz. O Air não machuca como o antigo iPad.

A redução de peso e um perfil 20 por cento mais fino também trazem outros benefícios. A alça de minha bolsa não pesou tanto em meu ombro quando o iPad estava dentro dela. Minha mão não se cansou depois de segurar o iPad Air por uma hora enquanto eu assistia a filmes.

Porém, será que a redução de danos ao nariz é o bastante para justificar a compra de um novo iPad se você já possui um dos 170 milhões de unidades que foram vendidas nos últimos 3 anoe e meio? E se você nunca comprou um tablet, será que isso o persuadirá a deixar seu laptop de lado e abraçar uma nova era?

Enquanto chega às lojas do mundo todo, o iPad Air está enfrentando sua concorrência mais dura até então – do Galaxy Note 10.1 da Samsung, do Surface 2 da Microsoft e do Kindle Fire HDX da Amazon. O Google está com um novo tablet Nexus pronto para lançamento.

O iPad Air também competirá contra seu irmão menor, o iPad Mini. No final de novembro, a Apple começará a vender uma nova versão desse tablet, que vem com uma tela Retina de 8 polegadas de alta resolução e o mesmo processador mais rápido encontrado no Air e na nova linha de iPhones.

Tamanho

Então como o Air se sai? Comparado com o Mini, a questão realmente se resume a tamanho. Se tudo que você quer fazer no tablet é ler livros ou assistir a filmes, a tela menor é excelente, e você pode economizar US$100 (o modelo mais barato do Air custa US$500 nos EUA, e o novo Mini custa US$400). Entretanto, eu uso o iPad para trabalhar, ler documentos e ocasionalmente editar e redigir arquivos. Também o uso como uma segunda tela (na verdade é uma quarta, mas não entremos em detalhes) em minha mesa para pesquisar a internet. O terreno extra proporcionado por uma tela maior faz diferença no escritório.

Se decidir que precisa de uma tela maior, você encontrará muitos benefícios no iPad Air. Além de ser leve e fino, ele carrega aplicativos e páginas da web rapidamente – mais rápido do que o velho iPad, pois a Apple personalizou o software para trabalhar muito bem com o processador padrão A7 e vice-versa.

Ele funciona facilmente por 10 horas com apenas uma carga, exatamente como a Apple promete – apesar do menor tamanho de bateria e da maior demanda de processamento.

Em meu teste de uso bastante intenso, ele baixou e reproduziu três episódios de uma hora de “Game of Thrones” e algumas horas de música. Naveguei pelo Twitter e Flipboard, joguei games e passeei pela web. Esse é quase um dia típico para mim e meu iPad. Ele atravessará um dia normal sem preocupações.

O iPad Air também traz duas antenas para captar sinais de Wi-Fi mais rápido do que o modelo antigo. Chamadas de MIMO (da sigla em inglês para múltipla entrada e múltipla saída), essas antenas fazem uma diferença notável quando seu sinal Wi-Fi está mais fraco, como em um quarto dos fundos ou no porão. É preciso ter um roteador compatível com MIMO para ver a mágica.

Vale a pena?

No entanto, você precisa investir US$500 ou mais por um Air se já possui uma versão anterior do iPad? Perceba que usei a palavra “precisa”. Mesmo amando dispositivos novos e brilhantes, eu realmente não posso lhe dizer para substituir seu iPad velho; as melhorias no novo são incrementais, e não revolucionárias.

Se você nunca teve um tablet, porém, a resposta é outra. Um tablet, especialmente esse iPad, é uma delícia de usar e lhe trará mais horas de alegria do que qualquer outro dispositivo eletrônico que conheço.

A Apple vende o Air em duas cores, preto e branco – mas os chama de cinza espacial e prata, pois essas são as cores na traseira dos aparelhos (é uma empresa peculiar). Ela também vende capas em seis cores por US$ 40, e estojos, também em seis cores, por US$ 80. Pode ter certeza de que as lojas logo estarão repletas de capas e estojos de diversos materiais e designs de inúmeros fabricantes para essa nova versão.

A Apple vende o iPad Air com quatro níveis de memória ou armazenamento. O modelo básico, apenas com Wi-Fi, custa US$500 com 16 gigabytes e acrescenta US$100 em cada nível: 32, 64 e 128 GB. Um dispositivo que também funciona por redes celulares sai por US$130 adicionais.

Então qual modelo você prefere? Um pequeno conselho se mantém desde a era do PC: compre o máximo de armazenamento que puder. Sendo um consumidor puramente financeiro, você compraria o modelo de 128 GB pois o armazenamento fica mais barato conforme se compra mais. Todavia, consumidores puramente financeiros também possuem limitações de orçamento.

Ainda assim, você pode precisar de mais armazenamento do que pensa. Os aplicativos estão cada vez maiores; o Infinity Blade, um jogo popular, consome quase um gigabyte. Quando uma revista digital pode facilmente conter 225 megabytes de dados, não demora muito até se atingir o limite do aparelho. A agonia explode quando você está vendo seriados compulsivamente e precisa baixar vários episódios. Um programa de uma hora pode ter 2,5 GB. Se você não tem essa compulsão, vai ter. Se você já é assim hoje, vai piorar. Planeje-se para isso.

Ainda na liderança

Frente aos outros tablets do mercado, a Apple ainda está em vantagem. Poderia ser mais difícil se a concorrência fosse significativamente mais barata, mas o Surface 2 por US$450 e o Galaxy Note por US$550 não são pechinchas. E eles são mais pesados e não possuem a ampla variedade de aplicativos.

O Kindle Fire HDX de 9 polegadas custa US$380 e é um bom dispositivo para ler e ver filmes, mas compartilha as mesmas desvantagens dos outros rivais do iPad.

A Apple ainda aumentou as apostas oferecendo seis aplicativos grátis aos compradores do iPad Air: iMovie e iPhoto, para administrar e editar vídeos e fotos; Page, para lidar com documentos; Numbers, para planilhas; Keynote, para apresentações; e GarageBand, para criar música. Esses são alguns dos aplicativos mais populares da App Store e valem US$45.

Embora eu aplauda os engenheiros da Apple por reduzir o peso do iPad sem sacrifícios perceptíveis como duração de bateria ou robustez, algumas coisas ainda precisam ser resolvidas. Eu gostaria de poder ler a tela sob luz direta do sol enquanto uso óculos de sol polarizados. A Apple diz que está trabalhando nisso. 

Eu também adoraria ver um teclado personalizável que me permita mover os símbolos @ e # permanentemente para o teclado principal. Claro, existem atalhos, mas mesmo os usuários casuais do Twitter e Facebook precisam que esses símbolos sejam mais acessíveis.

Ah, e uma maneira de gravar sonhos no iPad seria incrível.

Não tenho certeza se tornar o iPad mais leve será suficiente para persuadir pessoas que nunca sentiram a necessidade de comprar um tablet a correr para a loja da Apple. Contudo, aposto que, mesmo sem aplicativos para leitura no sol e captura de sonhos, muitos farão essa corrida.

**

Gadgets & Cia I  Apple anuncia iPad Air, OS X gratuito e atualiza linha de MacBooks    (22/10/13)

A Apple apresentou o iPad Air, produto que nenhum rumor previu, colocou a tela Retina no iPad mini, atualizou sua linha de MacBooks, apresentou novamente o Mac Pro e afirmou que distribuirá o OS X Mavericks de graça. Tudo isso aconteceu em um único evento realizado na cidade de São Francisco, Estados Unidos, nesta terça-feira (22).

Novos iPads (Foto: Reprodução)

Novos iPads (Foto: Reprodução)
 

iPad Air

Seguindo o conceito inaugurado no MacBook Air, a Apple anunciou o iPad Air, um tablet que ainda manterá a tela Retina de 10 polegadas, mas virá mais leve do que as versões anteriores. Segundo a Apple, este é também o tablet mais fino do mercado.

O iPad Air vem com uma câmera frontal e outra traseira, processador A7, o mesmo do iPhone 5S. Seu formato é similar ao já conhecido iPad mini, lançado no ano passado, mas será vendido em duas cores: preto e cinza.

iPad mini com tela Retina

A Apple confirmou os rumores que surgiram na última semana: o novo iPad mini realmente terá uma tela de 7.9 polegadas com tecnologia Retina, que lhe garante uma resolução de 2.048 x 1.536. Além disso, ele também recebeu o processador A7, câmera Facetime HD, não presente na versão anterior. Segundo a empresa, a bateria deste dispositivo pode durar até 10 horas de trabalho contínuo.

Nenhuma modificação foi feita no desenho do produto, mas ele também será vendido nas mesmas duas cores do iPad Air.

O iPad mini continuará a ser fabricado e vendido pelo valor de US$ 299, na versão de 16 GB, enquanto o novo iPad mini com tela Retina chegará às lojas americanas pelo preço de US$ 399, também na versão de 16 GB.

Preço da nova família de iPads (Foto: Reprodução)
 

OS X Mavericks

Craig Federighi, responsável pelo sistema operacional para os computadores da Apple, apresentou as principais características do OS X Mavericks. O maior destaque do sistema, é que ele foi construído para aproveitar melhor o sistema de memórias dos MacBooks para tornar o uso mais rápido e suave. Da mesma forma, com o novo OS X, o uso da bateria está mais econômico do que era com o OS X Mountain Lion, sistema operacional anterior da Apple.

O sistema de notificações está mais completo. Agora, além de receber mensagens dos programas e atividades que estão ocorrendo no seu computador, o usuário poderá responder ou compartilhar a mensagem, direto na área de notificações. Isso faz com que o usuário economize tempo de trabalho.

Mac OS X (Foto: Reproduçao/Apple)
 

Com o iBooks integrado ao sistema para desktops e notebooks, o usuário pode ler os livros que ele comprou no iPad ou iPhone, mas também pode copiar o conteúdo de uma obra direto para o programa Pages por exemplo, conforme Craig demonstrou durante o evento. Essa replicação do conteúdo pode ser feita apenas arrastando uma imagem, parte de um texto ou qualquer tipo de conteúdo, de uma janela para outra, utilizando o mouse ou o touchpad do MacBook.

O OS X Mavericks chega na Mac App Store nesta terça-feira (22) de graça para toda a linha de computadores da Apple. Antes de anunciar a gratuidade, Craig ainda provocou a Microsoft, ao apresentar no telão o preço do Windows 8 Pro: US$ 199,00.

Apple Free (Foto: Reprodução/Apple)
 

MacBook Pro com tela Retina

Toda a nova linha de MacBooks Pro com Tela Retina estarão à venda a partir de hoje nos Estados Unidos. As atualizações dos computadores portáteis da Apple foram bem modestas, se concentrando apenas em incluir os novos processadores de quarta geração da Intel, conhecidos pelo codinome Haswell.

Preços dos novos MacBooks (Foto: Reprodução)

Preços dos novos MacBooks (Foto: Reprodução)
 

Além disso, eles atualizaram o padrão de redes Wi-Fi suportados por esses computadores, que agora trabalham com o novo WiFi 802.11ac. Esta nova estrutura torna as conexões sem fios mais rápidas, confiáveis e livre de interferências. Outra pequena novidade da linha de notebooks da Apple é a atualização da porta Thunderbolt 2.

Os novos MacBooks Pro tornaram-se mais poderosos também nos aspectos gráfico, com a nova placa de vídeo GeForce GT 750M da Nvidia, com 2GB de memória dedicadas. Desta forma, o novo MacBook Pro terá seus 4GB de memória RAM disponíveis para outras tarefas que não exijam muito de aspectos gráficos.

O MacBook Air, que também receberá os novos processadores Haswell, estarão à venda pelo preço de US$ 999 na versão de 11 polegadas de tela, e US$ 1.099 para a versão com 13 polegadas. Já a nova linha de MacBooks Pro com tela Retina estarão a venda por US$ 1.299 e US$ 1.999 para os modelos com 13 e 15 polegadas de tela, respectivamente.

Mac Pro

Assim como na WWDC, o Mac Pro foi novamente apresentado. Phil Schiller, executivo da Apple, demonstrou todas as entradas do novo computador de mesa e ressaltou o cuidado que a empresa teve para fazer um produto mais silencioso, compacto e com um baixo consumo de energia. Ele consome 70% menos energia que a geração anterior de Macs Pro.

Mac Pro tem suporte a monitores 4K (Foto: Reprodução)

Mac Pro tem suporte a monitores 4K (Foto: Reprodução)

O Mac Pro estará disponível nos Estados Unidos em dezembro, por US$ 2.999.

iLife

O pacote de aplicativos multimídia da Apple também foi atualizado, principalmente para fornecer uma maior integração entre a versão para Mac e para iPads ou iPhones, isso se confirma com o app Photobook, que também estará disponível para iPad e mostrará as mesmas fotos, sincronizadas entre os dispositivos.

De mudanças significativas, a interface do iPhoto foi simplificada para o usuário navegar com mais facilidade entre suas fotos.

O iMovie ganhou a função "iMovie for You", com ele, o usuário poderá manter suas criações em vídeo sincronizadas entre o aplicativo no Mac e iPad. Deste modo, o usuário poderá continuar a sua edição onde estiver.

O novo iLife estará disponível ainda nesta terça-feira (22) e será gratuito para quem comprar agora  os novos MacBooks, iMacs ou dispositivos com iOS.

Novo iLife (Foto: Reprodução)
 

iWork

A linha de produtos de escritório da Apple também foi atualizada hoje. Todos os aplicativos receberam mudanças no visual, principalmente nas cores e fontes, além de novos temas prontos para o usuário aplicar em seus trabalhos.

Keynote agora tem suporte a ediçao colaborativa (Foto: Reprodução)
 

Assim como no iLife, as mudanças no iWork também foram pelo caminho de facilitar e agilizar o trabalho do usuário, tornando o uso das tarefas mais fáceis. Em muitos casos, basta apenas arrastar com o mouse para trocar uma fotos, mudar o estilo de um título, entre outras opções.

A grande novidade do iWork ficou por conta da versão que rodará no iCloud. Deste modo, o usuário poderá acessar e trabalhar em um documento de qualquer dispositivo da Apple, ou até em um computador com Windows, através do navegador. Assim como no Google Drive, vários usuários poderão trabalhar ao mesmo tempo em um projeto, de forma colaborativa. [Tech Tudo]

**

Gadgets & Cia I  Tikker: Relógio da morte conta quanto falta para o fim da sua vida    (08/10/13)

Um designer americano chamado Frederik Colting desenvolveu um relógio de pulso que oferece ao seu usuário uma maneira inovadora, e talvez um pouco mórbida, de checar a hora: chamado Tikker, ele faz a contagem regressiva para a morte do seu dono.

Para usar o dispositivo com a data correta do final da sua vida, o usuário deverá preencher um questionário. A partir do resultado, o Tikker irá então deduzir a sua idade e irá calcular quanto falta para o momento da morte do seu dono, dando início a temida contagem regressiva.

O gadget tem como objetivo ser mais que um mero lembrete de que sim, todos nós morreremos um dia. Segundo seu criador, a ideia é que ele seja usado como forma de conscientizar seus donos de que o tempo na Terra é breve e, por isso, dever ser aproveitado da melhor maneira possível.

No visor, o usuário terá então acesso a informação mais importante, isto é, quanto tempo de vida lhe resta, em anos, meses e dias. Logo abaixo, poderá ainda ver as horas, minutos e segundos que o separam do seu fim. Mas, além de mostrar quando acontecerá o seu encontro com a morte, é possível ainda ver a hora local.

“Esqueça os relógios inteligentes que vão te manter ligado ao trabalho 24/7”, diz Colting. “Que tal usar um relógio que irá ajudá-lo a ser mais feliz e ter uma vida melhor?” Em busca de fundos há alguns dias no site de financiamento coletivo Kickstarter, o Tikker precisa de 25 mil dólares para chegar aos seus primeiros usuários e já conta com mais de 5 mil em caixa.

Ainda de acordo com seu perfil no Kickstarter, o usuário que comprar uma unidade do dispositivo levará para casa um livro que irá explicar curiosidades sobre o tempo e que servirá de manual para o funcionamento do Tikker. “O que importa não é quanto tempo você tem, mas sim o que irá fazer com ele”, resumiu seu criador. [Gabriela Ruic, de ]

**

Gadgets & Cia I Galaxy Gear, o relógio inteligente da Samsung, vira realidade. Veja fotos  (04/09/13)

São Paulo – A Samsung anunciou na tarde desta quarta-feira, durante a IFA 2013, o seu tão aguardado relógio inteligente, Galaxy Gear. De acordo com a empresa, o gadget dará ao usuário o acesso às notificações, chamadas, mensagens e e-mails, sem que seja necessário consultar o seu smartphone ou tablet a cada minuto.

O Galaxy Gear também permite a realização de ligações, mesmo quando seu dono estiver com as mãos ocupadas, e conta com uma pequena câmera de 1,9 megapixels. Disponível em diferentes cores, o relógio inteligente ainda pode ser usado como um monitor de atividades físicas.

Com tela super AMOLED sensível ao toque de 1,63 polegadas com resolução de 320 pixels x 320 pixels. O processador é de 800 MHz e a memória, de 512 Mbytes.

Na pulseira, o bichinho ainda conta com uma câmera de 4 Mpixels e pode gravar vídeos em 720p de até 10 segundos. Para salvar tudo isso, 4 Gbytes de armazenamento. A bateria, promete a Samsung, terá autonomia de 25 horas.

Bem no centro do pulso ficam os microfones e as caixas de som para fazer ligações telefônicas. Para atender a uma chamada, o usuário poderá fazer o movimento com o braço simulando o de levar o telefone à orelha (o que pode ser um pouco constrangedor em público).

Desde o início, o relógio --que roda uma versão modificada do sistema Android, do Google-- terá 70 aplicativos disponíveis. Com esse número somado ao comandos por toque, a sensação de uso pode ser similar a de um smartphone.

Ele fará notificações de ligações, e-mails e mensagens. Poderá trabalhar como pedômetro e aceitará comandos de voz, como para fazer ligações e gravações. Será lançado em seis cores diferentes.

O maior obstáculo do Gear é sua reduzida compatibilidade: de cara, funcionará apenas com o Note 3 e o novo Note 10.1. A Samsung empresa promete que, em outubro, ele poderá se conectar ao Galaxy S 3, S 4 e Note 2. A empresa não fala se outros aparelhos podem entrar na lista.

ANTES DA APPLE

Ainda assim, a Samsung conseguiu chegar antes da Apple ao mercado de relógios inteligentes. Segundo o jornal "Digitimes", o suposto "iWatch" será lançado apenas no segundo semestre do ano que vem.

O lançamento do Galaxy Gear também representa a entrada de outra gigante no universo dos computadores vestíveis --conhecidos em inglês como "wearables"--, classe de equipamentos que toma a forma de roupas e outros acessórios e que se mistura a peças do vestuário comum.

Antes da Samsung, os óculos futurísticos Google Glass já apontavam para o interesse de grandes nomes no setor.

**

Gadgets & Cia I Chromecast leva conteúdo do smartphone, tablet ou notebook para TV   (24/07/13)

O Google lançou um novo dispositivo voltado para conteúdo móvel. Um serviço de streaming para TVs, batizado de Chromecast. Conectado por qualquer porta HDMI, o gadget tem cerca de 2 polegadas e roda uma versão simplificada do Chrome OS.

O Chromecast conecta-se ao seu smartphone Android ou iPhone sendo capaz de transformar automaticamente sua TV em um receptor de conteúdos multimídia. Sites como o YouTube, Netflix e o serviço Google Play Filmes e Music emparelhandos ao seu telefone. A transmissão é feita a partir do Chromecast, deixando seu aparelho disponível para receber chamadas e realizar outras funções.

O dispositivo funciona com smartphones e tablets Android, iPhones e iPads, Chrome para Windows e Chrome para Mac. Controlando a reprodução, ajustando volume através dos gadgets.

O Chromecast é uma solução parecida a um pendrive, que deve ser inserido em uma entrada HDMI da TV, emparelhando conteúdo visto nos tablets, smartphones ou computadores próximos.

Para usuários que adquirirem o produto, que custará US$ 35 (cerca de R$ 73 sem impostos), o Google ainda vai oferecer 3 meses de Netflix gratuitos. A empresa não informou quando e se o produto chegará ao Brasil.

Parece que o lançamento já é um sucesso. Em menos de 1 hora, clientes e sites americanos informaram que o estoque do Chromecast já foi todo vendido. Uma nova leva do gadget agora tem previsão de entrega para o próximo dia 2 de agosto.

Veja o vídeo que mostra o funcionamento do Chromecast:

**

Gadgets & Cia I Galaxy Note 8.0 é bom intermediário entre tablets e smartphones   (16/06/13)

Sempre cabe mais um na família Samsung. Enquanto a Apple economiza nos modelos, a empresa coreana não teme confundir seus consumidores com várias opções de aparelhos. O mesmo vale para o Galaxy Note, híbrido de smartphone e tablet que a empresa coloca em categoria própria. As lojas brasileiras acabam de receber um quarto modelo dele: o Note 8.0, com tela de 8 polegadas – maior do que as duas primeiras versões (5,3 e 5,5 polegadas) e menor que o Note 10.1.

Como aparelho parece um tablet a olho nu, o consumidor corre risco de ficar perdido ao ver nas prateleiras o tablet Galaxy Tab, com tela de 10.1 polegadas.

Então vamos lá. Para começar, a principal diferença dos Notes é que ele fazem ligações telefônicas. Outra característica exclusiva é a presença da caneta Stylus, que serve para escrever e desenhar na tela touch.

O primeiro Galaxy Note não tinha me convencido ao parecer pouco mais que um smartphone inflado. Já o 10.1 mostrou ter grande utilidade como tela para desenhar.

Minha experiência com a versão 8.0 foi a melhor dos três modelos. Ele tem a medida certa para a leitura. Páginas de livros digitais ficam em tamanho quase natural e as das revistas perdem pouco com formato menor. A tela tem imagem brilhante e nítida, em alta definição (full HD) para vídeos.

O Note é bem rápido na mudança de telas e abertura de aplicativos. Não se pode dizer o mesmo na hora de “acordar” o aparelho depois de algum tempo sem usar. É um processo lento. E o reconhecimento de voz para busca no Google, Google Maps ou Play Store não respondeu aos comandos que fiz.

O preço sugerido é de R$ 1.599, o que não chega a ser caro (para o padrão brasileiro) se considerarmos que também telefona, tem 1,6 GHz de processamento e 16 GB de armazenamento. Camilo Rocha

Samsung Galaxy Note 8.0
Sistema | Android 4.1.2
Processamento | 1,6 GHz
Câmera | 5 megapixels
Tela | 8 polegadas
Resolução de tela | 189 ppi (pixel por polegada)
Conectividade | Wi-Fi / 3G
Armazenamento | 16 GB
Preço sugerido | R$ 1.599

**

Gadgets & Cia I Novo Nexus 7 pode chegar em julho com a melhor tela já lançada em tablets   (16/06/13)

A segunda geração do Nexus 7 ainda não foi confirmada, mas tem gerado grande expectativa. Rumores recentes indicam que o novo dispositivo do Google com Android puro deverá chegar no próximo mês, com a melhor tela já lançada em um tablet. Além disso, o novo Nexus deve vir equipado com o inédito Android 4.3 (Jelly Bean) e suporte à rede 4G (LTE).

As informações foram dadas pelo site "Digitimes", que divulgou também que o novo Nexus 7 virá equipado com uma tela LCD de 7 polegadas de resolução superior à Full HD, com 1920×1200 pixels e densidade de 323 ppi. O novo display é bem superior ao LCD de 1280 x 800 pixels com densidade de 216 ppi do modelo original.

As especulações sobre o tablet, porém, não param por aí. Um novo relatório divulgado pelo "TechTastic" indica que os dispositivos Asus K008 e Asus K009 vistos recentemente no "SIG Bluetooth" seriam, na realidade, da segunda geração do Nexus 7. Trata-se das versões compatíveis somente com a rede Wi-Fi e a que traz Wi-Fi e conectividades 3G / 4G, respectivamente.

O relatório informa ainda que o novo Nexus 7 virá equipado com o próximo Android 4.3 Jelly Bean, processador quad-core Snapdragon S4 Pro, 2 GB de RAM, 32GB de armazenamento interno, câmera principal de 5 megapixels e frontal de 1.3 megapixel. O dispositivo será compatível ainda com conexão NFC e, possivelmente, permitirá o carregamento sem fio. O gadget deverá chegar as lojas em julho com preço estimado de US$ 229 (cerca de R$ 490).

Via Phone Arena e Android Authority

**

Gadgets & Cia I Novos MacBook Air custarão a partir de 4.200 reais no Brasil   (10/06/13)

A Apple anunciou uma leva de novidades nesta segunda-feira durante a abertura da sua conferência anual para desenvolvedores, WWDC, que acontece em São Francisco. E uma parte dos anúncios foi reservada a linha MacBook Air de notebooks de 11 e 13 polegadas. 

Agora, ambos os modelos passam a contar com novos processadores de quarta geração, Intel Core i5 e i7. Mais eficientes quando o assunto é economia de energia, os chips impactam diretamente na duração diária da bateria.

De acordo com a Apple, os notebooks agora são capazes de segurar a onda por mais de 9 horas de uso, no caso do modelo de 11 polegadas, e mais de 12 no MacBook Air de 13 polegadas.

Além de novos processadores, os dois modelos passam a contar com novo suporte para Wi-Fi, que, segundo a Apple aumenta em três vezes a desempenho da conexão, e memória flash até 45% mais veloz que a geração anterior.

Os dispositivos já estão anunciados na loja brasileira da Apple. Por aqui, custarão a partir de 4.199 reais, podendo chegar a até 5.399 reais. A expectativa de chegada do dispositivo ao endereço do consumidor, informa a Apple Store, é de até três semanas.

Nos Estados Unidos, o MacBook Air de 11 polegadas e 128 GB de armazenamento será vendido por mil dólares, enquanto que a versão de 13 polegadas e 128 GB custará 1.100 dólares.

MacBook Air

A linha MacBook Air foi anunciada em 2008, pelo então CEO da Apple, Steve Jobs. Na ocasião, o modelo foi descrito como o mais fino do mundo. De fato, as dimensões do dispositivo sempre foram destaques. Disponível com tela de 11 ou 13 polegadas, o Mac Book Air tem 1,7 centímetros de espessura e pesa 1,08 kg.  Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia I Sony lança Xperia M, um dual-chip econômico com o design do Xperia Z    (04/06/13)

A linha Xperia, da Sony, ganhou mais um integrante: o Xperia M. O novo smartphone Android é uma opção mais econômica para o consumidor, com especificações razoáveis e design idêntico ao do top de linha Xperia Z. O produto chega às lojas no terceiro trimestre deste ano e com quatro opções de cores diferentes: preto, amarelo, roxo e branco.

O novo Xperia vem equipado com Android 4.1 (Jelly Bean), processador dual-core de 1 GHz, tela de quatro polegadas com resolução de 854×480 pixels, 1 GB de RAM, 4 GB de armazenamento interno, com slot para cartões microSD, e câmera traseira de 5 megapixel.

O smartphone apresenta ainda as conectividades 3.5G (HSPA+), Bluetooth 4.0 e NFC. No entanto, não há conectividade 4G e nem a resistência à água dos tops de linha Xperia Z e o ZR.

Além do modelo comum, a Sony lançará também uma versão do Xperia M com suporte para dois chips. Ainda não há, no entanto, previsão de lançamento para nenhum dos dois aparelhos e nem os países onde eles chegarão primeiro. O preço também não foi divulgado. Via Mashable

**

Gadgets & Cia I  Samsung lança novos tablets Galaxy Tab 3, com 8 e 10,1 polegadas     (03/06/13)

São Paulo – A Samsung anunciou hoje, em Seul, Coreia do Sul, dois novos modelos que fazem parte da terceira geração de tablets com Android Galaxy Tab: uma versão intermediária, com display de 8 polegadas e outra maior, com 10,1 polegadas. A empresa já havia anunciado um modelo pequeno, com 7 polegadas, no final de abril.

Novos Samsung Galaxy Tab 3 de 10,1 e 8 polegadas foram anunciados pela fabricante nesta segunda-feira, na Coreia do Sul

De acordo com a Samsung, os novos Galaxy Tab 3 vão desembarcar em outros países ainda no início de junho, mas não há uma data específica. Ainda sim, o histórico da agilidade na distribuição de produtos da marca joga a favor dos consumidores brasileiros.

Rápida em levar seus lançamentos para diferentes destinos do globo em um curto espaço de tempo, a Samsung deve, em breve, trazê-los ao Brasil.

O dispositivo intermediário, de 8 polegadas, foi desenhado para ser segurado com apenas uma mão. Seu tamanho contribui para que seja levado para qualquer lugar, seja como e-reader ou para navegar pela web.

Equipado com Android 4.2, tem duas câmeras, uma traseira de 5 megapixels (MP) e uma frontal de 1,3. Ainda oferece suporte para 3G e Wi-Fi, pesa 314 gramas e tem 7,4 milímetros de espessura.

Ao contrário do primeiro, o Galaxy Tab 3 de 10,1 polegadas é uma alternativa para quem quer um dispositivo para entretenimento em casa. Além da tela maior, ele pesa 510 gramas e tem 7,9 milímetros de espessura.

Processador de dois núcleos e Android 4.2 também fazem parte das especificações. A câmera, contudo, tem resolução inferior que a do modelo menor: a traseira tem 3 MP, já a frontal tem 1,3. O tablet não conta com 3G, apenas suporte para Wi-Fi.

Disputa

Os lançamentos consolidam a presença da Samsung nas três faixas principais da categoria: a dos dispositivos maiores, a dos aparelhos intermediários e dos tablets menores.

De olho na liderança, que, para a consultoria ABI Research, segue firme com o iPad da Apple, a fabricante sul-coreana parece apostar no crescimento das vendas de aparelhos menores.

De acordo com a International Data Corporation (IDC), os tablets mais vendidos em 2013 serão aqueles com menos de 8 polegadas. Segundo suas estimativas, estes passarão a dominar 55% do mercado e, até 2017, abocanharão 57% da categoria.

Já os dispositivos com tela entre 8 e 11 polegadas devem observar queda de 43% de participação neste ano para 37% em cinco anos.  Gabriela Ruic - Exame

**

Gadgets & Cia I  Samsung explica história por trás do design do Galaxy S4    (01/05/13)

O Galaxy S4 chega ao Brasil nesta terça-feira (30) e, para deixar os fãs da marca com a expectativa lá em cima, a Samsung lançou um vídeo sobre a história por trás do design do seu top de linha Android. A sequência, divulgada nesta segunda-feira (29), mostra alguns responsáveis pela criação do S4 comentando sobre as idéias e características do dispositivo.

Samsung publica vídeo contando a história sobre o design do novo Galaxy S4. (Foto: Reprodução / Engadget)

Segundo os profissionais da Samsung, a empresa decidiu ser mais racional com o projeto do aparelho com a eliminação e a melhora de algumas questões visuais em relação ao seu antecessor. Além disso, a equipe dobrou a atenção nos detalhes de design de hardware em busca de uma "linha perfeita" para seu novo smartphone.

Externamente, o Galaxy S4 é descrito como possuindo "elementos naturais" em seu coração, incluindo uma nova tampa de bateria reflexiva para se "assemelhar a pedra preciosa brilhando no escuro, ou incontáveis estrelas cintilantes no céu noturno". Já sobre os elementos internos, a Samsung revela que sua nova aposta será um "companheiro de vida" por conta das novas funcionalidades de software.

O vídeo da companhia sul-coreana segue a mesma proposta de empresas como a Apple, que criam materiais audiovisuais contando o processo em cima do design e da filosofia da criação de produtos. Além da Samsung, a Nokia também já adotou esse tipo de estratégia de divulgação de novos produtos. TechTudo

**

Gadgets & Cia I Ultrabook da Samsung tem tela sensível ao toque e Windows 8    (01/05/13)

Equipado com Windows 8, o Série 5 ULTRA touch, ultrabook da Samsung, é o primeiro da fabricante a contar com tela sensível ao toque. Ideal para aqueles que querem aproveitar a experiência que a interface do sistema operacional da Microsoft pode proporcionar.

A tela do ultrabook, recém-lançado no Brasil, exibe conteúdo em HD e tem 13,3 polegadas de tamanho. Um destaque é o fato de suportar o toque de até 10 dedos. Além disso, o Série 5 ULTRA é leve e compacto: pesa apenas 1,7 kg e tem 1,9 centímetro de espessura.

Apesar das dimensões reduzidas, o ultrabook conta com um bom processador Intel Core i5 e 4 GB de memória RAM. O Série 5 ainda oferece Bluetooth 4.0, saída HDMI, uma porta USB 3.0 e duas USB 2.0.

O ultrabook Série 5 ULTRA touch já está à venda e custa 3 mil reais. 

**

Gadgets & Cia I LG inicia pré-venda da primeira TV OLED curvilínea do mundo    (29/04/13)

Demonstradas oficialmente no evento CES 2013, em janeiro deste ano, as televisões com tecnologia de iluminação OLED foram o grande destaque deste segmento. Especialmente os dois modelos de tela côncava, apresentadas pelas rivais LG e Samsung.

LG 55EA9800 em destaque - Foto:Divulgação

Seja qual for a primeira – ambas disputam o título de primeira a demonstrar a tecnologia, o fato é que a LG anunciou hoje a pré-venda do modelo 55EA9800, batizada de Red TV, na Coreia do Sul. A TV OLED curva de 55 polegadas (54,6 polegadas em diagonal) tem a grande vantagem de manter a qualidade da imagem para o espectador que está em um dos cantos do ângulo de visão.

Todas as TVs que a empresa lançar com esta tecnologia terão estrutura de plástico reforçado com fibra de carbono (carbon-fiber reinforced plastic ou CFRP). Neste caso, a TV pesa apenas 17 quilos com 4,3 milímetros de espessura na parte mais fina. Só para efeito de comparação o modelo topo de linha LG 55LM8600, de LED, pesa 22,2 quilos sem a base.

A TV custará 15 milhões de wons (cerca de 27 mil reais, sem impostos). O preço alto e a concorrência com a tecnologia LCD 4K cria uma barreira natural a esta tecnologia, mas segundo pesquisa do NPD DisplaySearch, o mercado avançará até 7 milhões de unidades até 2016.

Veja uma demonstração da TV, feita na CES:

 
**

Gadgets & Cia I  Metade do estoque do tablet Nexus 7 no Brasil é vendido no primeiro dia    (26/04/13)

No primeiro dia à venda no Brasil, metade do estoque do tablet Nexus 7 , desenvolvido pelo Google e fabricado pela Asus, foi vendido por meio do Walmart.com, única varejista a oferecer o produto, após um acordo de exclusividade com a Asus. "O resultado foi acima de nossas expectativas e em poucos dias o produto esgotará", diz Flávio Dias, diretor-geral de comércio eletrônico do Walmart, em entrevista ao iG . A venda do Nexus 7 começou no final da noite de quarta-feira (24). O Walmart.com não informou a quantidade total de aparelhos em estoque.

Apesar de a negociação para iniciar as vendas do produto no Brasil ter começado há cerca de seis meses, a Asus só transferiu as unidades do produto para o centro de distribuição do Walmart no início desta semana, poucos dias antes da estreia do produto no País. "Fechamos o acordo com a Asus há cerca de duas semanas e foi uma negociação exclusivamente com a Asus do Brasil. O Google não participou em nenhum momento", conta Dias.        

O Google não comenta a chegada do Nexus 7 ao Brasil. Segundo fontes próximas às negociações, apesar do início das vendas do tablet na última quarta-feira (24), o Google não concorda com o lançamento do produto. "Para o Google, este lançamento não é oficial", disse a fonte, que pediu para não ser identificada. Além do Nexus 7, a empresa também oferece outro tablet, o Nexus 10, que foi fabricado em parceria com a Samsung, mas não há previsão de lançamento no País.

Segundo Dias, o Walmart.com adquiriu apenas um lote do produto, que já era mantido em estoque pela Asus em São Paulo . Conforme revelado pelo portal iG no início de abril, a Asus havia importado um lote do Nexus 7 para o Brasil e tinha planos de lançar o produto no início de 2013, mas divergências com o Google em relação ao preço do produto impediram a continuidade das negociações da empresa com os varejistas brasileiros.

Preço mais baixo            

O preço do produto chegou a ser revelado acidentalmente em fevereiro de 2013 pelo site do Magazine Luiza, que retirou o produto do ar poucas horas depois. O Nexus 7 seria vendido a R$ 1.299, preço criticado por muitos varejistas que negociavam com a Asus na época. No lançamento pelo Walmart, no entanto, o Nexus 7 chegou com preço de R$ 999, uma diferença de 23% em relação ao preço original.

"Se o Nexus 7 chegasse em um preço maior do que R$ 999, por mais forte que sejam as marcas Asus e Google, não teríamos condições de vender. Seria quase o dobro do preço de um dos modelos da Samsung que comercializamos", afirma Dias, do Walmart.com. Além do Nexus 7, o Walmart.com também vende outros modelos de tablets fabricados pela Asus, como o MemoPad, e também de outras fabricantes, como Apple e Samsung.

Entenda o caso            

O Nexus 7 chegou ao Brasil nesta semana em meio a um impasse entre a Asus e o Google . Diversos varejistas negociavam com a Asus o início das vendas do produto em fevereiro, mas uma divergência entre as parceiras de fabricação sobre o preço e estratégia de distribuição impediu a chegada do Nexus 7 como planejado. Por conta disso, a Asus teria desistido de lançar o produto no Brasil e apostado em sua linha de tablets próprios.

No final de março, durante o lançamento do smartphone Nexus 4, Hugo Barra, vice-presidente global da divisão Android do Google, afirmou que o preço foi o principal problema que impediu o lançamento do Nexus 7 no País. “Não conseguimos chegar a um modelo econômico que fizesse sentido para o produto no Brasil, simplesmente chegava muito caro. Não sabemos se será lançado”, disse Barra.

O Nexus 7 possui configurações avançadas, como tela de 7 polegadas com resolução de 1.280 x 800 pixels protegida por vidro ultrarresistente e processador Tegra 3 de quatro núcleos. O produto oferece uma única câmera frontal, conexão Wi-Fi, Bluetooth e suporte à NFC, tecnologia que permite transferir arquivos e fazer pagamentos com o celular ou tablet.  Claudia Tozetto

**

Gadgets & Cia I  Tablet Asus FonePad chega por R$ 1.099    (23/04/13)

A Asus anunciou nesta terça-feira (23) o lançamento do seu tablet FonePad no Brasil. O aparelho também é capaz de receber e realizar ligações.

Apresentado ao mundo em fevereiro deste ano, o Asus FonePad é produzido em corpo de metal nas cores cinza titânio e champanhe, 11 milímetros de espessura e 340g de peso.

Traz tela de 7 polegadas HD (com resolução de 1.280 por 800 pixels), processador Intel Atom Z2420 de 1,2 GHz, 1 GB de RAM e uma GPU PowerVR SGX540, 16GB de armazenamento interno (expansível até 32GB por cartão microSD) e 5GB online no serviço Asus Webstorage e sistema Android 4.1 Jelly Bean.

O dispositivo também possui conectividade 3G, câmera traseira HD de 3 megapixels e frontal de 1 megapixel, GPS, aplicativo para backup e o App SuperNote, que permite escrever na tela com o dedo.

O Asus FonePad está disponível no Brasil a partir de hoje nas principais lojas do varejo, pelo preço sugerido de R$ 1.099.

**

Gadgets & Cia I  Samsung lança Galaxy Mega com tela de 6,3 e 5,8 polegadas    (11/04/13)

Em mais um lançamento para o mês de abril, a Samsung anunciou um novo smartphone para a família Galaxy, o Galaxy Mega. O dispositivo conta com tela de 6,3 polegadas, superando com folga as dimensões do até então maior smartphone da marca, o Galaxy Note II, cujo display oferece 5,5 polegadas.

Samsung Galaxy Mega de 6,3 polegadas

Apesar de concorrer no quesito “tamanho de tela”, o Mega é um smartphone intermediário. O smartphone conta com Android 4.2, processador de dois núcleos e suporte para rede 4G LTE. Também conta com câmera de 8 MP, que é equipada com uma série de boas funcionalidades.

Uma delas é a chamada Drama Shot, que faz com que a câmera registra várias imagens de um objeto em movimento e o Sound & Shot, que grava 9 segundos de áudio enquanto captura uma foto. Há ainda uma câmera frontal de 1,9 MP.

Mas além de lançar o modelo com 6,8 polegadas, a Samsung anunciou uma versão “menor” do Mega, com tela de 5,8 polegadas. Ainda de acordo com a fabricante, o novo dispositivo começa a ser vendido na Europa a partir de maio e não há expectativas de quando o smartphone desembarcará no Brasil.

Samsung Galaxy Mega de 5,8 polegadas

 

Phablets

E por que apostar em aumentar ainda mais a tela dos dispositivos? De acordo com a Samsung, a empresa está enxergando um grande potencial, e demanda, por gadgets com displays grandes, seja para a visualização de conteúdos multimídias ou para navegação na web.

Exemplo disso é o resultado obtido pelo primeiro “phablet” da empresa, o Galaxy Note. Lançado em 2011, o dispositivo que na ocasião tinha uma tela de 5,3 polegadas (o modelo atual conta com display de 5,5) vendeu 5 milhões de unidades em cerca de 5 meses.   Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia I  Microsoft desenvolve maior TV de resolução Ultra HD do mundo  (22/03/13)

Surpreendentemente ao invés da Apple, foi a Microsoft quem desenvolveu uma nova televisão em seu centro de inovações, localizado na sede da companhia, na cidade de Seattle, nos Estados Unidos.

Trata-se de um modelo widescreen de resolução Ultra HD (4K) com 120 polegadas.
De acordo com o site britânico especializado em tecnologia, Pocket-Lint, o novo aparelho, pode chegar ao mercado para conquistar a posição da Samsung (85 polegadas) como o maior televisor de resolução Ultra HD do mundo. Ele está sendo utilizado, inclusive, para experimentos de novas experiências com o Kinect
A tecnologia parece espetacular, ainda assim, de acordo com a Microsoft, não há planos para começar a vender televisões em breve. De acordo com a companhia, pelo menos por hora, modelo foi desenvolvido apenas para o próprio centro de inovações da empresa.

**

Gadgets & Cia I  Galaxy S4: o que mostram as primeiras imagens  (12/03/13)

Um vulto e nada mais. É a primeira foto oficial do Samsung Galaxy S4, mais recente edição do maior rival do iPhone. O anúncio mundial do novo smartphone está marcado para quinta-feira, 14.

O que dá para saber pela foto é que o celular é bem parecido com o Galaxy S3.
Também existem fotos não-oficiais, e estas sempre mostram mais. As que estão abaixo saíram num fórum chinês especializado em Samsung.
Como se vê, na aparência física é mais do mesmo. Camilo Rocha

**

Gadgets & Cia I  Pesquisadoras suecas Terese Alstin e Anna Haupt criam capacete invisível    (03/03/13)

São Paulo - O capacete para ciclistas entrará em extinção. Pelo menos é esse o desejo das designers suecas Anna Haupt e Terese Alstin. Elas criaram um colar capaz de manter a cabeça do ciclista segura.

As inventoras do capacete: Terese Alstin (esq.) e Anna Haupt

Chamado de “Hövding, o capacete invisível”, ele funciona com um sistema de air bag embutido. O mecanismo garante a proteção do ciclista sem interferir demais na aparência do usuário ou ocupar muito espaço. Mas ele só pode ser acionado uma vez.

Em entrevista ao site INFO, Terese Alstin conta sobre o processo de criação do capacete e explica melhor como o Hövding funciona.

Como vocês tiveram a ideia de criar o capacete? 

Tudo começou em 2005, quando eu e trabalhava na minha tese de mestrado com minha amiga Anna Haupt, que fundou a startup ao meu lado. Naquela época, foi criada uma lei na Suécia que tornava obrigatório o uso de capacetes em pessoas com até quinze anos.

Houve uma polêmica porque a maioria das pessoas achava que a lei deveria ser estendida para pessoas de todas as idades. Diante desse cenário, vimos que haveria uma boa demanda para capacetes.

Por que um capacete invisível? 

Não queríamos criar modelos iguais aos que já existiam. Então, fizemos uma intensa pesquisa de mercado. Muitas pessoas queriam capacetes que fossem discretos, que combinassem com as roupas e que não desmanchassem o penteado. Um dos entrevistados disse que só usaria um capacete se ele fosse invisível. Então, tivemos a ideia de criar algo que não fosse visível para a maioria, mas que protegesse o ciclista em algum acidente, como os air bags em carros.

Ciclista usando o Hövding, o capacete "invisível" que fica acoplado ao pescoço como um colar cervical

Como ele funciona?

Basicamente, ele é um colar com um zíper que fecha até o queixo. Há também um botão para ligar os sensores quando for pedalar. Ele indica que o equipamento está ligado com um sinal sonoro e uma luz de LED. Dentro do colar há sensores que analisam os movimentos corporais enquanto está ativado. Quando há um movimento brusco, o sensor percebe os movimentos anormais do corpo.

Então, o air bag do colar incha e protege a cabeça do impacto. A inflação é rápida, em um décimo de segundo, e a cabeça fica protegida durante todo o acidente.

Quais são os riscos do capacete não funcionar?

Trabalhamos para fazê-lo funcionar perfeitamente por quase oito anos. Ele passou por muitas mudanças técnicas e tivemos muitos desafios técnicos. Mas agora temos um produto em ótimas condições e pronto para ir para o mercado europeu.

Ele tem certificado de segurança? 

Produtos de segurança aqui na Europa passam por intensos testes e nós fizemos todos eles. Testamos o capacete em impactos contra carros, em diversos cenários e maneiras antes de comercializá-lo. É um produto seguro que sempre vai funcionar. Ele nunca será perigoso ou colocará o ciclista em risco.

Existem quedas não tão sérias que podem ser perigosas ao ciclista. O air bag do capacete abrirá em uma situação como essa?

Os acidentes são muito diferentes entre si. Mas consideramos que a cabeça não está em perigo em acidentes não tão graves. Nesse caso, o capacete provavelmente não vai abrir o air bag. Ele só é acionado quando há risco grave de lesão na área craniana.

Ele já é comercializado? 

Sim, ele já está à venda na Suíça por 499 euros. Queremos expandir a venda para vários países europeus, como Bélgica e Luxemburgo. Começamos devagar e expandiremos dentro do mercado europeu o mais rápido possível. Em breve também chegaremos ao Brasil. Vanessa Daraya 

**

Gadgets & Cia I  Samsung lança media center Android para concorrer com Apple TV  (28/02/13)

Depois de lançar o tablet de 8 polegadas, durante o evento Mobile World Congress 2013, a fabricante coreana anunciou um media center para estender a capacidade multimídia dos smartphones e tablets com Android. Semelhante, mas com mais recursos que a solução adotada pela Apple.

O media center oferece armazenamento de 1 TB para oito usuários simultâneos. Cada usuário tem uma identificação e uma senha, e pode ou não habilitar criptografia. Pelo padrão de Wi-Fi suportado pelo aparelho, que é o IEEE 802.11 b/g/n dual band (com 2×2 MIMO), o dispositivo deve suportar streaming via Wireless Display (WiDi). A empresa parece não apostar todas as suas fichas no Miracast por enquanto.

O mais importante: ele suporta saída em 1080p, com suporte aos formatos de vídeo H.264, H.263, MPEG4, VC-1, Sorenson Spark, WMV7/8, MP43, VP8 e DivX. Além dos principais formatos de áudio, incluindo FLAC.

Segundo o anúncio oficial, as demais configurações são:

• Processador dual core de 1,7 GHz;
• Memória de 1 GB RAM;
• Armazenamento de 1 TB mais 8GB;
• Conexões: 2 x USB 3.0, 1 x microUSB (conexão com o PC), Bluetooth 4.0, Gigabit Ethernet e saída óptica de som (com amplificação).

O dispositivo vem com Android embutido e dá acesso a loja de aplicativos do Google. Roda sem problemas Netflix e streaming de conteúdo alugado pela própria Google Play. O acabamento é primoroso também. Do tamanho de um HD externo, ele tem carcaça que imita aço escovado e as conexões ficam na parte traseira. O HomeSync ainda não tem preço definido, mas as vendas começam em Abril nos Estados Unidos. Info

**

Gadgets & Cia I  Samsung lança Galaxy Camera, os smartphones Galaxy Gran Duos, com dois chips, e Galaxy S III mini no Brasil  (19/02/13)

A Samsung lançou nesta terça-feira em São Paulo três novos produtos que a partir de hoje passam a fazer parte do portfólio da marca no país. Em evento para imprensa, a empresa apresentou oficialmente sua câmera digital com Android e dois novos smartphones da linha Galaxy. Todos desembarcam hoje no varejo brasileiro.

Galaxy Camera roda Android 4.1

Equipada com Android 4.1 (Jelly Bean), a Samsung Galaxy Camera é uma espécie de câmera digital acoplada a um smartphone. Graças ao ambiente Android e conexão com internet (3G e Wi-Fi), usuários podem baixar aplicativos e navegar pela web através da câmera digital.

A Galaxy Camera permite também o compartilhamento imediato das imagens e vídeos capturados pelo dispositivo nas redes sociais e ainda realiza o backup automático de tudo, armazenando-os na nuvem. Com zoom de 21 vezes e lente grande angular de 23 milímetros (distância focal equivalente), a Samsung Galaxy Camera tem resolução de 16,3 MP e conta com uma tela HD é sensível ao toque de 4,8 polegadas.

É neste display que o usuário poderá aproveitar os recursos de edição de foto, que inclueDentre os smartphones, os sul-coreanos apostaram em releituras do seu bem sucedido Galaxy S III para lançar um modelo com nome mais pomposo e display levemente maior, o Galaxy Gran Duos, e uma versão mais compacta do dispositivo topo da linha, o Galaxy S III Mini.m diferentes filtros. Além de fotografias em alta resolução, também é possível a captura de vídeos em HD e em câmera lenta. A Samsung Galaxy Camera será vendida no Brasil por 2.199 reais.

Samsung Galaxy Camera: câmera roda Android 4.1, conta com acesso à internet via Wi-Fi ou 3G e ainda realiza o backup automático dos arquivos na nuvem

O principal destaque do Galaxy Gran Duos é o fato de suportar dois chips, permitindo assim que o usuário mantenha até duas linhas diferentes em um mesmo smartphone. Uma das diferenças em relação ao Galaxy S III é o tamanho da tela. Enquanto o primeiro tem display de 4,8 polegadas, o segundo conta com tela de 5 polegadas.

Galaxy Grand Duos

Galaxy Grand Duos

Processador de dois núcleos, o smartphone roda Android 4.1, conta com Bluetooth 4.0 e USB 2.0, 3G e suporte para Wi-Fi fazem parte do pacote de especificações do Galaxy Gran Duos. Sua câmera traseira tem 8 MP de resolução e a frontal tem 2 MP. Ambas permitem a captura de imagens e vídeos em HD. No Brasil, o aparelho será vendido por 1.399 reais, mais baixo que o preço com o qual o modelo Galaxy S III, que hoje pode ser encontrado no varejo por até 1.500 reais.

Galaxy S III Mini

Galaxy S III Mini

Já o Galaxy S III mini está sendo anunciado como uma versão reduzida do Galaxy S III. Existem, contudo, diferenças consideráveis entre os aparelhos. Além do tamanho do display (4 polegadas contra 4,8), as especificações técnicas do dispositivo topo de linha são superiores em relação ao smartphone lançado nesta manhã. O processador do Galaxy S III, por exemplo, é um poderoso quad-core. Já o que move o Galaxy S III mini é de dois núcleos.

**

Gadgets & Cia  I  Nexus 7, o tablet do Google, é leve e compacto   (15/02/13)

Uma das categorias mais populares de tablets no Brasil é dos dispositivos com tela de 7 polegadas. Pois uma das principais opções de produto atualmente à venda no Brasil é o Nexus 7, o primeiro tablet do Google, desenvolvido em parceria com a Asus.

Lançado em 2012, o dispositivo roda Android 4.1 e pesa apenas 340 gramas (versão com suporte para Wi-Fi), além de ter pouco menos de 11 milímetros de espessura. O Nexus 7 ainda conta com NFC, 1 GB de RAM, processador quad-core e câmera frontal de 1,2 MP. Sem configurações espetaculares, é uma opção para quem procura por um tablet para navegar pela internet e que seja fácil de carregar.

Uma desvantagem do aparelho, contudo, é o seu preço no Brasil. Concebido para ser uma opção de tablet de baixo-custo, o Nexus 7 com 16 GB custa apenas 199 dólares nos EUA. Já no Brasil, é vendido por 1.299 reais. Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia  I  iWatch pode ser o próximo gadget revolucionário da Apple   (12/02/13)

A Apple já está testando opções de design para um futuro relógio inteligente. A notícia foi divulgada pelo jornal New York Times e vem reforçar os rumores que circulam desde dezembro. Se virar produto de verdade, o iWatch, como vem sendo chamado, deve rodar o sistema iOS e trabalhar conectado ao iPhone, ao iPad e a outros dispositivos.

O jornalista Nick Bilton, do New York Times, diz ter recebido a informação sobre o iWatch de um funcionário da Apple. A empresa estaria avaliando o uso, nele, de um novo tipo de vidro flexível, o Willow Glass. Esse vidro foi desenvolvido pela Corning, a mesma empresa que fabrica o Gorilla Glass usado em smartphones de diversos fabricantes.

O Willow Glass permitiria a fabricação de uma tela sensível ao toque curva e flexível, que poderia até se estender pela pulseira do relógio. Esse vidro tem apenas um décimo de milímetro de espessura. O relógio teria uma tela maior do que seria possível com vidro convencional, sem que isso o tornasse mais pesado ou incômodo. A Corning diz que o Willow Glass pode ser empregado tanto em telas LCD como em telas orgânicas OLED.

Faz três anos que a Apple apresentou seu último produto revolucionário, o iPad, e seis anos que ela lançou o iPhone. Se Tim Cook e sua turma quiserem manter o ritmo das inovações, é hora de mostrar mais um produto realmente novo. No ano passado, os rumores se concentraram no iTV, o televisor que a Apple estaria desenvolvendo secretamente na sua sede em Cupertino, na Califórnia.

O iTV chegou a ser discutido publicamente até por Steve Jobs, que vinha coordenando o desenvolvimento antes de morrer, em 2011. A história foi relatada por Walter Isaacson em sua biografia do fundador da Apple. Mas os especialistas foram rápidos ao apontar que um televisor com a grife da maçã traria dificuldades logísticas para a empresa e poderia não ter retorno financeiro compensador.

Além disso, a Apple estaria tendo dificuldades para fechar acordos com as empresas que fornecem programação de TV paga. O fato de o iTV não ter se materializado até agora parece confirmar essas análises. Assim, neste ano, as apostas sobre qual será o próximo produto revolucionário da Apple apontam para o iWatch.

Já há relógios inteligentes no mercado. O SmartWatch, da Sony, e o italiano I’m Watch são dois exemplos. Mas nenhum desses gadgets fez muito sucesso. É mais ou menos o que acontecia com os players de música antes do iPod e com os tablets antes do iPad. Trata-se de uma categoria de produtos ainda imatura. Logo, há oportunidade para a Apple desenvolver o primeiro relógio inteligente realmente atraente.

Bruce Tognazzini – respeitado especialista em interface entre humanos e máquinas – escreveu um longo artigo em que afirma que o produto se encaixaria perfeitamente na estratégia da empresa. “O iWatch vai preencher uma lacuna no ecossistema da Apple. Vai facilitar não só as atividades de outros computadores e dispositivos que usamos, mas também de uma ampla gama de dispositivos que virão”, diz ele em seu blog.

“Como outros produtos revolucionários da Apple, o iWatch vai ser subestimado quando foi lançado. Depois, vai crescer até ter um profundo impacto em nossas vidas e nos negócios da Apple”, prossegue Tognazzini. Para ele, o iWatch poderia ser controlado por meio da assistente falante Siri ou da tela sensível ao toque.

O relógio poderia ser usado para pagamentos por aproximação (via conexão sem fio NFC), substituindo a carteira e o cartão de crédito. Seria um local conveniente para o usuário receber mensagens, alertas e instruções de caminho do sistema de navegação por GPS.

O iWatch também poderia avisar ao usuário quando ele se afastasse de seu iPhone, reduzindo as chances de perda do smartphone. O dispositivo tem potencial para dar origem a inúmeros aplicativos novos. E, claro, se ele fizer sucesso, não deve demorar para que a Samsung, por exemplo, apareça com um Galaxy Watch.  Maurício Grego, de

**

Gadgets & Cia I iPad 5 será o tablet mais leve e fino já feito pela Apple  (02/02/13)

O iPad 5, como poderá ser chamada a nova geração do tablet de 9,7 polegadas da Apple, poderá ser a versão mais fina e leve já produzida do dispositivo. De acordo com informações do jornal Digitimes, a Apple irá aproveitar o design e materiais utilizados na fabricação do iPad mini para conseguir tornar o tablet ainda mais compacto.

Citando fontes ligadas à indústria, o jornal informou que a empresa irá incorporar ao iPad 5 a mesma tela sensível ao toque usada no iPad mini, chamada GF2 DITO.

Com isso, continuou a publicação, a estratégia da Apple seria a apostar na redução das dimensões do tablet para se diferenciar de outros concorrentes. A cadeia de fornecedores da empresa na produção do iPad 5 ainda deve ser a mesma do iPad mini.

Segundo o Digitimes, a empresa japonesa Nitto será a responsável pela produção do material ultrafino da tela, enquanto que outra, chamada Nissha Printing, fabricará os módulos sensíveis ao toque. O revestimento ficaria com a taiwanesa TPK e os painéis com LG e Sharp, disse o jornal. Gabriela Ruic

**

Gadgets & Cia I Sem alarde, tablet Nexus 7 do Google desembarca no Brasil    (25/01/13)

O tablet Nexus 7 finalmente chegou ao Brasil. O dispositivo de 7 polegadas, desenvolvido pelo Google em parceria com a Asus, já pode ser encontrado em sua versão de 16 GB no varejo brasileiro por 1.299 reais, cerca de três vezes o seu valor nos Estados Unidos. Por enquanto, contudo, o tablet parece estar disponível apenas na loja Magazine Luiza.

O primeiro tablet do Google roda Android 4.1, tem suporte para Wi-Fi, Bluetooth, NFC, 1 GB de RAM e conta ainda com um processador de quatro núcleos. Além disso, vem com uma câmera frontal, de 1,2 MP, e GPS. Nos Estados Unidos, onde a mesma versão vendida no Brasil custa apenas 199 dólares, o modelo também pode ser encontrado com 32 GB de armazenamento.

É importante lembrar que a categoria de tablets menores é uma das mais populares no Brasil. De acordo com recente levantamento da IDC, são vendidos por aqui cerca de 5 tablets por minuto e metade deles são dispositivos com tela de 7 polegadas.

Por este motivo, a chegada do dispositivo ao país neste momento coloca o Google em vantagem sobre os seus principais concorrentes. Apesar do preço salgado, a empresa conseguiu trazer o Nexus 7 para o Brasil antes do lançamento de seus maiores rivais, o iPad mini, da Apple, e, possivelmente, o Kindle Fire, da Amazon.

Lançado em junho do ano passado, o dispositivo faz parte da linha de aparelhos Nexus lançados pelo Google em 2012. A família de gadgets conta ainda com um tablet de 10 polegadas, o Nexus 10, e um smartphone, Nexus 4, que é fabricado com a LG.

Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia I Primeiros modelos do Project Glass, os óculos do Google, chegam neste mês aos desenvolvedores   (17/01/13)

Os desenvolvedores que adquiriram os primeiros modelos do Project Glass, os óculos do Google, receberão o dispositivo dentro das próximas semanas.

Sergey Brin, do Google, com os óculos de realidade aumentada: A partir dos óculos será possível gravar vídeos, receber notificações e ler mensagens

O Google anunciou que em duas semanas irá promover nas cidades de São Francisco e Nova York o hackathon “Glass Foundry”, com duração de dois dias, que permitirá aos desenvolvedores criar aplicações para a nova plataforma.

No primeiro dia do evento haverá uma introdução ao Project Glass e no segundo dia os desenvolvedores poderão explorar a API Mirror, que fornece permissões para a troca de dados e interação entre os usuários.

O cofundador do Google Sergey Brin demonstrou o Project Glass durante evento para desenvolvedores em 2012. A partir dos óculos será possível gravar vídeos, receber notificações e ler mensagens.

Durante a conferência, os desenvolvedores puderam solicitar um par dos óculos por US$ 1.500, na versão Explorer Editions. Estes óculos serão entregues ainda em 2013, mas sem uma data definida. Uma versão para os consumidores finais só estará disponível a partir de 2014.

O hackathon “Glass Foundry” ocorrerá entre os dias 28 de janeiro e 02 de fevereiro nos Estados Unidos. Para participar é necessário se registrar, mas as vagas são limitadas. Os desenvolvedores poderão testar o Project Glass durante a maratona.

**

Gadgets & Cia I Huawei terá smartphone com tela de 6.1 polegadas, diz vice-presidente sênior da empresa, Yu Chengdong   (07/12/12)

A fabricante Huawei confirmou que desenvolve um smartphone com tela gigante e que fará frente ao Samsung Galaxy Note II.

Os rumores apontam que o aparelho deverá se chamar Ascend Mate. O smartphone terá uma tela poderosa de 6.1 polegadas full HD, processador quad-core de 1.8GHz e 2GB de RAM.

A informação de que a empresa estaria desenvolvendo este aparelho foi confirmada pelo vice-presidente sênior da Huawei, Yu Chengdong, em uma publicação na rede social Weibo.

Segundo o executivo, o smartphone da Huawei será mais poderoso que o Galaxy Note II e contará com um design mais arrojado, bordas mais finas, tela de alta resolução e longa vida útil da bateria.

O executivo afirma que valerá a espera e que o smartphone também terá um custo mais baixo que seus concorrentes. Embora não tenha confirmado o nome do aparelho, o Ascend Mate será anunciado durante a Consumer Electronics Show (CES) em janeiro de 2013.

**

Gadgets & Cia I Nokia anuncia Lumia 620 de US$ 250 com Windows Phone 8    (05/12/12)

A Nokia apresentou nesta quinta-feira, 5, o Lumia 620. O aparelho segue o lançamento dos Lumia 920 e 820, também roda com Windows 8 e é o mais barato da categoria.

 
O smartphone custa US$ 250, tem tela TFT de 3,8 polegadas, resolução de 800x480, 11 mm de espessura e pesa 127 gramas. Ele conta com uma câmera traseira de 5 MP e outra frontal VGA.

O aparelho vem equipado com processador Snapdrago Dual-Core de 1 GHz e 512MB de RAM, além de suporte NFC. Em relação à memória, ele tem 8 GB de armazenamento interno, 7 GB para armzenamento no SkyDrive, e aceita cartões Micro SD de até 64 GB.

A câmera conta com funções como o Smart Shoot, presente no 920 e 820, que tira várias fotos em sequência e as transformam em uma só. Também há o recurso de lentes, que permite dar uma personalizada a mais em suas fotos.

A traseira do aparelho é removível, permitindo ao usuário escolher entre sete cores diferentes.

O produto será lançado inicialmente na Europa e Ásia. Ainda não há nenhuma previsão de quando chega ao Brasil, enquanto o Lumia 920 e 820 estão previstos para o primeiro trimestre de 2013.

  
**

Gadgets & Cia I Microsoft Surface Pro, tablet com Windows 8, custará a partir de US$ 899 nos EUA   (29/11/12)

A Microsoft divulgou nesta quinta (29) que venderá por US$ 899 (cerca de R$ 1.890) nos EUA o tablet Surface Pro --diferente do Surface RT, disponível atualmente, por ter processador Core i5, fabricado pela Intel. O dispositivo será lançado em janeiro.

O preço vale para a versão com 64 Gbytes de memória interna. Uma outra versão, com 128 Gbytes, sairá por US$ 100 a mais.

As capas Touch Cover e Type Cover, grandes destaques da linha Surface, são vendidas separadamente por US$ 120 e US$ 130, respectivamente.

A tela de 10,6 polegadas, sensível ao toque, do Surface Pro tem resolução de 1.920 x 1.080 pixels (ante 1.366 x 768 do Surface RT). Ele tem entradas USB 3.0 e para cartão microSD.

Tablet da Microsoft, o Surface RT (US$ 499), em foto promocional, ladeado por capas/teclado Touch Cover (US$ 120)

**

Gadgets & Cia I LG lança TV 4K de 84 polegadas no mercado brasileiro   (13/11/12)

A LG apresentou o modelo 84LM9600, uma TV com resolução 4K de 84 polegadas com preço de 44.999 reais.

Com oito milhões de pixels, a TV produzida no Brasil é a primeira da marca com resolução de 3.840 por 2.160 pixels. O modelo, que foi apresentado durante a IFA 2012, em Berlim, conta com recursos da linha Cinema 3D, como aplicativos, browser e 3D passivo.

A TV tem um processador dual core, Wi-Fi embutido, Wireless Display, Smart Share Plus (DLNA), sistema de som com subwoofer integrado, navegação por gestos e reconhecimento de voz. Outro serviço exclusivo para os proprietários é o LG Personal Tech. Um técnico da LG fará a instalação e configuração do televisor, calibrando a tela e aplicativos para o usuário.

Mesmo sem a tecnologia de captação e transmissão para aproveitar a resolução 4K, as principais fabricantes começaram a atacar os consumidores com os pixels a mais. Além da LG, a Sony apresentou hoje o modelo XBR-84X90, também de 84 polegadas.

A promessa, enquanto o conteúdo produzido para essa resolução ainda é uma realidade distante, é a melhora na qualidade do que já existe. Um dos pontos destacados no lançamento da LG é a redução de ruído e melhor aspecto dos vídeos em resolução mais baixa, inclusive os do YouTube e outros serviços da web. Cauã Taborda

**

Gadgets & Cia I Para enfrentar o iPad mini, Google pode lançar tablet de 99 dólares ainda neste ano  (29/09/12)

O tablet Nexus 7 terá, em breve, a concorrência do iPad mini, que a Apple deve anunciar nas próximas semanas. Mas o noticiário taiwanês DigiTimes diz que o Google já se prepara para contra-atacar com um novo tablet, que seria lançado ainda neste ano. O site afirma que o novo modelo vai ser mais simples que o Nexus 7 e poderá ser vendido por apenas 99 dólares nos Estados Unidos.

Tablet Nexus 7

Segundo os taiwaneses, esse tablet será fabricado pela Asus, como o Nexus 7. Asus e Google também estariam preparando um segundo modelo, na mesma faixa de preço do Nexus 7, que custa 199 dólares nos Estados Unidos. As informações vieram, supostamente, de pessoas ligadas à indústria de eletrônicos de Taiwan. Mas a Asus negou tudo, como ressalva o próprio DigiTimes.

É praticamente certo que o Google já esteja trabalhando na próxima geração do Nexus 7. Mas a expectativa do mercado é que ela seja anunciada só em 2013. O modelo atual, que começou a ser vendido em agosto, faz sucesso e é elogiado pelos usuários. Disponível em apenas nove países, o tablet frequentemente se esgota nas lojas, especialmente na versão de 16 gigabytes, a mais procurada. As estimativas variam entre 3 e 8 milhões de unidades vendidas neste ano, dependendo de quem faz a conta.

Mas o Nexus 7 não tem conexão celular. O acesso à internet é feito apenas via Wi-Fi. Assim, faria sentido o Google apresentar uma variante dele com conexão 3G ou 4G. Pode ser esse o segundo novo modelo de que fala o DigiTimes. No início deste mês, Paul O'Brien, do site MaDaCo, disse ter recebido a informação de que o Google lançaria um Nexus 7 3G dentro de seis semanas, ou seja, na metade de outubro.

Já o suposto tablet de 99 dólares permanece um mistério. Se o Google simplificar demais o produto para barateá-lo, vai correr o risco de perder a boa percepção que o Nexus 7 deixou no mercado. Mas a empresa pode estar vislumbrando alguma forma de pagar os custos com publicidade, venda de conteúdo ou de serviços. Maurício Grego

**

Gadgets & Cia I Leves e potentes, óculos do Google têm potencial sem precedentes; confira teste   (15/09/12)

DAVID POGUE
DO "NEW YORK TIMES"

Novos gadgets --ou melhor, categorias de gadgets totalmente novas-- não aparecem com muita frequência. O iPhone é um exemplo recente. Você pode dizer que o iPad é outro. Mas, se há alguma coisa realmente diferente e ousada no horizonte, certamente é o Google Glass.

O Glass é o protótipo do Google de um dispositivo que você usa no seu rosto. A empresa não gosta do termo "glasses" (óculos), pois ele não tem lentes. (A equipe do Glass, parte dos laboratórios experimentais do Google, também não gosta de termos como "realidade aumentada" ou "computador vestível", que têm uma certa bagagem.)

O Glass parece apenas uma armação de óculos com um bloco pequeno e transparente posicionado acima e à direita do seu olho direito --a tela do dispositivo. O Google Glass é, de fato, um computador razoavelmente completo. Ou, então, algo como um smartphone que você nunca precisa tirar do bolso.

A ideia deixou muita gente animada quando Nick Bilton, do "New York Times", revelou o projeto, em fevereiro. O Google demonstrou-o pela primeira vez em abril, em um vídeo. Em maio, na conferência Google I/O, ele ganhou mais destaque após os visitantes assistirem a uma transmissão de vídeo ao vivo feita do Glass usado por um saltador que pulou de um avião e caiu de paraquedas no telhado do prédio do evento. Mas, até agora, pouquíssimas pessoas fora do Google foram autorizadas a experimentá-lo.

Na semana passada, tive a oportunidade de usar um. Estou apresentando uma série na PBS chamada "Nova ScienceNow" (que estreia em 10 de outubro), e um dos episódios é sobre o futuro da tecnologia. Claro, projetar o que ainda está por vir em tecnologia para o usuário final é quase impossível, mas o Google Glass parecia um exemplo perfeito de uma grande inovação iminente. Então, na semana passada, a equipe do "Nova" e eu encontramo-nos com Babak Parviz, chefe do projeto Glass, para discutir e experimentar os protótipos.

Mas o Google enfatizou --e eu faço o mesmo-- que o Glass ainda está em um estágio muito, muito inicial. Muitos elementos ainda não foram finalizados, incluindo o que o Glass fará, como a interface será, como ele funcionará e assim por diante. O Google não quer deixar o público empolgado com algum recurso que pode não se materializar na versão final do produto. (No momento, a empresa planeja oferecer os protótipos a desenvolvedores no ano que vem --por US$ 1.500--, antes de vender o Glass para o público em, talvez, 2014.)

Foto captada com o Google Glass por um dos fotógrafos selecionados para o Google+ Photographer's Conference

Quando você pega os óculos, não consegue acreditar no quão leve eles são. Pesam menos do que um par de óculos de sol, na minha estimativa. O Glass é um feito absolutamente impressionante de miniaturização e integração.

Dentro da haste direita --o suporte horizontal que fica sobre a sua orelha--, o Google colocou memória, processador, câmera, alto-falante, microfone, antenas de Wi-Fi e Bluetooth, acelerômetro, giroscópio, bússola e bateria. Tudo isso dentro de uma haste.

O Google disse que, eventualmente, o Glass terá um rádio celular para que ele possa ficar on-line; no momento, ele conecta-se sem fio ao seu telefone para conseguir acessar a rede. E o que é surpreendente é que esse negócio fino é o protótipo. Nas gerações menores, ele ficará apenas menor. "Esta é a versão do Glass mais volumosa que já teremos feito", disse-me Babak.

O maior triunfo --e, para mim, a maior surpresa-- é que a telinha é completamente invisível quando você está falando ou dirigindo ou lendo. Você simplesmente se esquece dela. Não fica absolutamente nada entre os seus olhos e o que ou quem quer que você esteja olhando.

E, ainda assim, quando você foca a tela, levando o seu olhar para cima e à direita, aquele pequeno display de meia polegada é surpreendentemente envolvente. É como se você olhasse para uma grande tela de um laptop ou coisa do tipo.

(Ainda que eu geralmente necessite de óculos de leitura para ver de perto, esse display tão próximo parecia flutuar longe o suficiente para eu não precisar deles. Porque, sim --usar óculos sob o Glass pode dar uma aparência estranha.)

O avanço do hardware, em outras palavras, está aí. O Google está agindo com cuidado para se certificar de que, na primeira tentativa, consiga acertar o máximo possível com o resto do aparelho.

Mas o potencial já é incrível. Pariz ressaltou que o Glass é projetado para dois propósitos principais --compartilhamento e acesso instantâneo a informação-- com as mãos livres, sem ter que tirar qualquer coisa do seu bolso.

 Você pode controlar o software deslizando um dedo sobre a haste direita em diferentes direções; ela é um touchpad. Seus movimentos podem conduzi-lo por menus simples. Em diversas apresentações, o Google mostrou ícones para coisas como tirar uma foto, gravar um vídeo, fazer uma chamada telefônica, navegar no Google Maps, verificar sua agenda e assim por diante. Um toque seleciona a opção desejada.

Foto captada com o Google Glass por um dos fotógrafos selecionados para o Google+ Photographer's Conference

Em demonstrações recentes, o Google também mostrou que você pode usar reconhecimento de voz para controlar o Glass. Você diz "OK, Glass" para chamar o menu.

Para ilustrar como o Glass pode mudar o jogo no compartilhamento de sua vida com outros, testei uma demonstração. Nela, é exibida uma foto --uma cena de selva, com uma passarela de madeira bem na minha frente--, e o tema de "Jurassic Park - O Parque dos Dinossauros" é reproduzido com clareza no meu ouvido direito. (Bonito, muito bonito.)

Mas, quando eu olhava para a esquerda, para a direita, para cima ou para baixo, a minha visão mudava de acordo com a minha escolha, como se eu estivesse usando um daqueles velhos equipamentos de realidade virtual. A detecção do ângulo da minha cabeça e a resposta da foto envolvente eram incrivelmente definidas e precisas. Deslizando o dedo sobre o touchpad, eu podia mudar para outras cenas.

Ainda há um longo caminho entre o protótipo de hoje e o dia em que o Google Glass estará no resto de todos. A empresa terá que terminar o design --e diminuir o preço. Questões de privacidade e distração terão que ser resolvidas. Pessoas que usam óculos podem ter que esperar até o Glass possa ser incorporado dentro de seus óculos.

Talvez estejamos esperando, ainda, aquele recurso incrivelmente estimulante, algo hoje que você não pode fazer com seu telefone (além de usá-lo sem as mãos). Temos visto que as massas nem sequer se dão o trabalho de colocar óculos especiais para ver TV 3D; pode ser necessário um "killer app", um aplicativo matador inédito para convencê-las a usar o Google Glass o dia todo.

Mas algumas coisas já são claras. A velocidade, a potência, o tamanho diminuto, o pouco peso e a clareza e a eficácia do áudio e do vídeo estão além de qualquer coisa que eu poderia ter imaginado. A empresa tem empregado muito esforço em design --de hardware e software--, o que é, de fato, a abordagem correta para algo tão pessoal como um gadget vestível. E mesmo neste protótipo inicial você já sente que Google está se dedicando à clareza e à simplicidade da experiência --também uma abordagem inteligente.

Em suma, é muito cedo para prever o sucesso ou o fracasso do Google Glass. Mas é fácil ver que ele tem um potencial que nenhuma outra máquina teve antes --e que o Google está conduzindo seu desenvolvimento pelo caminho certo.

Tradução de Emerson Kimura 

**

Gadgets & Cia I Amazon lança Kindle Fire HD de 8,9 e 7 polegadas  (06/09/12)

Em uma clara demonstração de que está pronta para a briga, a Amazon anunciou hoje quatro novas versões do Kindle Fire. A empresa expandiu a família de tablets, ampliou a faixa de preço e apostou em configurações avançadas. Agora, o valor do aparelho começa em apenas 159 dólares para a versão mais básica e chega até 499 dólares.

O tablet mais caro, Kindle Fire HD 4G, conta com 32 GB de capacidade de armazenamento, tela de 8,9 polegadas e virá equipado com áudio Dolby Digital plus, saída HDMI, Bluetooth e uma câmera frontal HD. Além disso, terá 8,8 milímetros de espessura. O tablet, que virá com conexão 4G, estará disponível a partir do dia 20 de novembro.

Na faixa de preço intermediária, o Kindle Fire HD custará 199 dólares para sua versão de 7 polegadas e 299 dólares o modelo maior, com tela 8,9. Ambos têm 16 Gb de capacidade de armazenamento e suporte apenas para Wi-Fi. O menor estará disponível no dia 14 de setembro, já o de 8,9 polegadas começará a ser vendido na mesma data que a versão 4G.

Em relação ao modelo mais básico do tablet, chamado apenas Kindle Fire, a Amazon optou por baixar ainda mais o preço deste que por meses foi celebrado como um dos mais baratos do mercado. De 199 dólares, preço fixado na época do seu lançamento no ano passado, o Kindle Fire irá agora custar apenas 159 dólares.

O aparelho de 7 polegadas recebeu algumas melhorias em relação à sua bateria, terá processador mais rápido e capacidade maior de armazenamento maior (16 GB). O aparelho também começará a ser distribuído também na próxima semana.

E-Readers

A Amazon não deixou de fora do evento o aparelho com o qual iniciou sua empreitada no mercado de aparelhos móveis. O leitor digital de livros, Kindle, também recebeu a sua cota de novidades. A empresa anunciou dois novos modelos com preços interessantes.

Um deles é o Kindle Paperwhite Wi-Fi+3G. O novo aparelho assume o posto de e-reader mais avançado e tem tela até 25% mais nítida que sua versão anterior e sensível ao toque. O Kindle Paperwhite irá custar 179 dólares.

Já o outro modelo, este chamado apenas de Kindle, será vendido ao tentador preço de 69 dólares. O e-reader passa a ser capaz de exibir quadrinhos e livros infantis, o aparelho tem 6 polegadas de tamanho e, segundo a Amazon, é até 15% mais veloz que a geração anterior.  Gabriela Ruic, de

**

Gadgets & Cia I Veja primeiras impressões do Galaxy Note II   (29/08/12)

O Samsung Galaxy Note II é grande. Bem grande. Dá para dizer fácil que é a versão com esteróides (muitos) do irmãozinho Galaxy S III: mesmas cores, mesmo design, mesmos materiais plásticos. O que muda é o tamanho da tela e o uso específico da caneta S-Pen, que agora faz mais que a anterior – e talvez seja um bom motivo para trocar de aparelho.

O Note II é um pouquinho maior que a geração anterior: 151,1 x 80,5 x 9,4 mm versus 146,9 x 83 x 9,7 mm, com um ganho no tamanho da tela (5,5″ x 5,3″) e resolução praticamente a mesma (1280 x 800 no original contra 1280 x 720 no novo modelo). Como já dissemos, o dispositivo será fabricado no Brasil e tem previsão de começo de vendas no mês de outubro – mas nada de preço definido ainda (chute meu: entre R$ 2.300 e R$ 1.999 desbloqueado).

A bateria é o principal ganho: agora é um modelo de 3.100 mAh, contra 2.500 mAh do anterior: quem fica o dia inteiro fora da tomada e com uma tela grande dessas sofre. O processador novo, um Exynos quad-core de 1,6 GHz, substitui um dual-core de 1,4 GHz (e que era bem rápido).

Apesar de já vir com Android 4.1 “Jelly Bean”, a interface do Note II é muito parecida também com o TouchWiz do Galaxy S III. Como disse, um é a cara do outro.

A câmera usada continua nos 8 megapixels, e agora o Note II terá várias opções de armazenamento (16/32/64 GB), contra apenas 16 GB do modelo original.

E, claro, a canetinha S-Pen fica na base do aparelho (aqui com um trambolho anti-furto instalado).

Para quem gosta da canetinha (não é muito meu caso), o recurso Air View, demonstrado no keynote da Samsung, faz coisas interessantes: ele mostra uma prévia – da foto, do e-mail, da mensagem e por aí vai – apenas ao aproximar a caneta da tela. O aparelho também agora sabe quando você retirou a caneta da base e se prepara para usá-la da melhor maneira possível (e instintiva, o que é bem bacana).

De qualquer modo e mesmo sendo um sucesso de vendas da Samsung, eu ainda acredito que o formato de foblet (smartphone + tablet) não é lá dos melhores para colocar no bolso e lidar o dia todo. Como dá pra ver abaixo, em uma mão qualquer ele parece gigante – e é. Talvez o próximo passo da evolução humana seja ter dedões maiores para tocar o canto superior dessas telas imensas (meu limite pessoal é 4,3″). ZTOP

Gadgets & Cia I Novo Galaxy Note, da Samsung,  chega duas semanas antes do iPhone 5   (03/08/12)
Duas semanas antes de a Apple apresentar o esperado iPhone 5, a Samsung deve revelar o sucessor do Galaxy Note, o bem sucedido smartphone da empresa que tem uma enorme tela de 5,3 polegadas. Segundo a agência Reuters, um porta-voz da Samsung confirmou que a apresentação será em Berlim, na Alemanha, no dia 29.
A apresentação, no evento Samsung Mobile Unpacked, será realizada dois dias antes do início da IFA, a mais importante feita de eletrônicos de consumo da Europa, que também acontece em Berlim. A data não causa surpresa, já que a chegada de um novo Galaxy Note em agosto vinha sendo antecipada no mercado.

O Galaxy Note pertence à categoria de dispositivos que vêm sendo chamados de “phablets”, nome que mistura as palavras smartphone e tablet. Com tela maior que a de um smartphone comum e menor que a de um tablet, eles caíram no gosto do consumidor e ajudaram a Samsung a conquistar uma folgada liderança no mercado de smartphones. No segundo trimestre do ano, a empresa coreana vendeu 52 milhões de smartphones, o dobro do que vendeu a  Apple, a segunda colocada no ranking.

Em junho, a Samsung divulgou que havia vendido 7 milhões de unidades do Galaxy Note desde o lançamento, em outubro de 2011. Um estudo da ABI Research prevê que as vendas de dispositivos com tela entre 4,6 e 5,5 polegadas serão, neste ano, dez vezes maiores que em 2011. Em 2015, 208 milhões serão vendidos no mundo.

A razão para o sucesso estaria no tempo que as pessoas passam usando o smartphone para navegar na web e para ler notícias e outros textos. Nessas situações, a tela maior é uma grande vantagem. Além de substituir os smartphones menores, os phablets também atraem pessoas que querem ter um único dispositivo em vez de um celular e um tablet.

Espera-se que o Galaxy Note 2 traga processador mais potente que o atual, com quatro núcleos, e que rode o Android 5.0 Jelly Bean, a versão mais recente do sistema operacional móvel do Google. Em junho circulou o rumor, um tanto improvável, que que o novo modelo teria tela ainda maior que a atual. E não se sabe se a Samsung vai manter um recurso peculiar do Galaxy Note – a canetinha para anotações e desenhos na tela.  Maurício Grego

**
Gadgets & Cia I LG anuncia a chegada das TVs com telas de 47 e 55 polegadas, com reconhecimento de voz e gestos   (24/07/12)
A LG anunciou hoje a chegada das TVs com reconhecimento de voz e gestos, lançadas durante a Consumer Electronics Show 2012, ao Brasil. Os modelos mais avançados, com telas de 47 e 55 polegadas, custam a partir de R$ 7 mil. Todos os modelos possuem conexão de internet e acesso à plataforma de TV conectada da LG, que permite a instalação de aplicativos, além de suporte à imagens em 3D.
LM8600, um dos dois modelos da LG que reconhecem a voz do usuário ao comandar funções da TV

O modelo mais avançado da linha, chamado LM9600, possui tela de 55 polegadas com resolução full HD, processador de dois núcleos, reconhecimento de voz e Wi-Fi integrado. O produto ainda vem com quatro óculos 3D e com a nova versão do controle Magic Motion, que reconhece gestos feitos com o acessório em frente à TV. No Brasil, este modelio será vendido por R$ 11 mil.

Segundo a LG, dois modelos da nova linha não suportam o reconhecimento de voz, mas vêm com o novo controle Magic Motion. Esses modelos (LM7600, LM6700) também possuem conexão de internet com acesso a plataforma de aplicativos Smart TV e Wi-Fi integrado. Elas estão disponíveis em três tamanhos (42, 47 e 55 polegadas) e quatro unidades de óculos 3D acompanham os produtos.

Os preços desses dois modelos, no entanto, são mais baixos e começam em R$ 4,2 mil. Para quem procura uma TV com preço mais baixo, mas suporte a 3D e conexão de internet, a LG lançou o modelo LM6400, com preço entre R$ 3,7 mil e R$ 7,3 mil. O produto, no entanto, não vem com o Magic Remote, que é vendido separadamente.

Concorrente da Samsung

As TVs da nova geração da LG chegam ao Brasil cerca de dois meses após a Samsung, outra fabricante que investe em tecnologias de reconhecimento de voz e gestos, lançar sua nova linha no Brasil. Para efeito de comparação, as novas TVs da Samsung custam entre R$ 6 mil e R$ 8,7 mil, dependendo do tamanho da tela, que pode ser de 46 e 55 polegadas.

Ao contrário da TV da LG, os novos modelos da Samsung não dependem de um controle para reconhecer gestos, mas o usuário pode gesticular com as mãos e os braços em frente à TV, que possui uma câmera HD integrada.

No caso da voz, a TV possui dois microfones embutidos que ligam a TV quando o usuário diz "Olá, TV!". Todas as novas TVs da Samsung também possuem conexão com a internet e acesso a plataforma Smart TV, que permite a instalação de aplicativos.

**

Gadgets & Cia I Galaxy Note 2 virá com tela de 5,5 polegadas    (07/07/12)

A Samsung deve anunciar o próximo Galaxy Note 2 no final de agosto na IFA – feira de eletrônicos que acontece na Alemanha.

Segundo rumores que vazaram na imprensa da Coreia do Sul, o celular terá uma tela de 5,5 polegadas. Ela (a tela) é, portanto, um pouco maior do que a do modelo atual, que tem 5,3 polegadas.

Acima, o primeiro modelo do Galaxy Note: nova versão será ainda maior

O smartphone também chegará com um novo modelo de processador, com 4 núcleos, que dará maior poder de processamento ao gadget.

O Galaxy Note 2 também terá a nova versão do Android 4.1, conhecida como Jelly Bean. Ele, provavelmente, será o primeiro celular da Samsung com o sistema operacional, recém-lançado pelo Google.

Outra inovação estará na câmera. A Samsung vai instalar no aparelho um sensor de 13 megapixels. O modelo atual trabalha com um sensor menor, de 8 megapixels. Ou seja, a evolução será grande e vai resultar em fotos com boa qualidade.

A Samsung, segundo o rumor, quer deixar o Notes 2 com uma configuração forte. Assim, ele seria usado – junto com  Galaxy S3 – para fazer frente ao novo iPhone, que chega em outubro.

O novo iPhone, dizem analistas, deverá ter inovações grandes, que deixarão os atuais smartphones obsoletos. Fabiano Candido

**

Gadgets & Cia I Microsoft apresenta seu próprio tablet, o Surface   (18/06/12)

São Paulo - Depois de muito mistério, a Microsoft anunciou, nos Estados Unidos, o Surface. O tablet, que vem com o novo sistema operacional Windows 8 instalado,  terá a missão de combater o iPad, tablet vendido pela Apple – e líder do mercado.

Ballmer segura o Surface, novo tablet da Microsoft

E para a missão, o tablet chega em dois modelos: um com processador Intel Ivy Bridge Core i5 (que terá o Windows 8 Pro) e outro com o chip ARM (que recebe o Windows 8 RT). Ambos terão uma configuração forte: tela de 10.6 polegadas, suporte a Wi-Fi e porta USB (recurso que o iPad ainda não tem). Outra vantagem especial do tablet é uma porta especial para reproduzir vídeos em televisões, monitores e projetores.

Os tablets também terão uma carcaça de magnésio – que recebeu o nome VaporMG. Segundo a Microsoft, ela é construída com uma tecnologia que evita riscos causados pelo uso do dia a dia.

Na versão Pro, o Surface será um pouco mais gordinho. Ele terá 13,5 milímetros de espessura e 903 gramas. Ou seja, bem mais pesado e grosso que o Novo iPad – que pesa 652 gramas e tem 8,8 milímetros de espessura. Ele terá duas configurações: uma de 64 GB de memória flash; e outra com 128 GB.

Já á versão RT será um pouco mais leve, contudo, com números maiores do que o rival da Apple. Ela terá 9,3 milímetros e 676 gramas, disse Steve Ballmer, CEO da Microsoft. A memória também será mais limitada: 32 ou 64 GB de armazenamento flash.

Outro destaque do Surface é uma dobra na parte traseira. Ela permitirá ao usuário apoiá-lo em mesas e usá-lo como um desktop, graças a um teclado que será vendido separadamente pela Microsoft. Esse teclado terá duas versões: a Touch Cover, com botões sensíveis ao toque; e a Type Cover, com teclas tradicionais.

O teclado, nas duas versões, é curioso. Além de incluir um touchpad, servirá como uma capa. Além disso, traz um acelerômetro que vai indicar quando o teclado está sendo usado. Ele, no entanto, deixará o Surface cerca de 3 a 5 milímetros mais gordinho.

Além da Touch Cover, a Microsoft venderá separadamente uma caneta stylus. Com ela, o usuário poderá controlar a interface do Windows 8. Ela terá uma precisão de 600 DPI e será muito útil para quem não gosta de usar o dedo para controlar o tablet.

Software – O Surface equipado com chip Intel virá com o Windows 8 Pro instalado. O sistema é uma versão do sistema operacional mais completa: além da interface Metro, tem a já tradicional área de trabalho do Windows. Essa versão, portanto, será indicada para quem roda aplicativos que ainda não foram adaptados para o Windows 8.

Já a versão do Surface com chip ARM  rodará somente a versão RT do Windows 8. Segundo a Microsoft, este tablet será mais limitado e rodará a versão Metro do Windows 8.

Durante a apresentação, a Microsoft anunciou que a versão Intel do Surface deverá custar o preço de ultrabook (cerca de mil de dólares nos Estados Unidos 3,5 mil reais no Brasil). A versão do Surface RT com ARM, explicou a Microsoft, terá o preço médio de um tablet comum: por volta de dois mil reais.

Segundo informações da Microsoft, o Surface Pro chega em três meses ao mercado. Já a versão RT deve pintar no mercado em outubro, quando o Windows 8 será lançado oficialmente.

**

Gadgets & Cia I Óculos do Google já têm app para compartilhar fotos   (29/04/12)

Sebastian Thrun, diretor do laboratório Google X, demonstrou os óculos de realidade aumentada fotografando e compartilhando a imagem

Os óculos do Google funcionam como smartphone, reconhecem comandos de voz e exibem informações da internet

O Google continua aperfeiçoando seus óculos de realidade aumentada. Sebastian Thrun, diretor do laboratório Google X, que criou os óculos, fez uma demonstração de como eles podem ser usados para fotografar e compartilhar imagens em redes sociais.

A demonstração aconteceu durante uma entrevista de Thrun ao apresentador de TV americano Charlie Rose. Thrun  fotografou Rose com a câmera embutida nos óculos e publicou a foto na rede social Google+. Para isso, primeiro ele pressionou um botão lateral no gadget. Em seguida, balançou a cabeça para confirmar o compartilhamento. A foto está na página de Thrun no Google+.

Os óculos do Google foram revelados no início de abril. Eles exibem informações numa telinha acima do campo de visão. Essas informações podem se mesclar com o que a pessoa vê, num esquema de realidade aumentada. Como um smartphone comum, o dispositivo permite enviar e receber mensagens, telefonar e obter informações da internet. Ele reconhece comandos de voz e alguns gestos feitos com a cabeça. Supõe-se que rode uma variante do sistema Android.

Há pouco mais de duas semanas, o cofundador do Google Sergey Brin foi a um evento em São Francisco, na Califórnia, usando os óculos. O Google não diz quando pretende fabricá-los, mas especula-se que o gadget pode ser lançado ainda neste ano. Estima-se que poderá custar entre 250 e 600 dólares nos Estados Unidos. Sabe-se, também, que pelo menos uma empresa, a Oakley, prepara seus próprios óculos para competir com o Google. Além disso, já surgiu pelo menos um dispositivo caseiro que imita os óculos do Google.

Thrun usou os óculos o tempo todo durante a entrevista. Ele diz que a maioria das pessoas fica atraída pelos recursos de realidade aumentada. Mas, para o Google, esse não é o aspecto mais importante. “A experiência convincente é compartilhar coisas. Outras pessoas podem ver o que eu vejo”, diz Thrun.

Sebastian Thrun, diretor do laboratório Google X, usou os óculos do Google numa entrevista na TV americana

Para ele, a principal utilidade dos óculos é fazer as mesmas coisas que um smartphone faz, mas sem que a pessoa precise usar as mãos. Um dos exemplos é o envio de e-mail. “Posso ditar mensagens para ser enviadas, e também ouvir os e-mails recebidos, que são lidos para mim em voz alta. Não preciso usar as mãos para isso. É uma experiência libertadora”, disse.

Inteligência artificial

Thrun tem uma longa carreira nas áreas de robótica e inteligência artificial. Na universidade de Stanford, ele foi um dos criadores do Stanley, um dos primeiros carros capazes de se autodirigir. Ele levou essa experiência para o Google, onde participou do desenvolvimento dos carros sem motorista da empresa.

Thrun diz que, apesar de todas as pesquisas feitas em inteligência artificial, há um longo caminho a percorrer nessa área. Embora os computadores tenham superado os humanos no jogo de xadrez e em outras áreas, eles ainda estão longe de igualar o cérebro humano em sua capacidade total. Tarefas elementares, como identificar uma xícara de café sobre a mesa, ainda são um desafio para as máquinas. “Estou muito frustrado. Quero resolver isso, tornando as máquinas realmente inteligentes”, disse. Mauricio Grego

**

Gadgets & Cia I Projeto de relógio de pulso inteligente Pebble arrecada mais de US$ 6 milhões em site   (24/04/12)

O relógio de pulso inteligente Pebble se tornou o projeto de maior arrecadação no site Kickstarter, o maior do gênero, ao superar a marca de US$ 3,3 milhões do antigo recordista, o game "Double Fine Adventure". Até o momento, o Pebble já levantou mais de US$ 6 milhões.

Pebble, relógio "inteligente" que já levantou mais de US$ 6 milhões e é o mais bem sucedido do site Kickstarter

A arrecadação, de modelo "crowdfunding" (financiamento coletivo) começou no dia 11, atingiu em duas horas a meta de US$ 100 mil e termina só em 18 de maio.

O Pebble é um relógio dotado de uma tela com a tecnologia e-paper, a mesma empregada em leitores de livros digitais, como o Kindle. Por conexão Bluetooth, ele se conecta a smartphones com Android e ao iPhone e pode ser personalizado com apps.

Ler e-mails e controlar remotamente a música de smartphones são algumas das capacidades "de série" do relógio, mas uma interface de desenvolvimento será disponibilizada para que usuários letrados em programação criem seus aplicativos.

Ao site da revista "Fast Company", o criador do Pebble, Eric Migicovsky, disse que sua equipe já trabalha no projeto há quatro anos.

Cada uma das pessoas que investiram US$ 99 ou mais terá direito a pelo menos um Pebble. Migicovsky estimou o número de unidades a ser entregue em cerca de 30 mil. Sony e Motorola vendem, nos EUA, seus relógios inteligentes a respectivos US$ 150 e US$ 250.

YURI GONZAGA - FOLHA

**

Gadgets & Cia I Galaxy S II Lite chega ao Brasil por R$ 999   (20/04/12)

A Samsung e a operadora TIM anunciaram o início das vendas do smartphone Galaxy S II Lite por R$ 999,00 no Brasil.

O aparelho é uma versão do Galaxy S II sem muitos recursos como processador, câmera e tela, o que acaba barateando seu custo final. Na Europa e alguns países da Ásia o dispositivo foi lançado mês passado sob o nome de Galaxy S Advance.

O Glaxy S II Lite chega com processador dual-core de 1GHz, tela de 4 polegadas Super AMOLED (com resolução de 480 x 800 pixels), 16GB de memória e 768MB de RAM, câmera traseira de 5 MP e frontal de 1,3 MP. O aparelho virá equipado com o sistema Android 2.3 (Gingerbread).

O smartphone será comercializado desbloqueado e sem contrato de fidelização. A partir da próxima semana, o modelo estará à venda nas principais lojas da operadora em todo o país, com preço à vista de R$ 999.  Monica Campi

________________________________________________________________________________

 Novo MacBook Pro 2012 pode sair muito em breve   (10/04/12)

A próxima geração do MacBook Pro 2012 talvez esteja prestes a ser lançada: vários revendedores da Apple estão relatando que alguns dos atuais modelos estão em falta, incluindo a J&R e a Best Buy. A última, inclusive, parou de aceitar pedidos online.

Se você ainda assim estiver interessado em um da safra atual, terá que procurá-lo bem nas lojas. De acordo com o Apple Insider, “de 40 a 60%” das lojas da Best Buy em Chicago e Austin relatam “indisponibilidade” do modelo de 15″ e 2,4 GHz do MacBook Pro.

Tradicionalmente, o estoque das lojas “seca” na medida em que a Apple interrompe a produção. Isso limpa os canais de distribuição para prepará-los para a chegada dos novos modelos no mercado.

Não há muitos detalhes sobre os futuros MacBook Pro 2012, mas temos algumas apostas. Basicamente, é seguro esperar que eles sejam muito mais rápidos (usando processadores Core i7 Ivy Bridge) e mais finos que os modelos atuais, parecidos com o MacBook Air. [AppleInsider]

________________________________________________________________________________

Tablet do Google vai custar menos de 200 dólares  (18/03/12)

Há indícios de que o Google e a Asus preparam um tablet que deverá ser ainda mais barato que o Kindle Fire, da Amazon

O tablet do Google (a ilustração do designer Tony Gil mostra como poderá ser o gadget) deverá ser um concorrente forte para o Kindle Fire, da Amazon

São Paulo — Surgem novos indícios de que o Google prepara o início da fabricação do seu tablet de 200 dólares, que vem sendo chamado informalmente de Nexus Tablet. O site especializado Android and Me diz ter ouvido, de uma pessoa ligada a um fornecedor de componentes, que o contrato com a Asus, que deverá fabricar o tablet, está fechado.

O site diz que o plano das duas empresas é vender o tablet por um preço entre 149 e 199 dólares nos Estados Unidos. A meta seria ter um produto ainda mais barato que o Kindle Fire, da Amazon, que custa 199 dólares naquele país. Para isso, o Google teria desistido de usar um processador poderoso, de quatro núcleos, e optado por uma solução mais simples e barata. O Nexus Tablet deverá ter tela de 7 polegadas.

O fato de que o Google tem um tablet em gestação é conhecido. Em dezembro, o próprio Eric Schmidt, chairman da empresa, confirmou isso ao jornal italiano Corrieri della Sera. “Nos próximos seis meses, vamos pôr no mercado um tablet de altíssima qualidade”, declarou ele. Schmidt não forneceu detalhes e o Google se recusou a comentar suas declarações.

Mas informações não oficiais têm aparecido no mercado. Em fevereiro, Richard Shim, analista de mercado da empresa DisplaySearch, disse que a fabricação começaria em abril e que o lançamento estava previsto para a metade do ano. Shim afirmou que o Google planejava fabricar um lote inicial contendo entre 1,5 milhão e 2 milhões de unidades.

O Google já tem a linha de smartphones Nexus, produzida e vendida em parceria com HTC e Samsung. Um tablet seria o próximo passo. Mas a informação de que ele seria fabricado pela Asus desperta dúvidas. A opção natural seria que a fabricação ficasse a cargo da Motorola Mobility. Em fevereiro deste ano, o Google recebeu sinal verde dos órgãos reguladores americanos e europeus para completar a aquisição dessa empresa, anunciada no ano passado. Maurício Grego

_______________________________________________________________________________

Veja as novidades do novo iPad, da Apple (07/03/12)

O iPad de 3ª geração tem aspecto similar ao do iPad 2, mas é ligeiramente mais espesso (tem 9,4 milímetros de profundidade) e mais pesado (662 gramas)

São Paulo — Anunciado hoje em São Francisco, na Califórnia, o iPad de terceira geração traz tela Retina de alta resolução, o novo processador A5X, câmera de 5 megapixels e suporte a redes celulares 4G LTE. A empresa já começa a aceitar encomendas para o tablet em sua loja online nos Estados Unidos. Mas as entregas só se iniciam, naquele país, no dia 16. O preço começa em 499 dólares, que era o valor do iPad 2 mais simples até agora. O iPad 2 passará a ser vendido, nos Estados Unidos, por um preço 100 dólares menor, começando em 399 dólares. A chegada do produto às lojas brasileiras ainda deve demorar algumas semanas. Maurício Grego

O novo iPad tem tela Retina, de alta definição. Ela tem quatro vezes mais pixels que a tela do iPad 2 e mais do que um televisor full HD

Um dos itens aperfeiçoados no novo iPad é a câmera. Com 5 megapixels, ela também traz uma nova lente com cinco elementos ópticos

O iPad de terceira geração traz o novo processador A5X, com maior poder de processamento gráfico, necessário para garantir um bom desempenho com a tela de alta definição

Os modelos do novo iPad com conexão celular suportam redes 4G LTE, que oferecem acesso mais veloz à internet, além de ser compatíveis com as redes 3G e 2G

Os aplicativos da Apple, como o iMovie, ganharam novas versões, que suportam a elevada resolução da tela Retina, além de trazer outros aperfeiçoamentos

O iPhoto, aplicativo para edição de imagens que já existia no Mac, ganhou uma versão para iPad e iPhone. Custa 4,99 dólares na App Store

 _______________________________________________________________________________

Panasonic lança o menor e mais fino monitor LCD IPS 4K do mundo  (17/02/12)

A Panasonic anunciou seu mais novo monitor de altíssima resolução. A tela LCD de 20 polegadas possui painel IPS-Pro, resolução 3840 x 2160 e apenas 3,5 mm de espessura, ou seja, a mesma do pino de um conector de fone de ouvido convencional.

Panasonic mostra o monitor com resolução 4K2K (Foto: Reprodução/Engadget)

De acordo com a empresa, é possível obter cores mais vivas e um brilho “ultra-alto” com o painel IPS-Pro. O ângulo de visão é bem atraente: são 178º, tanto na horizontal quanto na vertical. Isto significa que você conseguirá assistir um filme em praticamente qualquer posição, sem precisar se preocupar com as cores.

A resolução de 3840 x 2160, de nome 4K2K, resulta em mais de 8 milhões de pixels com uma definição quatro vezes maior que a de 1.080 pixels (utilizada nos filmes de alta definição em Blu-ray). Segundo a Panasonic, a densidade de pixels por polegada de 216 ppi é a maior do mundo em monitores desse tipo.

Isto só foi possível com a introdução de duas novas tecnologias: a primeira é uma estrutura de pixels modificada para permitir a inserção destes em um mesmo espaço e a segunda orienta a posição do cristal líquido da tela de uma maneira diferente.

A Panasonic já lançou outros produtos com alta definição, como uma TV de 150 polegadas, também com resolução 4K2K. Ainda não há previsão de lançamento para o monitor.

Via Engadget

_________________________________________________________________________________

Samsung pode mostrar tablet de 11,6″ na MWC 2012  (31/01/12)

A Mobile World Congress vai chegando e com ela, os boatos. Os primeiros sobre a Samsung diziam que o novo aparelho da linha Galaxy S não deve aparecer na feira. Alguns pequenos problemas estariam afastando o Galaxy SIII de um anúncio em Barcelona. O novo boato envolvendo a MWC e a Samsung é sobre um novo tablet que pode ser lançado lá.

Anunciar um tablet pode parecer um clima meio 2011, mas quem não quer saber de uma novidade dessas com Android 4.0? Além da versão mais recente do sistema operacional, o aparelho ainda exploraria um novo tamanho, com uma tela de 11,6 polegadas – Galaxy Tab 11,6? A resolução da tela seria de 2560 x 1600 pixels – número bem impressionante.

O processamento também não decepciona. Segundo o boato, o chip seria um Samsung Exynos 5250, um dual core de 2 GHz. As informações são combinadas de duas fontes. O site Android And Me afirmou ter passado um tempo com um protótipo antes da CES. Outra fonte é o TabTech.de, um blog alemão que afirma que o novo tablet deve ser lançado na MWC 2012.

Pensando como a Samsung costuma lançar seus aparelhos, ele deve chegar com três opções de armazenamento, de 16, 32 e 64 GB. Resta esperar: a Mobile World Congress começa em 27 de fevereiro. Victor Caputo

______________________________________________________________________________

Relógios equipados com Android permitem navegar na web  (14/01/12)

Relógios "inteligentes" equipados com o sistema operacional Android, do Google, prometem colocar a web nos punhos dos usuários na CES, maior feira de eletrônicos do mundo, em Las Vegas.

A Sony e a jovem empresa italiana i'm Watch exibiram ao público do grande evento anual da alta tecnologia relógios que utilizam o software da Google para permitir aos usuários checar e-mails, ouvir músicas ou ter acesso a qualquer outro conteúdo online.

O relógio SmartWatch, da Sony, chegará ao mercado no final de março, enquanto o do i'm Watch foi lançado na quarta-feira no CES.

Relógio SmartWatch, da Sony, equipado com sistema operacional Android

"Este é o momento adequado para este relógio", disse o cofundador da i'm Watch, Massimiliano Bertolini, no stand da companhia na feira.

O preço do relógio da i'm Watch vai dos US$ 350 para os modelos coloridos, com pulseiras de silicone e caixa de alumínio com tela sensível ao toque (touchscreen), aos US$ 15 mil para os de ouro adornados com diamantes, segundo o designer da empresa, Gianluca Negrello.

Com este relógio, os usuários recebem alertas de novas mensagens do Gmail ou de atualizações do Facebook ou do Twitter, e podem acessar álbuns de fotos digitais ou os serviços gratuitos da Google.

Embora não seja possível enviar mensagens a partir do i'm Watch, o usuário poderá se conectar à loja online da empresa para baixar aplicativos ou música. Também poderá fazer chamadas telefônicas através do produto.

A Sony anunciou no CES que no final de março lançará um SmartWatch touchscreen capaz de se conectar com telefones celulares por meio de Bluetooth.

Haverá aplicativos especiais para o SmartWatch, que terá um preço de US$ 149, indicou a empresa. (Tec)

______________________________________________________________________________

Do iPhone 5, da Apple, ao Wii U, da Nintendo, seis produtos digitais que vão chegar às lojas em 2012  (20/12/11)

O iPhone 5 não virou realidade em 2011, apesar das expectativas. Mas pouca gente duvida de que ele seja lançado em 2012. Além dele, muitos outros produtos estão em desenvolvimento ou em estágio inicial de produção e devem chegar às lojas no próximo ano. Confira, nas próximas páginas, seis desses produtos que devem chegar em 2012 levando a tecnologia um passo à frente. Como já acontece há algum tempo, as novidades mais interessantes estarão na área de tablets e smartphones – mas não só nessa área, é claro.

O iPhone 5 agora é para valer

Muito esperado em 2011, o iPhone 5 não se materializou ainda. Mas é praticamente certo que ele vem em 2012, provavelmente em junho.  Foi nesse mês que a Apple apresentou o iPhone inicial e os modelos 3G, 3GS e 4. Só o iPhone 4S quebrou essa tradição ao ser anunciado em outubro.

O que se espera do iPhone 5 é um smartphone completamente redesenhado, com tela maior que a do iPhone atual – provavelmente de 4 polegadas. O fato é que alguns smartphones com Android e Windows Phone fazem a telinha de 3,7 polegadas do iPhone 4S parecer pequena. A tela do Galaxy Nexus – resultado da parceria entre a Samsung e o Google –, por exemplo, mede 4,65 polegadas. A do HTC Titan, que roda o Windows Phone, mede 4,7 polegadas.

É natural que a Apple lance um modelo maior para competir com esses rivais. E é provável que ele use o novo processador A6, que também será empregado no iPad 3.

 

Do iPad 3 ao iPad Mini

A Apple deve apresentar a próxima geração do iPad em fevereiro ou março, e as vendas devem se iniciar nos Estados Unidos poucos dias depois. Há duas novidades principais previstas para o iPad 3. A primeira é uma tela do tipo Retina, como a do iPhone 4 e do 4S. Ela terá quatro vezes mais pixels que a tela atual do iPad. A segunda novidade é um processador mais potente que deverá se chamar A6 (nome óbvio, já que os chips anteriores do iPad são o A4 o A5). A Apple ainda pode surpreender incorporando a conexão celular 4G LTE ao iPad. Mas as chances de isso acontecer são pequenas.

Há uma boa dose de certeza de que o lançamento aconteça mesmo no primeiro trimestre. Foi nessa época que a Apple apresentou tanto o modelo inicial do tablet como o iPad 2. Além disso, informações vindas da Ásia indicam que os fabricantes já produzem a tela e outros componentes para o iPad 3. Além disso, há rumores de que a Apple já contratou os fabricantes asiáticos LG Display e AU Optronics para fornecer uma tela sensível ao toque de 7,85 polegadas a ela. Se essa informação se confirmar, isso significa que Apple vai lançar um modelo menor do iPad em algum momento – talvez no segundo semestre 2012.

Galaxy Tab HD é o iPad 3 da Samsung

Obviamente, a Apple não é a única empresa que pensou em criar um tablet com tela de resolução extremamente alta. Informações não oficiais indicam que sua rival Samsung também prepara um modelo da linha Galaxy Tab com esse tipo de tela. Pelo que tem circulado no mercado, a empresa coreana está correndo para apresentar o produto em fevereiro – possivelmente antes do iPad 3.

Informações não oficiais indicam que o tablet deverá ter uma enorme tela de 11,6 polegadas (a do iPad 2 mede 9,7 polegadas). Vai rodar o sistema Android 4.0, conhecido como Ice Cream Sandwich. Como as informações são vagas, é difícil saber se o gadget existe mesmo ou é só uma lenda. Mas a Samsung tem investido em tablets em tamanhos variados e foi a concorrente mais forte para a Apple em 2011. Assim, as chances de esse “Galaxy Tab HD” virar realidade são grandes.

 

Windows 8 estará em PCs e tablets

A Microsoft dever liberar uma versão beta do Windows 8 no início do ano, provavelmente durante o Consumer Electronics Show, que acontece de 10 a 13 de janeiro em Las Vegas. Já a versão final só deve sair na metade do ano. O novo sistema operacional via rodar tanto em PCs como em tablets. Deve trazer poucas novidades para os PCs convencionais, com mouse e teclado. Por causa disso, a empresa de estudos de mercado IDC chegou a divulgar um relatório dizendo que o novo sistema será irrelevante para os usuários de PC.

Já para os aparelhos com tela sensível ao toque, o Windows 8 traz uma interface gráfica completamente redesenhada, baseada na do Windows Phone. Ela vem sendo elogiada por muita gente. E pode ser uma solução atraente para quem precisa rodar aplicativos típicos de PC num tablet, especialmente em empresas.

Mas a Microsoft está chegando atrasada a esse mercado. Quando os tablets com Windows 8 vierem, muitos usuários já estarão acostumados como o iPad ou com o Android e não terão motivos para adotar o Windows. E ainda há quem preveja que os tablets com Windows 8 não vão conseguir competir em preço com o iPad e os modelos com Android. Não é um cenário animador para Steve Ballmer e companhia.

 

 Wii U é a jogada da Nintendo

A Nitendo deve lançar a próxima geração do Wii durante o evento E3, que acontece em junho em Los Angeles. A empresa já fez uma apresentação durante o E3 de 2011, de modo que várias das características do novo console para jogos já são conhecidas. Com chips mais potentes, ele vai exibir gráficos na resolução full HD (1080p), bastante melhores que os do Wii atual. Também terá um controle em forma de tablet, com tela sensível ao toque. O usuário vai poder jogar tanto vendo as imagens na TV como no próprio controle.

Quando apareceu em 2006, o Wii – com seu controle sem fio capaz de detectar movimentos em três direções – mostrou ao mundo uma nova maneira de jogar. Mas os concorrentes avançaram e o Wii ficou para trás em aspectos como a qualidade dos gráficos e os recursos para jogos em rede. O Wii U é a esperança da Nintendo para pelo menos alcançar a Sony e a Microsoft.

 

iTV era projeto de Steve Jobs

Há boa dose de certeza de que os cinco produtos que listamos até agora cheguem em 2012. O caso do televisor da Apple, que vem sendo chamado informalmente de iTV, é mais incerto. Digamos que há 30% de chances de ele se materializar até o fim do ano.

O iTV é citado por Walter Isaacson na biografia autorizada de Steve Jobs. O fundador da Apple trabalhou no projeto de um televisor ao longo de 2011. Ele dá  a entender que há uma equipe em Cupertino elaborando esse projeto. Seu objetivo era acabar com a confusão de cabos e controles remotos dos home theaters atuais, além de simplificar a interface entre a TV e o usuário. Jobs chegou a dizer a Isaacson que, depois de estudar bastante o assunto, ele havia finalmente encontrado a fórmula para o aparelho que queria fabricar.

Recentemente, um site australiano disse ter ouvido de fornecedores japoneses que a Apple planejava produzir o televisor em três tamanhos, de 32 a 55 polegadas. Mas não se conhecem outros detalhes. E,  diferentemente do que acontece com o iPad 3, não há notícias de fabricantes asiáticos produzindo telas ou outros componentes para o iTV. Isso sugere que o televisor ainda está em desenvolvimento. Pode chegar às lojas no final de 2012 ou ficar para 2013. Maurício Grego - Exame.com

 _____________________________________________________________________________

6 notebooks finos, leves e poderosos  (23/11/11)

Seis notebooks que pesam até 2 quilos e oferecem os mesmos recursos dos computadores maiores

São Paulo — Quando subiu ao palco para apresentar o primeiro MacBook Air, em 2008, Steve Jobs estabeleceu um novo padrão de portabilidade para os notebooks, inaugurando a categoria dos ultraleves. Diferentemente dos netbooks – que são pequenos mas são, também, bastante limitados – os notebooks ultraleves oferecem os principais recursos encontrados em computadores maiores.

Os seis notebooks que mostramos nas próximas páginas possuem tela de 13 ou 14 polegadas, suficiente para boa visualização de filmes, fotos, documentos e páginas da web. Seus teclados permitem digitar textos com conforto. E os processadores com a tecnologia mais recente garantem a agilidade ao rodar os aplicativos mais usados. Todos têm, também, sistemas de gerenciamento da energia que proporcionam várias horas de uso sem que seja necessário recarregar a bateria. Os preços vão de 1.800 a 5.199 reais e nenhum desses notebook pesa mais que 2 quilos. (Maurício Grego)

 

O MacBook peso-pena da Apple

Em sua edição mais recente, apresentada em julho deste ano, o MacBook Air continua sendo um dos notebooks mais esbeltos no mercado. O modelo de 13 polegadas pesa apenas 1,35 quilo. Fechado, tem só 1,7 centímetro de espessura. Ele já sai da fábrica com a nova versão do sistema operacional Mac OS X, conhecida como Lion. Apreciado pelos fãs da Applepela facilidade de uso, o Mac OS X traz um conjunto de aplicativos básicos para o dia a dia. Outros podem ser encontrados na Mac App Store, a loja de aplicativos online para os micros da Apple.

Naturalmente, o regime de emagrecimento exige sacrifícios. Como não há unidade de disco, o armazenamento de informações é feito em chips de memória Flash. Isso limita a capacidade e torna o notebook mais caro. Em compensação, os chips de memória, agrupados num módulo do tipo SSD (solid state drive), são mais velozes e confiáveis que o disco magnético.

Outra limitação é que não há leitor de DVD ou Blu-ray. Mas é possível acoplar um leitor externo. O modelo de 13 polegadas é oferecido em duas versões. Com SSD de 128 GB, custa 3.799 reais. Com o dobro dessa capacidade, o preço sobe para 5.199 reais.

 

NP900X3 é o MacBook Air da Samsung

Os notebooks da série 9 da Samsungsão uma opção atraente para quem gosta da leveza extrema do MacBook Air, da Apple, mas prefere um computador com o sistema Windows. O modelo NP900X3, com tela de 13 polegadas, vem embalado num belo acabamento em duralumínio escovado. Com peso de 1,31 quilo, ele chega a ter alguns gramas a menos que seu rival com o logotipo da maçã. Já sua  espessura de 1,63 centímetro praticamente empata com a do MacBook Air de 13 polegadas.

Como acontece com o MacBook Air, o NP900X3 armazena as informações em chips de memória agrupados num módulo SSD. Isso colabora para torná-lo leve, compacto e resistente. Mas eleva seu preço e limita a capacidade de armazenamento, que é de 128 GB apenas (notebooks maiores costumam ter pelo menos quatro vezes essa capacidade). E não há leitor de DVD ou Blu-ray. Quem quiser contar com esse recurso deve acoplar um leitor externo.

Fora isso, o NP900X3 traz todos os recursos normalmente encontrados em notebooks mais pesados, incluindo uma webcam embutida. O processador é o Intel Core i5 da geração mais recente, conhecida como Sandy Bridge. Custa 3.800 reais, preço idêntico ao do MacBook Air de 13 polegadas com a mesma capacidade de armazenamento.

 

Vostro V131, da Dell, combina leveza com preço atraente

A Dellprojetou sua linha de notebooks Vostro para uso em pequenas empresas. Mas o modelo V131, com peso de apenas 1,6 quilo, é atraente também para quem busca um laptop leve para uso pessoal. Bastante elegante, ele tem acabamento em metal escovado, cinza ou vermelho. Diferentemente de muitos notebooks criados para uso pessoal, o Vostro V131 tem tela fosca de 13 polegadas, do tipo anti-reflexos. Apesar de ser menos vistosa que as telas brilhantes, a superfície fosca permite melhor visualização em lugares muito iluminados, o que é uma vantagem, é claro.

O Vostro V131 é oferecido em quatro combinações de processador e memória. As duas mais interessantes são as que trazem o chip Intel Core i5 da geração Sandy Bridge. Com esse chip e 4 GB de memória, o notebook custa 2.200 reais na loja online da Dell. Essa configuração é suficiente para a maioria das pessoas. Por 200 reais a mais, leva-se o micro com 6 GB de memória, o que pode torná-lo mais rápido ao rodar muitos aplicativos ao mesmo tempo. Esse notebook não tem leitor de DVD ou de Blu-ray embutido, mas pode-se conectar uma unidade externa a ele.

 

Sony Vaio é compacto e tem drive de DVD

Com peso de 1,7 quilo, o Vaio VPC-SB25FB, da Sony, é uma boa opção entre os notebooks com tela de 13 polegadas. Como outros modelos da família Vaio, ele tem linhas enxutas e elegantes. Também oferece um leitor e gravador de DVD embutido, item ausente de muitos laptops de 13 polegadas. Esse computador tem dois circuitos de controle de vídeo. O primeiro economiza energia e, segundo a Sony, oferece até 6,5 horas de uso sem recarga da bateria. O segundo, mais potente, é acionado para rodar jogos com alta qualidade visual. Também tem um leitor de impressões digitais, que permite que o usuário se identifique passando o dedo sobre um sensor.

Esse modelo pode ser usado como teclado remoto para consoles para jogos PlayStation 3 e para alguns modelos de televisores Bravia, da Sony. As outras características (processador Core i5, 4 GB de memória, disco de 500 GB, webcam e microfone) são parecidas com as de modelos similares. O Vaio VPC-SB25FB é encontrado por preços que começam em 2.500 reais.

 

LG P420 é opção econômica

A LG diz que seus notebooks da série P420 são pequenos por fora e grandes por dentro. A frase é gasta, mas, de fato, esses laptops aproveitam melhor o espaço que a maioria dos concorrentes. A moldura em torno da tela é bastante fina, o que resulta num tamanho compacto para um notebook de 14 polegadas. O modelo LG P420 5300 pesa 2 quilos e traz leitor e gravador de DVD embutido, item nem sempre presente nos notebooks mais leves.

O visual, onde predomina a cor branca, inclui detalhes como o touch pad sem emendas. Uma placa de vídeo da marca Nvidia proporciona bom desempenho em jogos. Fora isso, as características são bastante comuns (processador Core i5, 4 GB de memória, disco de 640 GB, saída HDMI para TV, webcam e microfone). Um ponto fraco desse modelo é que ele vem com a edição Home Basic do o sistema operacional Windows 7, que não tem todos os recursos das edições mais completas. Em compensação, o LG P420 5300 pode ser encontrado por preços que começam em 1.800 reais. A LG tem uma nova geração a caminho, a P430, com várias atualizações.

 

HP Pavilion DM4 oferece equilíbrio

A série DM4, da HP, é formada por notebooks com tela de 14 polegadas, peso em torno de 2 quilos, espessura de 2,5 centímetros e um elegante acabamento metálico. Entre os modelos dessa série, o DM4 2065 é um dos que têm melhor equilíbrio entre velocidade, duração da bateria e preço. É baseado num processador Core i5 da geração Sandy Bridge.

O DM4-2065 tem os recursos habituais em notebooks dessa categoria. Traz webcam e microfone embutidos, e também um leitor de impressões digitais que permite dispensar a senha ao identificar-se em sites da web. Também tem um leitor e gravador de DVD embutido. Um conector para cartões de memória facilita a transferência de fotos de uma câmera fotográfica para o computador. Encontrado, por enquanto, apenas nas lojas Fast Shop, o DM4-2065 custa 2.100 reais.

_________________________________________________________________________

Samsung  anuncia o lançamento do Galaxy Tab 7.0 Plus  (30/09/11)

 

Seguindo as novas denominações que a Samsung decidiu padronizar para seus aparelhos, a sul-coreana anunciou o lançamento do Galaxy Tab 7.0 Plus. De acordo com o novo padrão, o Plus significa um upgrade em um aparelho já existente.

A principal entre as melhorias do primeiro tablet que a Samsung havia lançado é o novo processador dual-core, que substitui o antigo processador, que contava com um núcleo só. O novo processador tem dois núcleos de 1,2 GHz. 

Outra mudança interessante no aparelho, mas que no final das contas ainda não significa muito para uso em solo brasileiro, é a adição da conectividade HSPA+, para navegação de alta velocidade. O tablet também vem com duas câmeras, uma de 3 megapixels, foco automático e flash LED na parte traseira e outra câmera de 2 megapixels frontal.

A versão do Android será a 3.2, o que deve incentivar bastante as vendas do aparelho. Ele terá duas opções diferentes de capacidade, 16 GB ou 32 GB. Capacidades que podem ser expandidas com o uso de cartão microSD de até 32 GB.

No final de outubro ele estará disponível para compra na Indonésia e Austrália. Depois, ele será gradualmente inserido nos outros mercados, em incluem Ásia, Estados Unidos, América Latina, entre outros. O preço da atualização ainda é um mistério, mas deve contar com um “upgrade” também.  (Victor Caputo)

______________________________________________________________________________

Motorola lança smartphone Milestone 3 no Brasil  (16/08/11)

A Motorola anunciou nesta terça-feira (16), em coletiva à imprensa, o lançamento da terceira geração do smartphone Milestone. Primeiro da família equipado com processador de núcleo duplo de 1 GHz, o telefone estará disponível no Brasil a partir do dia 29 deste mês.

Com tela de quatro polegadas e 1 mm mais fino que seu antecessor, o Milestone 3 tem suporte ao plugin Flash, da Adobe e filma e reproduz vídeos em Full HD (1.080p). A versão do Android é a Gingerbread (2.3).

O preço sugerido do aparelho no varejo é entre R$ 1.799 e R$ 1.999. Ele estará disponível apenas na operadora Vivo, mas posteriormente irá para todas as outras (Claro, Oi e TIM).

FAMÍLIA ANDROID

Dois novos celulares, mais simples e menos potentes do que o Milestone, também foram anunciandos no evento. Spice Key e o Spice XT, ambos com a versão Gingerbread.

A Motorola anunciou outros quatro "netphones", também chamados de telefones multimídia --aparelhos simples de sistema fechado, com suporte a Java e tocador de MP3.

Antes de iniciar as apresentações, a assessoria da Motorola disse que não poderia comentar nada sobre a aquisição da companhia pelo Google, anunciada nesta segunda-feira (15).  (ALEXANDRE ORRICO)
MOTOROLA MILESTONE 3
TELA 4 polegadas, 960x540 pixels
SISTEMA Android 2.3
PROCESSADOR 1 Ghz
ARMAZENAMENTO 16 Gbytes
MEMÓRIA 512 Mbytes
CÂMERA Frontal de 1.3 Mpixels, traseira de 8 Mpixels
PESO 167 g
DIMENSÕES 12,4x6,4x1,3 cm

 ___________________________________________________________________________

Gadgets & Cia l Samsung lança celular Galaxy S II no Brasil (28/06/11)

A Samsung lançou, nesta terça-feira (28), o Galaxy S II no Brasil, smartphone que pretende ser um concorrente direto do iPhone 4, da Apple.

O Galaxy S II é mais fino que seu antecessor e seu sistema operacional Android, versão 2.3, agora funciona com rapidez duas vezes maior graças a um processador de 1,2 GHz de núcleo duplo, enquanto a navegação na internet ficou 25% mais ágil, segundo o fabricante. A tela com tecnologia Super Amoled Plus é de 4,3 polegadas e o aparelho pesa apenas 116 gramas.

Nova versão do principal modelo de smartphone da Samsung, o Galaxy S II
Nova versão do principal modelo de smartphone da Samsung, o Galaxy S II

O Galaxy S II ainda visualiza vídeos on-line e qualquer página com animações em Flash, possui busca por voz e sistema Swype de escrita, no qual basta o usuário deslizar o dedo pelas teclas virtuais para formar palavras.

A câmera traseira é de 8 Mpixels, é equipada com flash e grava vídeos em Full HD (1080p). A câmera frontal tem 2 Mpixels. O usuário do Galaxy S II conta com 16 Gbytes de memória interna, expansível para até 48 Gbytes com o auxílio de um cartão microSD.

A Samsung está sendo processada pela Apple por causa do Galaxy S II. Segundo a empresa de Steve Jobs, a companhia sul-coreana copiou o design do iPhone 4 com o Galaxy S II, bem como o desenho do iPhone 3GS com o Galaxy S.

O aparelho estará disponível a partir desta terça-feira (28) por R$ 1.999 nas principais operadoras brasileiras, segundo a Samsung.

_____________________________________________________________________________

Samsung vende 1 mi de Galaxy S2 na Coreia do Sul (10/06/11)

A gigante da eletrônica sul-coreana Samsung Electronics vendeu mais de 1 milhão de telefones celulares Galaxy S2 na Coreia do Sul desde seu lançamento, em 29 de abril, informaram nesta sexta-feira (10) as operadoras de telefonia do país asiático.

Em pouco mais de um mês na Coreia do Sul, o Galaxy S2, mais rápido e leve que seu antecessor, permitiu que a Samsung reconquistasse grande parte da fração de mercado que havia perdido para o iPhone, da Apple.

Com as vendas do Galaxy S2, a Samsung obteve, em maio, 60% das vendas de telefones móveis na Coreia do Sul, após cair 47% em abril, em parte pela forte demanda do concorrente iPhone 4.

O avanço do carro-chefe da Samsung, a segunda maior fabricante mundial de telefones celulares, acontece apesar de a SK Telecom, a maior operadora sul-coreana, ter começado em março a oferecer o iPhone, pondo fim à exclusividade da KT.

O Galaxy S2 conseguiu vencer o popular dispositivo móvel da Apple, porque a companhia norte-americana não apresentou grandes novidades por enquanto e apesar de telefones de companhias como HTC e Motorola estarem adquirindo popularidade.

O Galaxy S2 é mais fino que seu antecessor, e seu sistema operacional agora funciona com rapidez duas vezes maior, graças a um processador de 1,2 gigahertz de núcleo duplo, enquanto a navegação na internet ficou 25% mais ligeira, segundo a fabricante.

DA EFE, EM SEUL

_______________________________________________________________________________

RIM anuncia novos modelos de BlackBerry com tela sensível ao toque (02/05/11)

Fãs do tradicional formato do BlackBerry podem comemorar. A RIM (Research in Motion) anunciou os smartphones Bold 9900 e Bold 9930, que, além do célebre teclado físico QWERTY, têm tela sensível ao toque.

Os novos modelos virão com o BlackBerry OS 7, uma nova versão do sistema operacional usado nos smartphones da RIM. Outras novidades são o suporte a NFC (Near Field Communications), realidade aumentada e gravação de vídeo em alta definição (720p).

BlackBerry Bold 9900, lançamento da RIM, tem tela sensível ao toque e gravação de vídeo em alta definição

BlacBerry Bold 9900, lançamento da RIM, tem tela sensível ao toque e gravação de vídeo em alta definição

Pelas especificações técnicas, que listam processador de 1,2 GHz e 768 Mbytes de memória, é possível esperar um desempenho significativamente superior ao dos modelos atuais. O armazenamento inclui 8 Gbytes internos e suporte a cartão microSD de até 32 Gbytes. A touchscreen, com 2,8 polegadas e resolução de 640x480 pixels, deve apresentar imagem com boa nitidez.

Os aparelhos devem agradar a fãs da marca que desejam um celular com tela sensível ao toque, mas fazem questão do tradicional teclado QWERTY. Eles começam a ser vendidos ainda neste ano. (Folha)

_______________________________________________________________________________

Samsung lançará sucessor do celular Galaxy S no final de abril (08/04/11)

A Samsung Electronics, segunda maior fabricante mundial de celulares, planeja lançar uma nova versão de seu principal modelo de smartphone, o Galaxy S, neste mês na Coreia do Sul, por meio da operatora KT, anunciou na sexta-feira a operadora de telecomunicações.

Nova versão do principal modelo de smartphone da Samsung, o Galaxy S II

Nova versão do principal modelo de smartphone da Samsung, o Galaxy S II

A estreia local do esguio Galaxy S II surge depois que a rival Apple lançou o iPhone 4 na Coreia do Sul em setembro, expandindo sua base de oferta ao encerrar o contrato de exclusividade com a KT e acrescentar a SK Telecom, no mês passado.

A Coreia do Sul é um dos mais lucrativos mercados para os celulares inteligentes Samsung. A companhia vendeu cerca de dois milhões de aparelhos Galaxy S no país no ano passado, um quinto dos embarques mundiais.

A KT, segunda maior operadora sul-coreana de telefonia móvel, anunciou na sexta-feira que planejava lançar um novo modelo por volta de 25 de abril. A SK Telecom, rival de porte maior, afirmou que ainda não havia decidido sobre a data de lançamento.

DA REUTERS, EM SEUL

____________________________________________________________________________________

Além de limpar, aspirador-robô usa câmera para monitorar a casa (15/03/11)

Samsung vai começar a vender na Coreia do Sul seu primeiro aspirador-robô que vem com uma filmadora integrada

A Samsung vai começar a vender na Coreia do Sul seu primeiro aspirador-robô que vem com uma filmadora integrada. O modelo, "Tango" VC-RL87W, será vendido por um preço médio de R$ 1.200.

O equipamento, além de limpar a casa, permite usar a câmera para monitorar ambientes, até mesmo externos, durante a faxina. Em caso de emergência, uma lâmpada ilumina o local, permitindo verificar remotamente o que está acontecendo em casa.

Segundo a Samsung, todo o controle do "Tango" é feito usando um PC, tablet ou smartphone compatível, pela rede Wi-Fi.

_________________________________________________________________________________

Panasonic Lumix FX77: maquie-se imediatamente neste salão de beleza portátil (05/03/11)

Interessada em retomar o mercado de câmeras fotográficas, bastante abalado pelo uso de telefones com recursos fotográfios, a Panasonic trouxe às prateleiras sua nova Lumix FX77. A Lumix FX77 possui resolução 12.1 Megapixel, bastante comum em produtos do gênero. A novidade, contudo, reside no modelo possuir um ‘Salão de Beleza’ integrado a ele, o que imediatamente chamou atenção de uma boa e específica parcela de consumidores.

Panasonic Lumix FX77 (Foto: Reprodução)

Panasonic Lumix FX77 (Foto: Reprodução)

Com apelo visual bastante feminino e notoriamente voltado às adolescentes por causa deste novo recurso, a FX77 possibilita maquiar fotos sem o mínimo trabalho: a câmera utiliza tecnologia de reconhecimento facial, que lhe ajudará a editar as fotos facilmente após batê-las. Com isso, pode-se maquiar a pessoa fotógrafada, clarear seus dentes, retirar olheiras e rugas, dar aquela bronzeada e muitos mais, por meio de um programa específico.

A Lumix FX77 foi lançada, até agora, exclusivamente, no Japão pelo valor equivalente a $398. Como já era esperado, esse modelo tem causado euforia em jovens desse país, sabidamente tomadas como fotógrafas inveteradas e, claro, vaidosas. A Panasonic acertou em cheio com essa ação, mas ainda não há previsão de lançamento da FX77 fora do mercado nipônico.

Mesmo ficando restrita a esse país, a Panasonic trouxe uma boa inovação, que certamente dará fôlego ao abalado mercado de câmeras fotográficas ‘convencionais’. Com seu ‘Salão de Beleza Inside’, quem sabe a marca não inaugurou um novo padrão, além do de beleza, neste segmento. Parece que sim.  

__________________________________________________________________________________

Samsung mostra Galaxy S 2 e Galaxy Tab 10.1 (14/02/11)

                                       Novo Samsung Galaxy S II está mais poderoso

BARCELONA - A Samsung anunciou hoje dois novos produtos para o seu portfólio de dispositivos com Android, incluindo uma atualização do smartphone Galaxy S e um novo tablet com mais potencial para concorrer com o iPad do que o atual Galaxy Tab.

O Galaxy S II tem uma super tela AMOLED de 4.3 polegadas, processador dual-core de 1GHz, e roda a plataforma Android 2.3 Gingerbread, do Google.

Além disso, conta com a interface exclusiva TouchWiz 4.0, câmera de 8 megapixels, flash LED e é capaz de gravar vídeos a 1080p, com saída HDMI. Em termos de conexão, tem tecnologia NFC, WiFi, HSPA e Bluetooth 3.0+HS.

Até agora, não foram divulgados preço e data de início das vendas.

Outra novidade do dispositivo é o suporte a NFC, permitindo transações e interações sem a necessidade de contato. capacidade que está ganhando suporte de fabricantes como Nokia, Apple, LG e RIM.

leg

Galaxy Tab II tem tela maior e irá adotar sistema Android 3.0 (Honeycomb), específico para tablets

O segundo lançamento da Samsung, o Galaxy Tab 10.1 (referência ao tamanho da tela), é baseado na plataforma Honeycomb, versão 3.0 do Android, para tablets, e mantém a parceria com o grupo Vodafone.

O novo tablet da marca possui processador dual-core de 1GHz, porta USB 2.0. WiFi, Bluetooth 2.1, acelerômetro e sensor de proximidade, e enfrenta dignamente o iPad, da Apple. O aparelho chegará às lojas em março em duas versões: com 16 e 32 GB.

__________________________________________________________________________

CES 2011: Os novos rivais do iPad (09/01/11)

Primeiro tablet da Motorola, o Xoom vem com processador de dois núcleos de 1 GHz e versão 3.0 do Android, ou Honeycomb, desenvolvida especificamente para tablets

 

Antes de a Consumer Electronics Show (CES) 2011, a maior feira de eletrônicos do mundo, começar em Las Vegas (EUA), os organizadores do evento afirmaram que os fabricantes apresentariam mais de 100 novos modelos de tablets.

Como previsto, muitos fabricantes, inclusive desconhecidos, apresentaram na feira suas apostas para roubar um pedaço do mercado do iPad, tablet da Apple, que domina o mercado até agora. Confira os tablets lançados durante a CES 2011 que têm maior potencial ser rival do iPad.

(Claudia Tozetto, iG São Paulo)

 

LePad, tablet da Lenovo, pode ser encaixado na tampa do notebook. Ele tem tela de 10,1 polegadas e roda Android 2.2

Acer apresentou notebook com duas telas sensíveis ao toque. Usuário pode exibir teclado virtual na tela de baixo

Asus apresentou quatro tablets durante o evento. O aparelho mostrado na foto é o Eee Slate EP121 que roda Windows 7

A Dell apresentou uma nova versão do tablet Streak, com sete polegadas. Ele vem com chip de dois núcleos Tegra 2, da NVidia e Android 2.2. Na foto, ele aparece com o Streak 5

O tablet PlayBook da RIM, fabricante dos celulares BlackBerry, foi demonstrado pela primeira vez na feira. Ele tem tela de 7 polegadas e terá versões com memória de 16, 32 e 64 GB

A Panasonic anunciou que oferecerá um tablet no futuro, o Viera Tablet. Contudo, o protótipo apresentado na feira ainda não tem data definida para ganhar uma versão final

A Samsung anunciou uma versão híbrida de notebook e tablet com teclado deslizante

A Samsung também anunciou que em breve chegará às lojas uma versão do tablet Galaxy Tab apenas com conexão Wi-Fi

 

 A Sharp também anunciou uma linha de tablets, chamada Galapagos. Os produtos, no entanto, não devem chegar ao Brasil

 O Toshiba Tablet já vem com a versão 3.0 do Android, a Honeycomb. Ele deve ser vendido por US$ 499 nos EUA

_________________________________________________________________________________

Lady Gaga & Polaroid (07/01/11)

 

A Consumer Electronics Show (CES), uma das maiores feiras eletrônicas internacionais, abriu as portas da edição de 2011, nesta quinta-feira (06.01), com novidades de deixar até os mais modernos de queixo caído. Uma das novas que mais chamou a atenção foi a nova linha de produtos da Polaroid. Criada em parceria com Lady Gaga, a Grey Label tem gadgets dignos de Matrix. Entre os produtos, destaque para óculos de sol que funcionam também como câmeras de vídeo e foto e exibem as imagens em sua lentes, duas pequenas telas de led de 1.5 polegadas. Na haste, uma entrada USB que pode transmitir as imagens via bluetooth. Legal, vai?! Pois ainda tem mais. A Grey Label tem também uma mini impressora digital para imagens feitas de qualquer celular com conexão bluetooth, câmera digital ou computador. E sem tinta – que tinta é coisa do passado. Ah, e como não poderia deixar de ser, há uma câmera digital. A da Gaga tem 12 megapixels, imprime imediatamente as imagens – seguindo os preceitos da marca – e tem uma tela de LCD na parte de trás, para que você possa visualizar as imagens antes da impressão. Incrível, né?

Os produtos devem chegar às lojas em breve, e os preços não devem ser dos mais caros (diz que a impressora vai custar apenas U$S 149). Espanque o seu porquinho. (RG)

_____________________________________________________________________________ 

Motorola apresenta Xoom, o primeiro tablet com Android Honeycomb (06/01/11)

Motorola Xoom - CES 2011

Motorola Xoom é exibido na CES 2011

São Paulo – Um dos lançamentos mais aguardados da feira Consumer Electronics Show (CES) 2011, que ocorre em Las Vegas, nos Estados Unidos, foi revelado nesta quinta-feira (6) pela Motorola. Trata-se do tablet Xoom, o primeiro a utilizar um processador dual core e o primeiro com o sistema operacional Android 3.0 (Honeycomb), apresentado pelo Google na quarta-feira (5).

O novo concorrente do iPad, da Apple, vem com processador de 1 GHz, tela de 10,1 polegadas multitouch de 1280 por 800 pixels, conectividade 3G e Wi-Fi e saída de vídeo com resolução 1080p via HDMI ou DLNA. Nos Estados Unidos, o tablet chega ao mercado ainda no primeiro trimestre pela operadora Verizon Wireless. A fabricante anunciou ainda que fará uma atualização no segundo trimestre que tornará o aparelho compatível com redes 4G.

Os preços do dispositivo não foram anunciados. A assessoria de imprensa da Motorola no Brasil informa que ainda não há uma previsão para o lançamento do Xoom no país. (Célio Yano)

Motorola Xoom

Tablet tem tela multitouch de 10,1 polegadas com resolução de 1280x800

 

Motorola Xoom

Dispositivo tem conectividade 3G e Wi-Fi

Motorola Xoom

Tablet estará a venda neste primeiro trimestre nos Estados Unidos

_____________________________________________________________________ 

Playbutton: Um bottom que toca mp3 (30/12/10)

Os iPods shuffle e nano podem ser minúsculos e práticos, só que dificilmente serão tão estilosos quanto um bottom que toca mp3. Ainda mais por que o Playbutton é estampado com a capa do CD que contém.

 

Criado por uma start-up nova-iorquina, o Playbutton é, basicamente, um bottom com um mp3 player embutido. Na parte de trás ele tem apenas os botões de play e pause, controlar volume e pular faixas. Pois é, não há “shuffle” ou “menu”. A propósito, ele chega da fábrica com somente um CD na memória de 256 MB e não há interface para colocar novas faixas pelo computador

Decepcionante? Na verdade não. É que a ideia é comprá-lo e ouvi-lo como se fosse um CD, mas com música no formato digital.

Nick Dangerfield, fundador da empresa, explica a ideia inusitada com uma justificativa simples: embora a música agora seja consumida digitalmente e possa caber em aparelhos pequenos, muita gente sente falta de uma mídia física para mostrar aos outros o que está ouvindo ou revelar apoio aos artistas de que gosta. O bottom, que vem com um álbum determinado e uma estampa relacionada ao CD, cumpre esse propósito. Os nostálgicos ou retrôs agradecem.

Segundo a BBC, o bottom será lançado em fevereiro de 2011 com oito opções de CDs, todos de bandas alternativas. O preço pode ser determinado pelas bandas, embora Dangerfield considere 15 dólares um valor justo. Para torná-lo legal de verdade, só falta fazer parcerias com artistas mais conhecidos. Afinal, quantos fãs será que a banda alemã Oval tem nos Estados Unidos ou no Brasil? Priscila Jordão

___________________________________________________________________________________
Relógio-conceito 'Kisai Satellite' chega às lojas no Japão (08/12/10)

O relógio conceito Kisai Satellite foi votado pelos fãs da empresa Tokyo Flash para ser fabricado e vendido em lojas do Japão. Ele estará disponível nas cores preto e branco, ao preço de cerca de US$ 100. Segundo o fabricante, o funcionamento do relógio é simples. O círculo maior representa as horas; o médio, os minutos; e o menor, os segundos.

______________________________________________________________________________

Sennheiser anuncia fone da Adidas (04/12/10)

A grife de áudio Sennheiser fechou uma parceria com a marca Adidas e lançou uma nova linha de fones com três listras. Os gadgets vêm em três modelos cheio de estilo e com um público específico para cada um. O maior deles, o HD 25, é indicado para DJs. Ele é extra-auricular com cada um dos lados independentes e estofados. Eles evitam a entrada de ruído no fone, mas o aparelho não tem redução de ruído eletrônica. O nível de pressão sonora é de 120 dB com frequência de resposta de 16 a 2.200 Hz. O cabo tem 1,5 metro de comprimento com plugue de 3,5 milímetros. O HD 220 também é extra-auricular, mas é menos potente que o HD 25. Ele tem frequência de resposta de 19 a 21.000 Hz e pressão sonora de 113 dB. Ele também é um pouco menor que o HD 25, pesando 90 gramas. Seu cabo tem 1,4 metro.

O último modelo da linha é o intra-auricular CX 310s. Salvo essa mudança em relação ao HD 220, as especificações são iguais. A pressão sonora é de 113 dB e a frequência vai de 19 a 21.000 Hz. O fone, de apenas 10g, tem três tamanhos de earbuds (a peça que vai encaixada no canal auditivo). Os produtos já podem ser encontrados na loja online da Sennheiser.(http://goo.gl/52XYy) [Felipe Maia] ____________________________________________________________________________

Celular 3D que não precisa de óculos é lançado no Japão (09/11/10)

A operadora japonesa NTT Docomo anunciou na segunda-feira um celular que exibe imagens 3D que não precisa de óculos especiais. O Lynx 3D é fabricado pela Sharp e deve começar a ser vendido em dezembro. O smartphone roda Android 2.1 e tem previsão de atualização para a versão mais recente do sistema operacional do Google, o Android 2.2, em 2011. O Lynx 3D tem tela de 3,8 polegadas, TV digital e infravermelho. O evento da NTT apresentou sua nova linha de telefones celulares. O presidente da operadora, Ryuji Yamada, foi acompanhado do personagem Darth Vader, de Star Wars, que será o "garoto-propaganda" do novo celular. A companhia apresentou também um telefone em formato de biscoito, o SH-04C, também fabricado pela Sharp

O presidente da operadora, Ryuji Yamada, foi acompanhado do personagem Darth Vader, de Star Wars, que será o "garoto-propaganda" do novo celular

Lynx 3D tem tela de 3,8 polegadas e roda Android 2.1. O aparelho deve ser atualizado para o Android 2.2 no ano que vem

Empresa anunciou também o SH-04C, celular em formato de biscoito _______________________________________________________________________________

Aparelhos com Windows Phone 7 chegam às lojas dos EUA (08/11/10)

(vice-presidente corporativo e diretor de Windows Phone Program Management, Joe Belfiore, segura seu protótipo de aparelho Samsung executando o Windows Phone 7 no campus da Microsoft em Redmond, Washington. Photo: Mike Kane/Wired.com Foto: Mike Kane / Wired.com) O primeiro lote de smartphones com Windows Phone 7 chegaram às lojas dos Estados Unidos nesta segunda-feira (8). As informações são do site da revista Wired. São três aparelhos disponíveis: o HTC HD7, o HTC Surround e o Samsung Focus. Os preços listados são de US$ 200, mas podem haver descontos. De acordo com o site da "Wired", todos os telefones trazer processador Snapdragon, 256 Mbytes de RAM e ao menos 4 Gbytes de memória flash. __________________________________________________________________________

Barnes & Noble tem reader colorido (27/10/10)

A rede de livrarias Barnes & Noble obteve um sucesso estrondoso nos Estados Unidos com seu e-reader Nook, usando tecnologia e-ink. Agora ela resolveu dar um passo adiante. O novo Nook Color abandonou o e-ink e adotou o LCD colorido.

Existem muitos fãs do e-ink, que praticamente elimina os reflexos na tela. De fato, não existe tecnologia melhor para ler livros eletrônicos. Mas também é verdade que muitos donos de e-readers sentem falta de um display colorido. Por isso, o Nook Color adota um display de LCD de 7 polegadas. Pelo jeito, a ideia é concorrer com o iPad, pois o reader tem sistema operacional baseado em Android e recursos de tablet. Isso pode ser uma boa ideia, desde que o antigo Nook continue vivo para quem prefere o e-ink. O Nook Color, para compensar os revezes da tela de LCD, usa tecnologia IPS para aumentar o ângulo de visão do LCD comum. A tela também teria uma boa resolução de 1024 por 600 pixels (a mesma do Galaxy Tab) e um filme para reduzir reflexos. Ele terá 8 GB de memória, Wi-Fi n e entrada para microSD, mas não 3G. O acesso a aplicativos não é pelo Android Market, mas pela loja da Nook. O aparelho de 249 dólares será vendido a partir de novembro.( Priscila Jordão) ___________________________________________________________________________

Fabricante do BlackBerry mostra PlayBook novo tablet da companhia  (27/09/10)

A canadense Research in Motion, fabricante dos celulares BlackBerry, anunciou nesta segunda-feira (27) a criação do tablet touchscreen "PlayBook". Concorrente do iPad, ele terá como público-alvo o consumidor corporativo, apesar de inicialmente ser vendido apenas com sistema de conexão à internet via rede wi-fi. A RIM afirmou que, no futuro, criará modelos com conexão 3G e 4G, por rede de dados via celular.

O aparelho, compatível com Flash e menor que o iPad, deve chegar ao mercado americano no início de 2011. São 400 gramas, contra 680 do equipamento da Apple. O lançamento internacional foi prometido pela RIM para o 2º trimestre de 2011. O preço inicial não foi divulgado. "É o primeiro tablet profissional do mundo", disse o Chief Executive Officer (CEO) da RIM, Micke Lazaridis, enquanto mostrava o aparelho em um evento realizado em São Francisco.

O "PlayBook" é mais um dos vários computadores tablet lançados para concorrer com o popular iPad, da Apple, e a primeira incursão da RIM fora do mercado de celulares. O "PlayBook" tem tela touchscreen de 7 polegas, menor que a do iPad, e roda o software Adobe Flash, que não funciona no aparelho da Apple. "Você poderá ter toda a experiência da web", afirmou Lazaridis, enfatizando a integração do aparelho com o smartphone BlackBerry, o favorito entre os homens de negócios. Os usuários do smartphone podem conectar seus aparelhos com o PlayBook usando uma conecção Bluetooth para usar emails, calendário, documentos e outros conteúdos.

O "PlayBook" é equipado com um processador de dois núcleos (dual-core) com velocidade de processamento de 1 GHz e 1 GB de memória RAM. Diferentemente do iPad, da Apple, o aparelho já chega com duas câmeras instaladas: uma frontal, de 3 MP, para chats em vídeo, e outra traseira, de 5 MP. Apesar da tela não suportar a exibição de vídeos em Full HD (1080 linhas), a câmera é capaz de capturar em resolução máxima. Pela saída HDMI, presente no aparelho, é possível exibir as imagens em uma TV Full HD. _________________________________________________________________________

Site ThinkGeek lança case com teclado QWERTY para iPhone  (23/09/10)

O site ThinkGeek oferece uma opção para quem quer acoplar um teclado ao iPhone. O acessório se chama TK-421 e é um suporte flip com teclado QWERTY integrado que transforma o smartphone da Apple numa espécie de Blackberry estilizado. O case funciona via tecnologia bluetooth e é compatível para envio de emails, navegação em browser, atualização de calendários e editores de texto. O site informa que as quantidades são limitadas. O acessório estará disponível em meados de novembro para as versões 3GS e iPhone 4 pelo valor de US$ 49,99. _________________________________________________________________________

HP anuncia TouchSmart 310 e o Omni 100, dois modelos tudo-em-um (22/09/10)

A HP aumentou sua família de tudo-em-um com dois novos modelos, o TouchSmart 310 e o Omni 100. Ambos têm tela de 20 polegadas com resolução de 1600 x 1900 pixels. A maior diferença é, como o nome sugere, a tela sensível ao toque do primeiro PC, na foto acima. O TouchSmart 310 tem um software específico para telas sensíveis ao toque e que permite baixar aplicativos preparados para o display. As especificações básicas dele são um processador AMD Athlon II de 2,8 GHz com RAM DDR3 de 4GB. Sua placa de vídeo é uma ATI Radeon 4270. Ele tem HD de 1 TB, mas pode sair da loja com 2 TB de capacidade. Ele tem Bluetooth, Wi-Fi, leitor de cartões e antena de TV digital. O som fica por conta de dois alto-falantes integrados.

O Omni 100 tem processador Athlon II de 1,8 GHz e 3 GB de RAM DDR3. Seu HD é de 500 GB, mas, assim como o TouchSmart 310, pode receber upgrade com um HD de de 1 TB. A placa de vídeo também é uma ATI Radeon 4270, bem como o Wi-Fi, leitor de cartões e dois alto-falantes embutidos. Em vez do TouchSmart, o PC vem com o software MediaSmart — um sistema operacional mais rápido e para funções básicas. Os dois computadores vem com teclado e mouse. O preço do TouchSmart 310 é de 700 dólares e o Omni 100 custa 500 dólares. Os aparelhos chegam às lojas dos Estados Unidos nesta semana. (Felipe Maia)

_____________________________________________________________________________

Galaxy Tab chega em outubro ao Brasil (20/09/10)

O tablet Samsung Galaxy Tab chega ao Brasil por R$ 2.699,00 em outubro, segundo Silvio Stagni, vice-presidente da Divisão de Telecomunicações da Samsung. Stagini informou ao Estadão que o tablet será produzido no Brasil e terá TV Digital. O executivo acredita que haverá uma grande expansão no mercado de tablets. “Além do mercado de consumo, existem várias empresas interessadas em trocar o laptop pelo tablet”, afirma.

O Galaxy Tab possui tela de 7 polegadas, conexões 3G e WiFi, processador ARM Cortex A8 de 1 GHz, processador gráfico PowerVR SGX540, câmera de 3.2 megapixels com flash, que pode gravar vídeos em 720 x 480 pixels, câmera frontal VGA e bateria de 7 horas. No Mercado Livre o tablet pode ser encontrado por R$ 1.800,00. O aparelho, que ainda está em processo de homologação pela Anatel, será comercializado pelas operadoras e pelo varejo.(Cauã Taborda, de INFO Online ) ________________________________________________________________________

Nokia lança três novos smartphones com Symbian (15/09/10)

A Nokia anunciou ontem durante o Nokia World 2010, evento anual da companhia, três novos smartphones com o novo sistema operacional Symbian¿3. São eles o C6 e o C7, mais básicos, e o E7, voltado ao mercado corporativo, que fazem companhia ao N8, anunciado em meados deste ano.

(O E7 é o modelo voltado para o mercado corporativo) "Não é hora de falar do passado. Queremos construir experiências com nosso aparelhos, já que a Nokia inventou o smartphone. Não adianta criticar o N8 ao ver apenas as fontes e widgets, é como ver um carro e criticá-lo por seu painel, não pelo motor que ele tem", disse Anssi Vanjoki, vice-presidente de aparelhos que pediu demissão da companhia ontem à noite (e manteve sua palestra no evento, já que ele fica por mais seis meses no cargo).

(O Nokia C6 tem uma tela sensível ao toque com tecnologia AMOLED (mais eficiente no consumo de energia) e 3,2 polegadas de tamanho) O Nokia C6 foi o primeiro que Vanjoki mostrou. O smartphone tem uma tela sensível ao toque com tecnologia AMOLED (mais eficiente no consumo de energia) e 3,2 polegadas de tamanho. O aparelho conta com a nova tecnologia "CBT", ou "ClearBlack Technology", que, nas palavras do executivo, aumenta o contraste e deixa a tela ainda mais nítida, e será vendido pelo preço sugerido de 260 euros (equivalente a pouco mais de R$ 575).

(O modelo C7 é o irmão maior do C6, com tela de 3,5 polegadas e acabamento em aço escovado) Já o C7 é o irmão maior do C6, com tela de 3,5 polegadas e acabamento em aço escovado, e preço sugerido de 335 euros (equivalente a cerca de R$ 740). Ambos dão acesso aos serviços OVI, da Nokia, como mapas e downloads de música, assim como a redes sociais de todo o mundo ¿ até o Orkut, sucesso no Brasil, foi citado no discurso do executivo. Os dois aparelhos também fazem vídeos em alta definição (720p). Finalmente, o E7 é o novo aparelho voltado ao mercado corporativo, com uma tela de 4 polegadas e teclado QWERTY integrado, acesso a serviços Ovi e integração com a plataforma Exchange, da Microsoft. O aparelho, nas palavras de Vanjoki, tem design inspirado no Nokia Communicator, primeiro smartphone da companhia lançado em 1996. O aparelho será vendido pelo preço sugerido de 495 euros (equivalente a cerca de R$ 1,1 mil).

(E7 é o aparelho voltado ao mercado corporativo, com uma tela de 4 polegadas e teclado QWERTY integrado, acesso a serviços Ovi e integração com a plataforma Exchange, da Microsoft) Aparelhos com o sistema operacional Meego, feito em parceria com a Intel, serão anunciados até o final do ano, segundo a Nokia. Os novos smartphones com Symbian^3 chegam às lojas até o final do ano. Vanjoki ressaltou que os três novos smartphones foram projetados para minimizar o impacto no meio ambiente, sendo produzidos sem poluentes e com metais reciclados (C7) e "biotinta" (C6). [Henrique Martin] ________________________________________________________________________

Panasonic apresenta filmadora que troca lentes (13/09/10)

Ela é feita para quem tem dinheiro no bolso, mas representa um grande avanço para o mundo da filmagem. A AG-AF100 é a primeira filmadora a aceitar o padrão de lentes intercambiáveis Micro Four Thirds (compatível com lentes Leica e Nikon, com o uso de adaptadores) e a ter um sensor do tamanho dessas câmeras, equivalente a 35 milímetros. O detalhe é o preço: 10.000 dólares.

Isso significa que alguns benefícios que antes estavam restritos ao universo da fotografia agora chegam também ao da filmagem. A variedade incrível de lentes usadas só nas fotos congeladas vão estrear na filmadora da Panasonic, por um preço menor que o das super câmeras dos cineastas. Como as olho de peixe, responsáveis pelas fotos redondinhas, e as grande-angulares. Apesar das semelhanças com as câmeras, a AG-AF100 vai além, filmando em full HD a até 60 frames por segundo. Há várias outras opções de resoluções e de frequência dos frames, algo bastante limitado em câmeras fotográficas. Os arquivos, no formato AVCHD, vão para dois cartões SDXC. A bateria deve durar de 12 a 48 horas, segundo a Panasonic. Já o som, no padrão Dolby Digital, tem dois canais. A filmadora é chamada de AG-AF105 no Japão, onde será lançada em dezembro. Priscila Jordão _____________________________________________________________________________

Televisão OLED 3D mais fina do mundo da LG pode custar meros 9.000 dólares (04/09/10)

Depois de mostrar uma belezinha com 15.1" no ano passado, a LG aumentou o jogo com um monstro de 31". Ela é agora a 3DTV OLED mais fina do mundo - mas isso não significa tanto quando a única outra marca com 3DTVs OLED é a Sony. A breve olhada que eu dei nela me mostrou que ela é tão brilhante quanto o modelo de 15 polegadas, e muito fina, com 0,29cm. A fina borda e a traseira prateada dão um ar todo luxuoso, mas será que é luxo o suficiente para valer os US$ 9.000 que os rumores dizem que ela irá custar? (Kat Hannaford)

__________________________________________________________________________

A Samsung anunciou nesta quinta, na IFA Berlin 2010, o Galaxy Tab (02/09/10)

Depois de quase três meses desde que a primeira foto do tablet da Samsung foi divulgada, a empresa anunciou oficialmente sua entrada no mercado de tablets, com o Galaxy Tab. A empresa divulgou os detalhes sobre o tablet durante um evento um dia antes da IFA, feira de eletrônicos que acontece em Berlim, na Alemanha, entre 3 e 8 de setembro.

A Samsung anunciou nesta quinta na IFA Berlin 2010 o Galaxy Tab, seu primeiro tablet com sistema operacional Android. O aparelho, segundo a fabricante, se encaixa em um novo conceito de produto que "não é um Tablet PC, é um dispositivo inteligente de mídia". O Galaxy Tab roda Android 2.2 (o mais recente) e tem uma tela sensível ao toque de 7 polegadas (600 x 1024 pontos), câmera de 3 megapixels com flash LED integrado, 3G, Wi-Fi, processador A8 (Cortex) de 1 GHz, GPS e capacidades multimídia, incluindo a reprodução de vídeos no formato DivX. O tablet da Samsung é compatível com Adobe Flash 10.1 e vem com o software Swype, para digitação de textos de forma mais rápida.

Segundo uma pesquisa feita pela Samsung e citada durante a apresentação do Galaxy Tab na manhã desta quinta em Berlim, 52% dos consumidores querem um tablet para estarem conectados em movimento, 90% querem e-mail móvel e 70% querem comunicações integradas no tablet. O Galaxy Tab, diferente do iPad, consegue fazer e receber ligações pela rede da operadora. O preço do Galaxy Tab não foi informado. O aparelho será lançado em setembro na Europa e nos meses seguintes na Ásia e Estados Unidos.

 
____________________________________________________________________________

Dell lança Aero e entra no mercado de smartphones nos EUA (24/08/10)

A Dell marcou sua entrada no concorrido mercado de smartphones norte-americano nesta terça-feira com o Aero, aparelho Android com tela de 3,5 polegadas que será vendido a US$ 100 pela operadora AT&T. O lançamento já é esperado há tempos, e coloca a fabricante de PCs em concorrência direta com a líder do mercado de smartphones Apple, além de toda uma variedade de aparelhos que também usam o sistema operacional do Google.

A Dell afirmou que o preço do novo smartphone, junto com um contrato de 2 anos com a AT&T, será de US$ 100, ou US$ 300 avulso. A companhia disse ainda que o Aero é um dos smartphones mais leves do mercado norte-americano, e irá operar o software Flash, da Adobe Systems. Isso destaca a Dell frente à Apple, que se recusou a permitir o uso do programa em seus aparelhos. A fabricante de PCs norte-americana lançou seu primeiro smartphone, o Mini 3, em 2009, na China. A empresa também lançou seu tablet nos EUA este mês, para concorrer com o iPad da Apple. O Streak conta com uma tela de 5 polegadas e sistema operacional Android, além de poder ser usado para fazer ligações através da rede da AT&T.

O mercado global de smartphones deve crescer 36%, para 247 milhões de unidades em 2010, ante a venda de 182 milhões de unidades registrada em 2009, segundo o grupo de estudos iSuppli. (DA REUTERS, EM LOS ANGELES) __________________________________________________________________________

Suposto Nokia N9 posa para fotos (19/08/10)

Basta dizer a palavra MeeGo para deixar os fãs da Nokia morrendo de ansiedade, então isso pode não passar de uma pegadinha. Mas se dermos um voto de confiança aos boatos da internet pela segunda vez no dia, podemos estar diante das fotos do N9, o primeiro aparelho da fabricante a rodar o sistema operacional da Intel e da Nokia, baseado em Linux.

As fotos que surgiram em um site chinês mostram um aparelho metalizado e com toda a cara de hardware da Apple. Não, nem adianta comparar com iPhone. O N9 exibe um teclado QWERTY físico que é a cara da Nokia, embora remeta à Apple pela combinação do preto com a carcaça prateada. Já a telona e o corpo com pontas recortadas fazem pensar no N8, apesar de ele não ter teclado físico. Outro aparelho surgido em junho também poderia ser o N9, mas já que o de hoje contém uma clara indicação de nomenclatura (do lado esquerdo do teclado), o smartphone de antes deve pertencer à categoria dos N8.

O suposto protótipo posando nas fotos teria lançamento programado para dezembro e não é a versão final do aparelho. Alguns sites, como o Engadget, declaram ter recebido confirmações de que o protótipo consta nos sistemas internos da Nokia. ( Priscila Jordão) _______________________________________________________________________

Vazam imagens do novo mouse Arc Touch da Microsoft  (18/08/10)

O modelo revelado tem a tradicional curvatura, característica de todos os mouses, mas pode ser esticado para facilitar o transporte. Apresenta indicador do nível de bateria, funciona em praticamente qualquer superfície, graças à tecnologia Bluetrack, e vem com um receptor USB minúsculo de 2,4 GHz.

Você se lembra do mouse Arc Touch da Microsoft? Ele ainda não foi lançado, nem mostrado oficialmente pela empresa, mas uma loja alemã parece ter se adiantado e, por descuido ou não, revelou imagens do novo gadget da Microsoft Hardware, divisão responsável pelos consagrados acessórios da empresa. Outro detalhe que se destaca é a "bolinha" de rolagem de páginas, aqui substituída por uma superfície sensível a toques.

Na Alemanha, ainda segundo a loja que vazou as imagens, o preço do Arc Touch é de 69,99 euros (equivalente a pouco mais de R$ 157), apenas 0,99 euros a mais que o Magic Mouse e Magic Trackpad, acessórios da Apple com finalidade semelhante. Como a loja diz que o envio leva de cinco a dez dias, se tudo que consta lá for legítimo, a confirmação da Microsoft não deve demorar a ser feita. Outras imagens podem ser vistas na galeria do Engadget pelo atalho http://bit.ly/bH4pJI.

___________________________________________________________________________

RIM traz BlackBerry Pearl 3G ao Brasil (18/08/10)

A RIM vai trazer seu BlackBerry Pearl 3G para o Brasil e para outros países da América Latina. O modelo compacto chega por aqui até setembro. O aparelho roda com um processador de 624 MHz e tem memória RAM de 256 MB. A capacidade de armazenamento interna é de 256 MB e pode ser expandida para até 32 GB com o cartão microSD.

 

A tela do aparelho tem uma resolução baixa, de 360 x 400 pixels. Como não é touchscreen, o smartphone tem teclado QWERTY e vários botões específicos, inclusive aquele pequeno trackpad central. Nas conexões, o Pearl 3G tem Wi-Fi b/g/n, Bluetooth e, claro, 3G. A câmera do aparelho tem 3,2 megapixels de resolução e flash embutido. Ele também tem GPS. A RIM ainda não revelou os preços aqui no Brasil, nem desbloqueado, nem em operadoras. Nos EUA, ele custa 100 dólares no contrato de dois anos. Na Índia, onde foi lançado primeiro, custa 12 mil rúpias (460 reais). Quem sabe para nós vem uma média entre os dois preços? ( Felipe Maia) ___________________________________________________________________________________ Teclado curvado da Microsoft 'Arc Keyboard' chega por 199 reais (17/08/10)

Depois de levar linhas inspiradas ao design de seu Arc Mouse, a Microsoft estendeu a criatividade também aos teclados. O Arc Keyboard, teclado curvado da marca, acabou de chegar ao Brasil e combina com o Arc Mouse até no preço. O que o dono terá é basicamente um teclado wireless de tamanho reduzido (frequência 2.4 GHz com nano receptor). A diferença está puramente no design, elevado na parte de cima para facilitar a digitação. Já as teclas são mais finas, como as de um notebook, e a largura é menor, de 31 centímetros.

Ser leve e compacto é uma vantagem para os teclados wireless, é claro, mas eles não têm apenas benefícios. Para ser menor, ele acaba deixando de fora o precioso teclado numérico e ainda junta todos os botões direcionais em um único (na parte inferior direita). O preço será o mesmo do Arc Mouse, que barateou, estacionando em 199 reais. Ele tem três anos de garantia. ____________________________________________________________________

Tablet da Dell começa a ser vendido nos EUA (11/08/10)

O aparelho oferece uma tela de 5 polegadas com uma câmera de 5 megapixels, conectividade 3G, Wi-Fi e Bluetooth

O Streak é o primeiro híbrido entre tablet e telefone da Dell

O aparelho vem com Android 1.6 instalado

O produto começa a ser entregue até o final da semana nas lojas e para consumidores que efetuaram compra antecipada online nos EUA

A Dell vai vender o Streak desbloqueado, sem contrato, pelo preço sugerido de US$ 549,99 - cerca de R$ 970 ____________________________________________________________________________

Bicicleta com LEDs tem a roda iluminada (09/08/10)

Você pode não ter dinheiro suficiente para comprar uma réplica das motos usadas no filme Tron: Legacy, à venda no eBay. Mas talvez possa comprar uma bicicleta com rodas iguais às da aventura. Patenteada como Cyglo, a invenção do britânico James Tristam consiste em pequenas lâmpadas de LED incorporadas à borracha do pneu da bicicleta. Com ela em movimento, cria-se a ilusão de um halo futurista na roda.

Os LEDs só ficam acesos quando a energia cinética da bicicleta se transforma em energia elétrica, ou seja, quando a bike está em movimento. E quem acha que as lâmpadas vão se quebrar na primeira volta pode se acalmar, pois, a não ser que o pneu fique careca, elas não encostam no chão. A ideia original de Tristam é com segurança em passeios noturnos, como conta em seu site ( http://www.nightbrighttyre.com ). Lá também é possível saber mais sobre a Cyglo e ver uma animação do seu funcionamento. O modelo ainda não está à venda, mas aposto que será mais barato que a moto no eBay.(Felipe Maia)

____________________________________________________________________

Veja as novas guitarras de Guitar Hero mais de perto (09/06/10)

O Guitar Hero 6: Warriors of Rock vem aí. E, com ele, 90 músicas novas. Só que a maior novidade do game, dessa vez, não é o que tocar, e sim como tocar. É isso aí, os controles receberam uma atualização. Algumas fotos das guitarras já deram um gostinho do que vem por aí, e agora saiu um vídeo mostrando mais detalhes. Quebra um galho, se você já estiver tremendo de vontade de pôr seus dedos de rockstar nelas. A principal alteração nas guitarras é a possibilidade de trocar seus corpos, já que o circuito e a parte eletrônica estarão somente no braço do “instrumento” e na sua extensão. Quem tem alguma simpatia por vikings ou heavy metal nórdico, ao estilo de Blind Guardian, com certeza vai gostar da edição limitada com forma de machado. Outra novidade é que o botão do Star Power ganhou mais atenção. Antes ele era mais difícil de apertar e podia dificultar o jogo nas músicas mais cabulosas. Na nova versão, ele vai ter mais destaque, com um tamanho maior. Também vai ficar mais fácil tocá-lo com a palma da mão. A alavanca para “dedilhar” também ganhou contornos mais definidos e curvas para ter mais ergonomia.

Já os botões presentes na base do braço, em algumas edições das guitarras, foram eliminados. Agora o compartimento para baterias e WiiMote ocupa seu lugar. No caso do Wii, coloque o WiiMote. No caso do PS3 ou do Xbox, as pilhas. Dentro da abertura também fica a trava para trocar as peças que compõem o corpo. Alguns podem não ter gostado tanto, mas as mudanças servem para dar um gás no jogo, que não trazia grandes novidades há tempos. Ele está previsto para chegar aos Estados Unidos no outono do hemisfério norte, equivalente à primavera daqui.
_________________________________________________________________________

iPed, o clone chinês do iPad (01/06/10)

E as cópias quase idênticas do iPad continuam aparecendo. O produto made in China da foto acima tem processador Intel Atom e funciona com uma versão do Android totalmente modificada. É o iPed, que vem com míseros 128 MB de RAM e 16 GB de espaço interno. No vídeo abaixo, pode-se ver o aparelho funcionando com certa lentidão. O tablet está à venda em Shenzhen, cidade da China que abriga uma das mais promissoras zonas econômicas especiais para a dinastia Xing-ling.

Com hardware pouco taxado e fácil acesso a componentes de fábricas como a Foxconn — a mesma que teve dez casos de suicídio recentemente —, qualquer cópia dá as caras por lá em questão de tempo. O clone do iPad é vendido a 105 dólares, três vezes mais barato que a versão mais simples do tablet da Apple. Será que o custo-benefício vale a pena?
_________________________________________________________________________________

A tela de 19 polegadas transparente de AMOLED da Samsung (25/05/10)

Quanta informação estranha junta, Jesus. A Samsung tá disparando na frente de novo e apresentou a primeira tela AMOLED transparente de 19 polegadas. Anteriormente, algo parecido foi apresentado na CES de janeiro, mas a tela só tinha 14 polegadas. Ao que parece, a empresa irá usar o equipamento para publicidades futurísticas, tipo Minority Report.(PP)

__________________________________________________________________________________

Kin, os smartphones da Microsoft (13/04/10)

Apple, Google e Microsoft. E a gente não precisa de mais nada. Com o slogan “É tempo de Compartilhar”, a Microsoft lançou a linha de smartphones Kin, que tem como alvo o público jovem, já que, bem, como o slogan diz, a intenção é compartilhar coisas pela web.

Kin One _ Os modelos chegam às lojas norte-americanas em maio e serão lançados dois aparelhos, o Kin One e o Kin Two. Claro, ambos terão o Bing como site de buscas e serão touchscreen, além de contarem com teclado expandível QWERTY. Os aparelhos contam com conexão 3G e o pequeno, o Kin One, tem memória de 4GB, câmera de 5 MP e tela de 2,6”. O Kin Two é um pouco maior (3,2”), tem memória de 8 GB e câmera de 8 MP. O sistema operacional não é o Windows Phone 7, mas ele é bem parecido

Kin Two


___________________________________________________________________________________ Sony lança pequeno MP3 player à prova d’água (12/04/10)

A Sony aproveitou esta onda de geração saudável jovem que curte correr e lançou um walkman todo moderninho, colorido e, o melhor, à prova d’água. O Sony W250 foi feito para aquelas pessoas que curtem esportes e é, basicamente, um fone de ouvido com um acessório colorido do lado.

O gadget tem capacidade de 2GB ou 4GB e suporta vários tipos de extensões musicais. A bateria pode ser totalmente recarregada em apenas 3 minutos – e, com isto, você consegue escutar até 90 minutos de música. O aparelho vai começar a ser vendido em maio e custará cerca de 100 dólares nos EUA. _______________________________________________________________________________ Microsoft deve anunciar smartphone na próxima semana (06/04/10)

Os celulares, que serão vendidos pela operadora Verizon Wireless nos Estados Unidos, serão direcionados a usuários de redes sociais, de acordo com as fontes. A Verizon Wireless é uma joint venture entre a empresa de telefonia Verizon Communications e o Vodafone Group.

A Microsoft enviou convites à imprensa para um evento em San Francisco na próxima segunda-feira (12), mas não deu detalhes. Um representante da Verizon Wireless também não quis comentar. Segundo as fontes, os aparelhos devem ser fabricados pela Sharp. A empresa de eletrônicos japonesa já fabrica outro celular da Microsoft, o Sidekick, bastante popular entre os mais jovens. A maior fabricante de softwares do mundo já tem seu pé no mercado de telefonia móvel com uma versão de seu sistema operacional Windows para celulares, que vende para diversas fabricantes de aparelhos. No entanto, a Microsoft vem perdendo sua fatia do mercado para a Apple, o Google e outras empresas que crescem no setor de smartphones. ______________________________________________________________________________

NOVA IORQUE - Analistas de Wall Street se juntaram às massas nesta segunda-feira e definiram o lançamento do iPad da Apple como "sólido", com alguns apontando que as vendas do aparelho chegarão a 5 milhões de unidades nos primeiros 12 meses. Em comunicado nesta segunda-feira, a Apple diz ter vendido mais de 300 mil iPads no dia de lançamento do produto, incluindo as entregas das pré-encomendas, canais de parceria lojas Apple Store. Os usuários do tablet fizeram download de aproximadamente 1 milhão de aplicativos disponibilizados pela App Store.  (05/04/10)

Pelo menos quatro corretores elevaram seu preço-alvo e estimativas anuais de desempenho da Apple, dois dias depois do produto chegar ao mercado. O analista Mark Moskowitz, do JP Morgan, estima que a margem do iPad seja de 51 por cento e espera que a Apple venda cerca de 4,8 milhões de unidades nos primeiros 12 meses. Jeffrey Fidacaro, analista na Susquehanna Financial, elevou suas estimativas de venda de 2,1 milhões para 4,8 milhões de unidades. _____________________________________________________________________________

Vendas do iPad começam dia 3 de abril (05/03)

A Apple confirmou as especulações de que a estreia do iPad ocorreria com atraso e anunciou que seu tablet na versão Wi-Fi (sem suporte a 3G) chega às lojas americanas dia 3 de abril, um sábado. Consumidores americanos poderão reservar seu iPad pelo site apple.com a partir da próxima sexta-feira, dia 12. Inicialmente, a companhia havia anunciado as vendas do iPad para o final de março. No mesmo comunicado, a companhia afirma que a versão com 3G chegará às lojas “no fim de abril”, sem determinar um data específica. Também até o final de abril o dispositivo será vendido em outros nove países: Austrália, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Espanha, Suíça e Reino Unido. O comunicado da Apple não faz referência a outros países fora deste grupo de dez mercados que receberão o iPad em abril. Em janeiro, quando Steve Jobs exibiu o iPad pela primeira vez, a Apple previu que seu dispositivo chegaria a “outros mercados” somente no segundo semestre deste ano.

Os preços para o mercado americano já eram conhecidos : iPad 16GB Wi-Fi U$ 499 // iPad 32GB Wi-Fi U$ 599 // iPad 64GB Wi-Fi U$ 699 // iPad 16GB Wi-Fi e 3G U$ 629 // iPad 32GB Wi-Fi e 3G U$ 729 // iPad 64GB Wi-Fi e 3G U$ 829 ___________________________________________________________________________

Dock-alarme da iLuv faz a cama tremer, literalmente (02/03)

Às vezes acordar é uma das partes mais chatas do dia, para não dizer a mais chata. Para ajudar os geeks nessa difícil tarefa, a iLuv lançou seu novo dock para iPod, que, além da tradicional função do alarme, também faz a cama tremer. Funciona assim: junto ao dock vem um periférico parecido com um mouse que vai embaixo do seu travesseiro. Na hora de despertar, ele chacoalha sua cabeça e toca música em volume alto ou baixo. Por que ninguém inventou isso antes?

De resto, o iLuv Premium iMM178 Vibe Plus é um dock-alarme normal, com rádio FM, display de LCD e dupla opção de hora para despertar. Ele é compatível com praticamente todos os tipos de iPhone e iPod. A tremedeira custa 89,99 dólares e já está à venda lá fora.(Priscila Jordão)

Comentar

Você precisa ser um membro de universomovie para adicionar comentários!

Entrar em universomovie

Badge

Carregando...

Fashion Films

models.com

September Reign

image

Top models return to the covers of September issues! More...

Vídeos

  • Adicionar vídeo
  • Exibir todos

We are so Droeë

Sweetie

Publication: Love Magazine Fall/Winter 2014-2015 Model: Cara Delevingne Photographer: Liz Collins Fashion Editor: Phoebe Arnold Hair: Shon Make-up: Miranda Joyce

fashion editorials.com

Smile

Ad Campaign: Fendi F/W 2014.15: Ashleigh Good & Nadja Bender by Karl Lagerfeld

Creative director Karl Lagerfeld of Italian brand Fendi photographs its fall/winter advertising campaign, in Rome’s Palazzo della Civiltà. Nadja Bender returns with Ashleigh Good replaces Joan Smalls, the pair pose by clean lined architecture in light and airy imagery. Styled by Charlotte Stockdale, Hair by Sam McKnight, Make-Up by Tom Pecheux.


Comment / Full Post

Ad Campaign: Proenza Schouler F/W 2014.15: Julia Bergshoeff by David Sims

Dutch rising star Julia Bergshoeff is the new face of Proenza Schouler’s fall/winter advertising campaign. The New York-based label continue the collaboration with legendary photographer David Sims for the campaign with simple, sleek yet vibrant, nineties-feel imagery.

Comment / Full Post

Geral Cinema

Jamie Foxx interpretará Mike Tyson no cinema

O ator Jamie Foxx interpretará o ex-boxeador Mike Tyson nos cinemas, um filme que terá roteiro de Terence Winter ("O Lobo de Wall Street", 2013), publicou nesta quarta-feira a revista "Variety"....

© 2014   Criado por universomovie.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço